segunda-feira, 5 de junho de 2017

Sobre o Mr Bow e os curandeiros




Américo Matavele estava a sentir-se preocupado.
5 h



Sinceramente!
Eu não entendo como é que as músicas do Mr Bow podem ser o que são por causa dos curandeiros. Será que eles escrevem as músicas para ele com aquelas conchas? Desenham a melodia com uma "tchowa" (rabo de boi ou sei lá de que animal, aquilo que eles usam como radar).
Eu escuto e gosto do conteúdo das músicas dele, porque para mim tem significado, e são socialmente responsáveis. Que curandeiro tem essa capacidade de "vacinar" alguém para ser tão bom como o Bowito?
Outras coisas pá. Experimentem ir ao curandeiro (o mesmo), e vos txunar par serem excepcionais e depois arranjem uma poltrona e enfiem-se, a ver se sobressaem.
Deixemos as pessoas trabalharem. O nosso problema é de ignorar o historial das pessoas com sucesso, e nos apegarmos aos resultados.
Quantas noites mal dormidas que o homem passou? Quanta frustração no início da sua carreira? Quanta letra rasgada acompanhada de lágrimas de frustração? Quantas editoras fecharam-lhe a porta na cara? Quanta fome e quanta sede sovaram no gajo? Quantos quilómetros caminhou a pé, para chegar atrasado e ser dito que não é serio? Isto tudo já não conta por causa de uma foto com um curandeiro?
Convenhamos, o sucesso é produto de trabalho e não de magia. É produto de insistência na crença da capacidade. É produto da fé no sucesso das pequenas coisas em si próprias. Mr Bow saiu de longe, e agora está ali. Deixem-no em paz.
Nhanisse!
Comentários
Rafael Ricardo Dias Machalela Nhanisse! Aquilo só pode vir de mentes pequenas... e AM nem devia dar atenção a esses...



2
5 h

Homer Wolf eh eh eh... não é?!🤣 

O grande Jah Yahwah a perder noites arquitectando uma estratégia de defesa de Mistabáwa!... Se isso cabe na cabeça d´alguem
A propósito do Mr Bow e seu "padre"...

Se tu não sabias, então sabendo desde já que os "tinyanga" são os padres da religião nativa africana.
Em vez de tu fazeres "assunto" o facto de o Mr Bow ter-se feito fotografar com o seu padre, repudia os insultos dos charlatães da IURD às tuas tradições! Repudia e luta contra a colonização cultural e religiosa! Valoriza as tuas origens, as tuas tradições culturais e religiosas não nocivas, porque elas são o que tu és de verdade!
GostoMostrar mais reações
Comentários
Forbes Nhaca Concordo plenamente contigo caro Prof. JJC.
GostoMostrar mais reações
1
1 h
GostoMostrar mais reações
1
1 h
Seigneur Zacharias 👏👏👏👏
GostoMostrar mais reações
1 h
GostoMostrar mais reações
1 h
Gaide Casanova Casanova Não tiro e nem ponho. concordo plenamente. Julião João Cumbane
GostoMostrar mais reações
1 h
GostoMostrar mais reações
1 h
Angelo Francisco Concordo.
GostoMostrar mais reações
1 h
Idrisse Mário Concordo plenamente, temos que valorizar a nossa cultura!
GostoMostrar mais reações
1 h
Mansur Bazilio falou o prof.
GostoMostrar mais reações
1
1 h
Arlindo Armando Matavele Os ministros,os pca's,os directores seniores,as prostitutas de elite,os negociantes,os criminosos impunes,as lindas secretarias executivas,os padres e seu associados conhecem muito bem aquelas palhotas onde entram 2horas da madrugada disfarcados ateh com mascara de carnaval
GostoMostrar mais reações
1
1 h
Edson Agostinho Sangue Sangue Bem dito.... 

O problema do negro e pensar que o que vem de fora e sempre o melhor...
GostoMostrar mais reações
1
1 h
Sphiwe Kotch Li num livro que nyanga é o mestre que faz ku femba.
GostoMostrar mais reações
1
1 h
GostoMostrar mais reações
1 h
Miguel António Tembe Certo professor
GostoMostrar mais reações
1 h
Sphiwe Kotch Já que é preciso valorizar, por que essas coisas de as 2 de madrugada e com máscaras. Vamos ser autênticos.
GostoMostrar mais reações
2
1 h
Artur Sitoe O problema oh Julião João Cumbane, é que nós fomos muito "bem" colonizados. Ku phalha é adorar espíritos malignos, assim basta meu pai morrer é espírito do mal. Enfim, só um pouco de Antropologia Cultural de Moçambique ajudaria a reviver a cultura Moçambicana. Não é por acaso que andamos desnorteados, é porque perdemos as raízes!! Imaginem o que aconteceria com uma árvore suspensa.
GostoMostrar mais reações
4
1 hEditado
Xanah Pretucha Desta vez o professor superou... Gosto
GostoMostrar mais reações
1 h
Sphiwe Kotch A todos interessados aconselho leitura deste livro. É muito bom!
GostoMostrar mais reações
3
1 h
Edson Agostinho Sangue Sangue Onde posso econtrar?? Pfv
GostoMostrar mais reações
Agora mesmoEditado
Elson Cuna O professor a dias vos advirtira acerca dessa vossa/nossa "cueitadice" intelectual, mas continuais com o " sim senhor, apoiado professor, lógico, concordo"!!! Argumentem, caras...
GostoMostrar mais reações
1
1 h
GostoMostrar mais reações
1
1 h
Crespim Mabuluko Nem mais!!!
GostoMostrar mais reações
1 h
Artur Sitoe A cultura e o pensamento cultural nunca devem se dissociar do desenvolvimento dum povo. Um dos factores da perpétua pobreza de África é a imposição das políticas públicas exógenas que violam princípios básicos da nossa convivência social. Sem exagero, por exemplo, o conceito original do termo corrupção na nossa sociedade é diferente daquele que nos é trazido de fora e configurado no nosso ordenamento jurídico e como resultado, no lugar de reduzir o índice aumenta e de forma sofisticada.
GostoMostrar mais reações
48 minEditado
Victor Nihia FANTÁSTICO ponto de vista. Receba a minha vénia!!
GostoMostrar mais reações
57 min
GostoMostrar mais reações
53 min
GostoMostrar mais reações
38 min
Tony Ferreira O Mr. BAW só está fazendo a parte dele os incomodados que se l......ele está numa well.
GostoMostrar mais reações
28 min
Xavier Jorge Uamba Bem dito. Essa serviu
GostoMostrar mais reações
21 min
Mercia Cossa Bem mesmo. Tsem!
GostoMostrar mais reações
9 min
Abilio Muianga Tamos juntos mano nesse ponto
GostoMostrar mais reações
6 min
GostoMostrar mais reações
5 min
Nelson Matsinhe De acordo, tem gente por aí que pagaria pra substituir a pele. Valor só tem o de lá tsc

El Patriota É Mistabáwa mesmo?

3 h

Mussá Roots "Conchas" (tinlholo) e "tchowa" não é para consulta, Jah! O tratamento em sí é feito com base noutras cenas, ou não? Eh eh eh eh...


A verdade é que o tondge existe e é usado em várias esferas da vida, incluindo a musical...se ele usa ou não, não é possível saber e nem é da nossa conta...isso é verdade.



1
4 h

Kuyengany Produções Assim para dizerem que Guebas tambem tem um Curandeiro que lhe Iliba das Dìvidas?......Vocês procuram problemas pah!!!



6
4 h

Américo Matavele Sé ú dzahíle já.



4
4 h

Américo Matavele 🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣



1
4 h

Kuyengany Produções Jah ni hôni yini mini Mano Meco lani khassi?



2
4 hEditado

Américo Matavele Yuh mama. Tsáma kohálano ni pancada dzáku, bai.



1
4 h

Kuyengany Produções Até futsi nômu nhimélela mini Bôisse péllássi



3
4 h

Américo Matavele 😕😕😕😕



2
4 h




2
4 h

Kuyengany Produções Si vhani dhévi ama txila ya unimoz ndjê!......



3
4 h

Mansur Bazilio hinga nymane pah. moni toquilita



1
4 h

Kuyengany Produções Nina wéni mini mano Meco Pélassi mini



1
4 h

Américo Matavele Wéna úyo desertara phelássi. Miná ni dzí kumíle txíla, ni ma énco. Wéna úku bála.



2
4 h

Kuyengany Produções Funtsy ni djula axi_Kômu xanga ni butxa ni ma_bota yakoni e tudo.....



2
4 hEditado

Américo Matavele Kakakakakakakakakakakakakaka... Mine ní swí biznar lógo koláyana, para ní kuma mále yá xápa, djón.



2
4 h

Kuyengany Produções Mini nita kuza amu_guénganu waku....Jah weni utani pfuna aku recuperara à m'Bodlha dzanga

4 h

Milton Chissano Ya , a xipicu xikhulimiwaku lani a hipara a muguengani ya Museu ixi entendera .



2
1 h

Milton Chissano Maje vabiwa pah.... sê vale Mr B a khenglhile a talento, a sucesso ,otendera ta utomi layena ou imunganu wa nhyanga ?



1
1 h

Kuyengany Produções Vha Kéndhla axika-n'wi ndje!



2
1 h

Milton Chissano Kkkkkkkkk

57 min

Américo Matavele Fàmba kúle wéna PA.



1
52 min

Kuyengany Produções Mini ni Lhàiya Bôisse pah



2
49 min

Lúcio Langaa Meia volta vão ao nhanga pra terem sorte em alguma sorte ou pra fazer tal de banho , proteção swiku yini yini...

4 h

Mansur Bazilio até escrever isso no jornal.não aguentei com essa gente



1
4 h

Américo Matavele Nhongwistas, mano. Nhongwistas.



3
4 h

Mansur Bazilio maningue.mas esses tipos escrevem assim num pasquim então me ponho a pensar como deve ser a conversa deles com os vizimhos e por ai fora. tcs



2
4 h

Elias Matsinhe Bem elaborado mano.



2
4 h

Dina Mendes Palhacada....esses invejosos nao param ......Américo Matavele gostei sao uns nhonguistas e nao trabalham vasculhando a vida alheia.....



1
4 h




1
4 h

Jay Cee Malôa Uma boa análise... peca pelo seu desconhecimento do mundo oculto. Ñ digo que ele vai ou ñ aos curandeiros. Isso é do forum privado dele, a nao ser que o mesmo confesse que o faz. 

Agora, deixa te responder que o ocultismo pode influenciar e muito na performance de qualquer pessoa. 


Como é que isso ocorre no caso de um artista? No momento em que o artista se aproxima de um invocador de espíritos, este solicita que uma entidade acompanhe a carreira do mesmo. Isto é chamado de pacto ou aliança. 

Dependendo do tipo de pacto, pode se usar varios instrumentos, desde a animais, amuletos, consagrações, trocas físicas ou espirituais, invocações, durmidas em cemitérios, aquisiçao de objectos macabros, construção de altares etc etc. Cada nível de pacto marca o grau de complexidade do tratamento. Nestes pactos, níveis e quantidades de espíritos sao transpassados, e depende muito do nível de curandeiro que faz k tratamento. Nem todos têm as mesmas capacidades. 

Estes espíritos embora ñ te façam cantar melhor, sao determinantes para influenciarem o níveis de inspiração. Muitos cantores de rock por exemplo, testemunharam que a noite, ao dormir, ouviam a música que depois compunham no estudio. O mesmo se ouve de pintores, escultores ou escritores. Ao escutares a música, o conteúdo é macabro e com mensagens subliminares.

Estes espíritos tb podem ser determinantes para conceder finanças para a execução do trabalho que se pretende. Ademais, Lúcifer é conhecido pelas suas capacidades artísticas.

Se quiseres mais detalhes sobre isso, falamos.



1
4 h

Dina Mendes Percebe- se a explicacao que das.....mas qual e o problema dele o fazer....e vida dele tsem.....vamos nos focalizar na musica e danca...o resto nao e da nossa conta



1
4 h

Américo Matavele Não acho essa explicação tão local assim. O problema é a influência que a música tem em nós. Eu entendo as letras do Mr Bow. Entendo—as como carregadas de um significado de construção social muito positiva. A minha questão é onde entra o oculto aqui? Conheço o desenvolvimento da carreira do homem, e tenho em mente o sofrimento que teve para atingir está perfeição. Se fosse um artista que começou hoje a cantar e logo teve está ascensão, ai podia levar essa hipótese. Mas é um músico que teve vários momentos de desenvolvimento, chegando a trocar de tipo de estilo musical que abraçou.

4 h

Jay Cee Malôa No inicio da sua retorica dizias que nao entendias como a musica poderia ser influenciada pelos curandeiros. Trouxe alguns subsidios ao de leve . Ate podia ser mais exaustivo, mas cansa ler jornais no fb. Quem faz o quê e como faz tb disse que é de forum privado. Entao nao pretendo explicar se existe um pacto na vida dele ou nao, embora saiba. No entanto, e uma nota, quando cantores trm pactos, o que cantam pode ter influencia espiritual naqueles que ouvem.



1
3 h

El Patriota Concordo bro. Nessas caminhadas a pé que te referes, quanto suor o jovem não derramou e por via disso quanta catinga não exalou? O mundo ralha, ralha enfim...



2
3 h

Carlos Da Fonseca Nesse sentido, é bem provável que a macumba de "emici rodja" tenha acabado já que ele não tem sucesso nos dias que correm.



3
3 hEditado

Estevao Nhanzicue Jr. Mais fama pra o bowito,ate fora d moz...a fofoca é k faz você ser famoso.

3 h

Cidy Magaia Epha é djelouss ntseee.

3 h

Sergio Serpa Salvador O nosso pensamento é miserabilista demais. É rico porque foi ao curandeiro. É bom jogodor porque foi a panela de vovó. É sucedido escola porque tem amuleto. É um bom profissional porque foi tratado no curandeiro. É bom músico porque trabalha com curandeiros. Bem vindo a mediocridade. Quer dizer, os outros é que fazem bem sem com curandeiros. Em moz, o sucesso depende de curandeiros. Moz é um grande ESTUDO DE CASO. Nhanisse!!



2
2 h

Rode Andrad Todo trabalho bem feito o resultado e positivo ok temos ki faser e dar força a eli para ñ termos mesma cituaçao com os outros!

12 min

2 comentários:

Anónimo disse...

Unyanga nem o livro sugerido ou outros sobre as questões da relegiao nao estao mais que a palavra de Deus. a.C. houve grandes profetas e bons filósofos e teologos mas a plavra de Deus continua inabalavel a transformar o ser humano para a salvacao divina.
Atencao: o ceistianismo ee universal nao se identifica com a raça, cultura nem outra coisa da nossa limitacao como humanos.

O Dono da Liberdade disse...

Meus caros!
Mr. Bow é um artista, e ele comporta-se como tal. Investigação da nossa cultura para compor sesus trabalhos. è isso mesmo Bowito, continua não se deixe abalar por aqueles que não entendem nada de cultura e só querem derrubar os que verdadeiramente trabalham.
Mr. Bow como artista deve e tem que ir ás raizes cavar fundo para explicar verdadeiramente a nossa cultura. Como alguém vai canta sobre as nossas tradições se não as conhece no fundo? Então tem que ir aos conhecedores e praticantes consultar, investigar, interrogar, pesquisar a cultura.
Força irmão! Vitória na guerra!

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.