segunda-feira, 19 de junho de 2017

polícia britânica diz que ainda é cedo para saber se morte junto à mesquita foi causada por ataque

Ao minuto:

Polícia deteve um suspeito, que terá atropelado um número indeterminado de pessoas fora da estrada em Finsbury Park, junto a uma mesquita. Conselho Muçulmano diz que se trata de um acto de islamofobia. Polícia está a investigar "potencial ataque terrorista".
Há 3 min.

"Temos de responder com união"

O comissário europeu para as Migrações, Dimitris Avramopoulos, condenou o ataque e responde a todos os que "tentam dividir a nossa comunidade", apelando à união.
Strongly condemn attack near Mosque at .To those who wish to divide our communities, we have to respond with unity.
Há 8 min.

Corbyn desloca-se à mesquita esta segunda-feira

O líder dos trabalhistas, Jeremy Corbyn, diz estar "chocado por este horrífico e cruel ataque" que está a ser “tratado como um acto de terrorismo” e oferece as suas condolências às vítimas do ataque, adiantando que marcará presença esta segunda-feira nas orações de homenagem às vítimas, na mesquita alvo do ataque.
I am shocked by this horrific and cruel attack in Finsbury Park, which is being treated as an act of terror.
Há 42 min.
Pelo menos dois dos feridos estão em estado "muito grave", informam as autoridades britânicas.
Há 47 min.

Afinal, morte junto a mesquita poderá não ter sido provocada pelo ataque

Depois de num primeiro comunicado as autoridades britânicas terem dado conta de uma vítima mortal, durante esta manhã, o coordenador do departamento de contraterrorismo informou que ainda era "cedo" para determinar se a morte junto da mesquita foi mesmo causada pelo ataque. As informações mais actualizadas dizem agora que o homem que morreu no local já estaria a receber socorro quando o ataque aconteceu.
"Qualquer ligação entre a sua morte e o ataque fará parte da investigação. Ainda é muito cedo" para conclusões, sublinhou.
No mesmo comunicado, o responsável adiantou que não foram identificados mais suspeitos para além do homem de 48 anos, já detido pelas autoridades.

Vítimas são todas muçulmanas

Todas as vítimas do ataque são muçulmanas, confirmou esta manhã de segunda-feira o assistente do comissário da Polícia Metropolitana de Londres, Neil Basu, coordenador do departamento de contraterrorismo, numa declaração aos jornalistas. 
O ataque, que tem "todas as características de um ataque terrorista" acontece numa altura "desafiante" e os serviços de emergência estão por isso sob pressão, acrescenta.
O resposável elogiou ainda a forma como os populares actuaram, impedindo a fuga do suspeito.

Foi um "ataque terrorista contra muçulmanos", diz Cameron

O antigo primeiro-ministro britânico, David Cameron, chama-lhe um "terrível ataque terrorista contra muçulmanos" na "pacífica" zona de Finsbury Park.
Appalling terrorist attack against Muslims worshipping peacefully in Finsbury Park. We must all stand together against such evil.

Ministra do Interior pede união e determinação

“O meu pensamento está com todos os afectados pelo incidente em Finsbury Park”, começou por assinalar a ministra do Interior. Amber Rudd afirma que está “em contacto com a Polícia Metropolitana que confirmou que o ataque está a ser investigado pelo departamento de contraterrorismo”.
A governante lembrou que ontem, “como tantos outros no país”, marcou presença no Great Get Together para lembrar Jo Cox, a deputada britânica assassinada dias antes do referendo sobre o "Brexit". “Foi poderoso e emocionante ver a comunidade unir-se em solidariedade. Devemos todos manter-nos unidos e determinados contra aqueles qpe nos querem tentar separar e espalhar ódio e medo”, vincou a ministra do Interior, num discurso partilhado por um repórter da BBC.

Uma mesquita "multicultural e amigável"

Uma associação de voluntários londrina, que trabalha pela segurança da região, partilha uma imagem da mesquita de Finsbury Park, uma mesquita "multicultural e amigável", assinala um jornalista do Guardian, afastando qualquer associação extremista à mesquita atacada.
This is what Finsbury Park is like. Not a hotbed of extremism, in case you were wondering. Far far from it. It's multicultural and friendly. https://twitter.com/shomrim/status/876678438102454272 
As autoridades britânicas afirmam que responderam ao pedido de ajuda em dez minutos. A informação é partilhada por um réporter da BBC, na sua conta pessoal do Twitter.
Police saying they were on the scene at  within 10 minutes of getting the call.
Pelo menos um morto e uma dezena de feridos são o primeiro balanço de mais um "potencial ataque terrorrista" ao início da madrugada desta segunda-feira, em Londres, no Reino Unido. O incidente, considerado um acto de islamofobia, aconteceu junto de uma mesquita, no terceiro ataque concretizado através de um atropelamento só nos últimos três meses, na capital britânica.
Bom dia. Iniciamos aqui a cobertura ao incidente desta madrugada em Londres. Ao longo do dia, acompanharemos as reacções, com informação actualizada sobre os feridos e evolução das investigações.

Sem comentários:

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.