segunda-feira, 10 de julho de 2017

Macia em chamas

  
  
  
  

“Retirada dos vendedores da Macia visa protege-los de acidentes de viação na estrada”

Presidente do Município da Macia surpreso com a atitude dos vendedores
Em reacção à manifestação, o presidente do Município da Macia, em Gaza, Reginaldo Mariquel, disse estar surpreso com a atitude dos vendedores, uma vez que já havia anunciado a media há algum tempo. ”Estou estupefacto pela manifestação, no que podemos constatar esta é uma reacção a uma medida por nós tomada, que é tirar esses vendedores para os mercados. Este é um trabalho que vem sendo desenvolvido desde o ano passado. Trabalhamos juntos na mobilização e registo dos vendedores para ocuparem os espaços no mercado que construímos. Tivemos um diálogo com eles através de encontros e houve um trabalho de divulgação desta medida na imprensa e chegamos ao entendimento que a partir de hoje saíssem da rua para o mercado. A infra-estrutura existe, foi construída e está em condições de albergar os vendedores ”, explicou o edil que depois disse que a medida visa beneficiar o vendedor e os utentes.
“Esta medida visa reduzir os acidentes de viação que acontecem na vila, e não só proteger o consumidor que acaba comprando produtos que ficaram muito tempo expostos ao sol e outros agentes”, disse.
Quanto à reclamação dos ambulantes de que estariam a ser cobrados 5 mil meticais para ter bancas no novo mercado, o presidente do município disse desconhecer essa prática. “Não tenho essa informação, o único valor que o vendedor paga é referente a taxas municipais”.

Polícia diz que está por se apurar quem teria disparado contra manifestante
Devido à situação, o Comandante Provincial da Polícia, em Gaza, Zito Maconha, teve de se deslocar ao local e confirmou a existência de um ferido a bala.“Quando soubemos da situação, nos posicionamos em pontos onde havia focos e procuramos manter a ordem e segurança pública. Registamos um ferido, ainda estamos a averiguar de onde teria sido disparada a bala, vamos identificar o responsável. A vítima foi atingida no membro inferior e foi levado ao hospital e está em estado estável.”
Em contacto telefónico com o comandante de Gaza, por volta das 19:30, este garantiu que a via havia sido reaberta depois de uma negociação com os vendedores.

Sem comentários:

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.