quarta-feira, 10 de maio de 2017

“Não há confirmação legal de que os corpos encontrados na Moamba são dos reclusos sequestrados”


Ministro do Interior diz que a Polícia está a trabalhar para apurar as circunstâncias em que José Coutinho e Alfredo Muchanga foram sequestrados
Na primeira reação ao provável assassinato dos réus José Coutinho e Alfredo Muchanga, o ministro do Interior defendeu que a vida de qualquer cidadão deve ser protegida. Porém, Basílio Monteiro diz que ainda não há confirmação legal de que os restos mortais encontrados na Moamba são dos dois reclusos sequestrados em plena viatura da Polícia na baixa da cidade de Maputo.
Quanto às alegações dos familiares de José Coutinho segundo as quais foi a própria Polícia que sequestrou e assassinou os dois réus, o ministro do Interior diz que a acusação é improvável.
Segundo o ministro do Interior, neste momento correm duas investigações na Polícia, uma para apurar as circunstâncias em que os réus foram sequestrados e a outra para identificar e neutralizar os autores morais e materiais do assassinato ocorrido em Moamba.

Sem comentários:

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.