segunda-feira, 29 de maio de 2017

Túmulo de Charles de Gaulle vandalizado em França


Um homem e uma mulher estão a ser procurados pelas autoridades francesas.
O general Charles de Gaulle morreu em 1970
Foto
O general Charles de Gaulle morreu em 1970ARQUIVO
Dois suspeitos – um homem e uma mulher – estão a ser procurados pela polícia francesa depois de o homem ter vandalizado a campa do general Charles de Gaulle, ex-líder francês e uma das figuras mais veneradas em França, enquanto a mulher o esperava no carro. O episódio aconteceu neste sábado, no Norte de França e o momento de vandalismo foi captado pelas câmaras de vigilância presentes no local.
Charles de Gaulle encontra-se sepultado no Norte de França, em Colombey-les-deux-Eglises, a cerca de 250 quilómetros de Paris. Os actos de vandalismo aconteceram durante o dia de sábado, por volta das 17h, de acordo com o site da France 3. Segundo o procurador da cidade, Frédéric Nahon, tudo aconteceu em menos de um minuto: “O homem dirigiu-se directamente à campa do general. Deu um primeiro pontapé e depois usou as mãos para fazer cair a cruz [que partiu]. Depois, cuspiu duas vezes em cima da campa”, relata.
A priori, não há qualquer motivação política”, explica, por sua vez, o presidente da câmara de Colombey-les-deux-Eglises, Pascal Babouot, adiantando que não foram feitas quaisquer inscrições no sepulcro; afirmou que em causa está alguém “bizarro” e um tanto “perturbado”. “Não estamos certos quanto à profanação, estamos certos quanto à degradação”, conclui, também citado pela France3.
As câmaras de vigilância captaram o momento em que o homem – com a face descoberta e com cerca de 30 anos – sobe para cima da campa do general de Gaulle, e dá um pontapé num pedestal que estava em cima do sepulcro. Isto enquanto a segunda pessoa, uma mulher, esperava no carro. O Presidente da República Francesa, Emmanuel Macron, afirmou em comunicado que o túmulo seria reparado o mais rapidamente possível, tendo ainda apresentado os seus sentimentos à família do general pelo acto de vandalismo.
O general Charles de Gaulle nasceu em 1890 e morreu com 80 anos, a 9 de Novembro de 1970. Durante a Segunda Guerra Mundial liderou as Forças Francesas Livres e foi Presidente da França entre 1959 e 1969. Na campa está enterrado não só o general mas também a sua mulher e a sua filha. Nenhum incidente do género se tinha registado desde 1970, altura em que foi sepultado.

Sem comentários:

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.