terça-feira, 30 de maio de 2017

Tiro de princesa belga deixa primeiro-ministro com problemas de audição


Não é conhecida, para já, a gravidade da lesão, mas Charles Michel teve de cancelar a agenda de terça-feira.
O episódio aconteceu este domingo
Foto
O episódio aconteceu este domingo LUSA/ROBERT GHEMENT
O primeiro-ministro belga, Charles Michel, ficou com problemas de audição depois de a princesa Astrid ter disparado um tiro para dar início a uma corrida de 20 quilómetros na capital do país. O incidente aconteceu este domingo, em Bruxelas, quando o governante belga marcava presença na 38.ª edição do evento, ao lado da família real.
O momento foi captado em fotografia, onde é possível observar a reacção de dor de Michel ao disparo da princesa Astrid, de 54 anos, irmã mais nova do rei Filipe, de 57 anos. Na altura, o primeiro-ministro belga pareceu ter recuperado, e partilhou imagens da corrida na sua conta do Twitter. No entanto, na segunda-feira de manhã teve de ser observado pelos médicos.
Já esta terça-feira de manhã, a agenda do governante belga teve de ser cancelada. “O primeiro-ministro deverá cumprir um conjunto de tratamentos nas primeiras 48 horas após o incidente”, detalhou à imprensa o seu porta-voz, Barend Leyts. Os tratamentos dever-se-ão prolongar até ao final da semana, adianta a mesma fonte, citada pelo jornal britânico The Guardian. Contudo, não é para já clara a gravidade da lesão sofrida pelo primeiro-ministro belga.
A família real belga ainda não comentou o incidente.

Sem comentários:

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.