terça-feira, 16 de maio de 2017

EUA acusam Síria de enforcar milhares de prisioneiros e de queimar corpos


 EUA acusam Síria de enforcar milhares de prisioneiros e de queimar corpos

Departamento de Estado norte-americano diz que o Governo de Bashar al-Assad enforcou milhares de prisioneiros e incinerou os corpos num crematório perto da capital Damasco.


O Presidente da Síria, Bashar al-Assad
Foto
O Presidente da Síria, Bashar al-Assad LUSA/SANA HANDOUT

A Administração norte-americana acusou esta segunda-feira o regime sírio de Bashar al-Assad da morte de milhares de prisioneiros e da incineração dos corpos num grande crematório nos arredores da capital Damasco, noticia a Reuters.


O Departamento de Estado garante que estão a ser enforcados 50 prisioneiros por dia em Sednaya, uma prisão militar que se localiza a cerca de 45 minutos de Damasco.
A Administração Trump divulgou ainda fotografias que diz provar que um edifício pertencente ao complexo prisional foi modificado para servir de crematório. A instalação serviria, por sua vez, para ocultar as provas das execuções.
As referidas imagens foram captadas através de satélites, desde 2013. Apesar de não constituírem provas definitivas, a evolução das construções realizadas na prisão são consistentes com a utilização descrita.
Durante a divulgação das imagens, o chefe da diplomacia americana no Médio Oriente, Stuart Jones, afirmou que o regime de Assad entrou num “novo nível de depravação” acusando ainda a Rússia e o Irão de cumplicidade com "estas atrocidades", cita o Washington Post.


  • Romeu

    Anda por aí um comentador de nome João que deve ser agente do governo sirio ou do governo russo. No entender deste senhor, os males do mundo devem-se aos americanos e o Assad é um campeão das liberdades. Quanto aos milhões de refugiados sirios, que proliferam por aí, são perigosos jihaidistas e anti-Assad. Os outros, que estão nas zonas de conflito, sempre que podem correm para os braços do Assad, grande paladino da liberdade. O seu anti-americanismo primário (e evidente) impede-o de ver para além de Damasco, onde tudo corre pelo melhor, para Assad e o seu bando de malfeitores. A sua falta de isenção e imparcialidade é total e roça até o ridiculo.
  • Pergunto ao caro Romeu lá mais atrás e aos outros comentadores que dizem (e têm a certeza absoluta e juram a pés juntos) que o Assad e os militares sírios são maus como as cobras e andam a matar sírios a torto e a direito por dá cá aquela palha, porque será que a grande maioria dos sírios (12 milhões?) lutam com tudo o que têm contra os “rebeldes libertadores”? Porque será que todas as minorias, os cristãos, os druzos, os arménios, os curdos, os alauítas, os yazidis, todos resistem e lutam desesperadamente contra os “rebeldes” que a aliança saudita/americana nos diz serem “libertadores”? Porque será que mesmo os sírios que estão nas zonas “libertadas” assim que podem se refugiam junto aos militares sírios como foi o caso de Alepo há meses, ou Al Waer, ou Qaboun ainda ontem?
    1. E pergunto porque os candidatos a refugiados que chegam cá a fugirem da guerra em geral, nos dizem quando podem … “A vida era bonita na Síria antes da guerra…A vida era tão boa para nós que até faria inveja a quem viesse de fora. Havia paz, tínhamos tudo o que precisávamos. Até chegar a Primavera de 2011.”? Porque será que diz isto o refugiado sírio Wasim Abdrado em “Quero ir para um país onde possa fazer o que sempre sonhei” no Público 21/8/2016? Estará ele a mentir como a aliança saudita/americana diz? Estará ele a mentir como o caro Romeu tem a a certeza certezinha?
    2. E pergunto porque o “rebelde” que se diz enganado confessa e esclarece “Tínhamos de ser combatentes, porque não havia outro emprego. Quem quisesse ficar em Muadhamiya, tinha de aderir ao Exército Sírio Livre (aliança de grupos queridos do ocidente que se dizem não jihadistas). É tudo muito caro. Pagam-nos 100 dólares por mês, mas não chega. Esta guerra é toda ela uma mentira. Tínhamos uma vida boa antes da revolução. E isto nem é uma revolução. Mentiram-nos em nome da religião. Não quero continuar a combater, mas preciso de ter um emprego, de uma casa”? Porque será? (BBC 9/9/2016 “Syria conflict: Grim prospect of 10 more years of war”). Porque será que o sírio se diz enganado pelos “rebeldes libertadores” enviados pela aliança saudita/Americana? Está a mentir e o caro Romeu diz a verdade?
    3. Credo caro Romeu! Aquela malandro do Assad até conseguia proporcionar aos sírios uma vida boa que fazia inveja? Isto no meio de matanças e massacres com que se entretinha para passar o tempo como o caro Romeu diz? Acha que sim? Credo! Mas por qualquer razão o caro Romeu tem a certeza que o Assad é mau como as cobras e gosta de matar, gasear, torturar os seus compatriotas sírios. Sírios que tinham uma “boa vida” que até “fazia inveja” como os próprios sírios eles mesmo dizem? Sírios que procuram junto do governo sírio e do Assad alguma proteção contra os terroristas? Sírios que sonham poder regressar ao tempo antes da “revolução libertadora” iniciada pelos “rebeldes” estrangeiros arregimentados pela aliança saudita/americana?
  • Luís Miguel

    A 7 de Fevereiro, tivemos aqui o artigo «Governo sírio enforcou até 13 mil opositores do regime, denuncia Amnistia». É curioso que ninguém se tenha lembrado de o referir, perante o artigo de hoje sobre a mesma matéria, no qual, por um lado, se «garante» e, por outro, se refere a ausência de «provas definitivas». Estou ainda a recordar-me do ataque químico em Khan Chaykhun, no início de Abril, assunto que, se não morreu, está bastante adormecido. Levantam-se lebres, mas depois não se passa disso. Não seria possível passar das suposições e acusações para provas cabais, algo irrefutável? Ou será que, extraídas conclusões, não interessa divulgá-las, por serem inconvenientes?
  • Sioux Boumerang

    estes porcos imundos acusam ??? estes porcos imundos que pagaram atraves da cia o primeiro massacre de popolacao portuguesa em angola inclusive forneceram droga a mercenarios zairensses para que o massacre tivesse contornos macabros de odio , cortaram aos bocados ate bebes nas barrigas das maes , foi isto o que pagaram para nos fazer , e a seguir a coberto do anonimato e da perfidia como se de nada soubessem pediram uma condenacao de portugal pela reacaomdo exercito portugues que erradamente pensou tratarse de um ataque de locais , estes mesmo ponto final paragrafo que ainda a mais uma , o,atentadomque vitimou sa carneirome amaro da costa ja foi assumido por um traidor portugues que trabalhava para a cia , recebeu dinheiro da embaixada americana para assassinar estes dois politicos portugu
    1. Corrupto

      Já tinha lido sobre o envolvimento da CIA na morte de Amaro da Costa, mas não sabia do massacre em Angola. Em que ano se passou isso? Tentei pesquisar mas não encontrei grande coisa...
    2. O caro corrupto pode pesquisar … por exemplo no Público “Holden Roberto, um líder angolano entre o tribalismo e o nacionalismo”, ou no Público “Angola 1961: o terror maciço e cru”, ou… Ao mesmo tempo que o massacre avançava com o rastilho e balas da CIA, na ONU os USA deram a machada que estavam à espera levasse a uma “vitória” rápida e fulgurante…
  • Luis Simões

    A epidemia de cólera no Iémen nas últimas semanas já matou 184 pessoas e há 11.000 outros casos assinalados anunciou hoje o Comité internacional da Cruz Vermelha. Entretanto foi também anunciado que os EUA vão vender 1 bilião de armas à Arábia Saudita para continuar a sua guerra contra o Iémen. Isto são factos objectivos, talvez por isso não são notícia por aqui...
    1. Beep Beep

      Se nao soubéssemos que, a acontecer num país amigo, estavas a dizer que era invencao....
    2. Luis Simões

      Isto está a acontecer precisamente agora, no Iémen, segundo revelou hoje o Comité Internacional da Cruz Vermelha. Hoje...
  • Beep Beep

    Acusacoes que nao seriam nada. Nao fosse, como bem diz o Caetano Brandao em baixo, tanta gente que conseguiu fugir a Assad apontar-lhe as atrocidades. Gente que, aos olhos da maralha pró-ditaduras/pró-assassinos, só podem ser uns terroristas mentirosos. Mesmo que sejam raparigas adolescentes.
    1. Beep Beep

      Gente como em "Refugiados: “Não podemos dizer às pessoas 'por favor, não entrem nesses barcos'. Não é uma questão de escolha”". Notícia que nao teve um único comentário dos pró-ditaduras, por razoes mais do que óbvias. Afinal - sim, chamem-me Capitao Óbvio - é uma síria a dizer que Assad é um monstro.
    2. Filipe Sousa

      Quem "foge ao Assad", não é de estranhar que diga cobras e lagartos do mesmo - que grande surpresa! Por outro lado, também há sírios a quem o Assad não incomoda assim tanto; há umas semanas atrás, a SIC fez uma reportagem sonbre refugiados a viver na Europa, e um pasteleiro sírio a viver na Alemanha, disse que gostava de voltar ao seu país, e disse que tinha fugido por causa... da guerra. O "monstro" não estava certamente no topo das suas preocupações. E como ele, haverá outros. O Assad não parece um tipo recomendável, e pelo menos parte do que o acusam será verdade. Quem não me inspira confiança nenhuma são os "amigos" americanos; em cada 3 palavras, 8 são mentira.
  • Saliento que amanhã, dia 16, decorrerão conversações em Genebra sobre a guerra na Síria… Como sempre os americanos e seus tentáculos servis do belicismo e das guerras, quando se aproximam conversações, instigam e incentivam o ódio para que as conversações não levem a acordo algum e a guerra continue, morra quem morrer. Tem sido sempre assim, em Fevereiro foi o mesmo com “notícias” sobre enforcamentos na mesma prisão (que ninguém viu mas que decerto existiram, digo eu) após julgamento, o ano passado foram fotos das vítimas da guerra tiradas pelo departamento governamental para posterior identificação, e todos os não identificados foram rotulados pelos media ocidentais como “manifestantes pacíficos assassinados”, antes tinha sido ... mas nunca claro nada que incomode os jihadistas…
    1. Acha que se o regime sírio está a enforcar prisioneiros e a cremá-los haverá provas para alguém ver?! O regime sírio usou armas químicas contra o seu povo e não tem qualquer credibilidade. Se não fosse a Rússia, este regime sanguinário já teria caído. Com ou sem jihadistas.
    2. Luis Simões

      "amanhã, dia 16, decorrerão conversações em Genebra sobre a guerra na Síria" No princípio, sempre nas vésperas de reuniões da ONU havia atentados terroristas, agora temos atentados mediáticos...
    3. Caro Romeu… credo! O Assad e os militares sírios são tão malandros que 12 milhões ou mais de de sírios procuram junto a eles alguma proteção contra os “libertadores” terroristas… Mas o que é que o caro Romeu anda a ler? É só a Agência da Verdade Oficial? É só a Reuters e suas subsidiárias oficializadas?
    4. “O regime sírio usou armas químicas contra o seu povo” como o caro Romeu afirma, afirma e tem a certeza absoluta, mas porque será que os sírios preferem, quando têm essa hipótese, na sua grande maioria viver segundo as leis do governo do que segundo a dos “rebeldes” terroristas? Em Alepo leste dos 250 mil habitantes que diziam estavam lá só talvez 30 mil recusou ficar sob controlo governamental, em Al Waer perto de Homs talvez um décimo também, como em Qaboun perto de Damasco ainda ontem também, só cerca de um décimo preferiu ir para zonas “libertadas” pelos terroristas. O que é que os sírios não sabem que o caro Romeu sabe?
  • Luis Simões

    "Departamento de Estado norte-americano diz " ??? Não foi o Departamento de Estado norte-americano mas sim uma sobra dos tempos de Clinton e Obama que disse...
    1. Com ajuda dos media que adicionam voluntariosamente mais uma pitadinha tenebrosa... O Público dos em título que os malandros dos sírios "... queimaram os corpos". "Queimaram os corpos" num crematório? O Público referiu que, no caso do Almeida Santos por exemplo, "queimaram o corpo" no Alto de São João? A manipulação venenosa das palavras ...
  • Não sei se será pedir muito aos comentaristas. Tenham senso naquilo que escrevem, e tentem perceber que as guerras todas, mas todas, são sujas. Esta acusação dos USA, fazem parte dela. Quem, até hoje, das potencias militares que querem controlar interesses, não praticou barbaridades. Se houver alguma, digam!... E não me venham com causas humanitárias, ou defesas da democracia.
  • Luis Cruz Gomes

    Que façam como fizeram na Libia e deixem se de conversas...
  • A. C. Magalhães

    Será que a iniciativa da denúncia do Departamento de Estado norte-americano, vai terminar numa queixa á Amnistia Internacional, contra o regíme de Bashar-al-Assad, ou os objectivos são, apenas ,os de marcar posição na agenda , nas próximas cimeiras, em que a ONU esteja também ,presente, para condicionar a actuação, ou a ausência dela, da organização internacional?
    1. Refere-se à Amnistia Internacional que tem criticado igualmente os EUA, os países da UE, a Síria, a Rússia e a China quando estes não respeitam os direitos humanos, ou a Amnistia Internacional que deve ser citada quando acusa os EUA, mas está obviamente comprada quando acusa o Assad ou o Putin?
  • Caetano Brandao

    Não conheço o Luis Simões para alem das barbaridades que vomita neste forum. Mas francamente e de uma vez por todas, será que lhe fizeram uma lobotomia em alguma viagem recente à Siria ou à Russia? Porque é que continua a defender um facínora assassino indesmentivel (factos descritos por incontaveis testemunhas sirias, videos, etc), um ladrão milionario (leia os Panama Papers - são factos documentados por mails, não são opiniões)? Fica-lhe verdadeiramente mal a si e eventualmente ao partido a que pertence. Eu sou de esquerda, mas uma pessoa como o senhor não é de direita ou esquerda faz lembrar os nazis que negavam a evidencia do holocausto. É triste...
    1. Não diga mal do camarada Simões, que é dos bitaiteiros (como eu) de caixa de comentários, com argumentos mais fundamentados. E agora não estou a brincar!
    2. tripeiro

      O que, na verdade, o Minhoto queria dizer é que o Simões é o maior contorcionista destas caixas de comentários e arredores.
    3. Luis Simões

      O Caetano é um inocente que engole tudo o que os queridos media ocidentais lhe despejam pela goela abaixo. Francamente, pessoas como o Caetano fazem-me pena...
  • Este al-Assad é um bruto. Deve-se matar os prisioneiros com humanismo e respeito, vá. Será que estes tipos não conhecem a cadeira eléctrica e a injecção letal?
    1. Filipe Sousa

      E o Agente Laranja está na moda outra vez.
    2. Aí só são admitidas críticas se a injecção estiver fora de prazo ou se a tensão eléctrica não estiver estabilizada.
    3. Beep Beep

      Sou contra a pena de morte. E contra a demagogia de comparar matar por ser assassino em série com matar por ser manifestante pró-democracia.
    4. Filipe Sousa

      E lançar bombas atómicas sobre cidades, encaixa em que categoria de assassino?
  • Fernando José Ferraz Silva

    Contrainformação ? Que moral tem esta gente que bombardeia e mata aos milhões sem discriminar velhos, mulheres , crianças para denunciar os outros ? Desde a primeira bomba atómica, quantos milhões já mataram???? Não chega a exterminação dos indios, a indonésia, a partilha da Coreia onde também liquidaram aos milhões, o vietnam...Querem matar toda a gente que não esteja de acordo com eles? É isto a democracia ????
    1. Homem, as bombas americanas são de grande precisão....e são bombas boas que só matam os maus. Não faça confusões! As bombas do Assad é que levam tudo à frente. Devem ser bombas compradas na loja dos chineses de Damasco, feitas com material pirotécnico que sobrou do ano novo chinês, é o que é...
    2. Luis Cruz Gomes

      ...ninguém se esquece do Afganistão (há dias levou com a maior bomba do mundo ), do Iraque, da Libia...onde houver petróleo é preciso democratizar...


  • Luis Simões

    O o chefe da diplomacia americana no Médio Oriente, Stu Jones nunca sequer pôs os pés na Síria...
    1. tripeiro

      E o Simões, pôs?
    2. tripeiro

      Quando foi mesmo a última vez que deixou o sofá?
    3. Luis Simões

      Como este tipo foi embaixador no Iraque e assistente da Madeleine Albright na ONU calculo que as fotos são as que serviram de pretexto à invasão do Iraque em 2003...
    4. Como não tens meios para corroborar essa afirmação...                     
  • Sem comentários:

    Gadget

    Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.