terça-feira, 3 de janeiro de 2017

Moçambique registou 42 mortes no Natal e Ano Novo

MOÇAMBIQUE


Moçambique registou 42 mortes na quadra de Natal e Ano Novo, a maioria em acidentes de viação, que tiveram uma redução, ao contrário dos casos de violência sexual e doméstica que aumentaram.
ANTÓNIO SILVA/LUSA
Autor
  • Agência Lusa
Moçambique registou 42 mortes na quadra de Natal e de Ano Novo, a maioria em acidentes de viação, que tiveram, no entanto uma redução face ao ano anterior, ao contrário dos casos de violência sexual e doméstica, que aumentaram.
No balanço da quadra festiva esta terça-feira apresentado pelo Ministério da Saúde, os dados relativos ao período entre 20 de dezembro e 02 de janeiro indicam 9.325 ocorrências, dos quais 8.879 dizem respeito a casos de trauma, divididos em desastres de viação, agressão física, objetos pirotécnicos e outros acidentes.
Do total de óbitos, 28 aconteceram em acidentes rodoviários, cinco em agressão física e nove em outros acidentes não especificados.
Embora o número de acidentes de viação tenha reduzido (menos 16%) e também, de mortes nas estradas (menos 21%) por comparação com o ano anterior, foram registados 156 casos de violação sexual e 290 de violência doméstica, traduzindo um aumento de 25% e 7% respetivamente.
Os elementos, esta terça-feira, apresentados pelo Ministério da Saúde foram reunidos em 27 hospitais em todo o país e cerca de um terço dos casos foram registados nas principais unidades de saúde de Maputo.

Sem comentários:

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.