sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

13º SALÁRIO NÃO É NENHUM FAVOR, NÃO É NENHUM SALÁRIO ADICIONAL E SUA AUSÊNCIA É UM ROUBO*

Sérgio Banze adicionou 2 fotos novas.


Leia o artigo abaixo e esclareça-se duma vez por todas:

A mais escandalosa de todas as mentiras do capitalismo é justamente aquela que os trabalhadores mais acreditam: a invenção do décimo terceiro salário.

Eis aqui uma modesta demonstração aritmética de como foi fácil enganar os trabalhadores, com algo que não existe, nunca existiu e nunca existirá, o décimo terceiro.

Suponhamos que você é moçambicano, trabalha em Moçambique e ganha, por hipótese, 4.000 Mt por mês. Multiplicando esse salário por 12 meses, temos ao fim do ano 48.000 Mt, ou seja:

4.000*12 = 48.000 Mt.

Quando chega o mês de Janeiro do ano seguinte, o “generoso” empregador manda pagar-lhe o famoso décimo terceiro salário, regra geral, decorridos os primeiros 15 dias do mês.

Então fica:
48.000 Mt+ 4.000 Mt do décimo terceiro =52.000 Mt

Resumindo:
48.000 (salário anual)+ 4.000 (décimo terceiro) = 5.200 (salário anual mais o décimo terceiro)

O trabalhador vai para casa todo feliz com o seu empregador porque, alegadamente, para além do salário convencional, ainda recebe um outro gratuito, o décimo terceiro.

Agora veja bem o que acontece quando o trabalhador procura um simples professor de aritmética do primeiro grau da escola mais incompetente de Moçambique, mas que pelo menos sabe fazer o cálculo aritmético, do tipo 1 banana+1 banana = duas bananas:

Se o trabalhador recebe hipoteticamente os 4.000 Mt por mês, conforme o nosso exemplo, tendo o mês quatro semanas, significa que ele ganha por semana 1.000 Mt. Isso é isso, pois não? Até aqui estamos juntos.

Assim,
4.000 Mt (salário mensal) / 4(semanas do mês) = 1.000 Mt (salário semanal).

O ano tem 52 semanas, não é verdade?

Se multiplicarmos 1.000 (salário semanal) por 52 (número de semanas do ano) o resultado será 52.000 Mt

1.000 Mt (salário semanal) * 52 (número de semanas anuais) = 52.000 Mt

Como se pode constatar, o resultado acima é o mesmo valor do salário anual mais o décimo terceiro.

Surpreendido? Talvez. A pergunta é: onde está, portanto, o famoso 13º salário ?

A explicação é simples. O empregador rouba-lhe uma parte do salário durante todo o ano, pela simples razão de que há meses com 30 dias, outros com 31 e também meses com 4 ou 5 semanas.

Apesar de existir esses meses de cinco semanas, o empregador só paga quatro semanas, mesmo que esse mês específico tenha 30 ou 31 dias, 4 ou 5 semanas.

No final do ano, o empregador, quer seja o Estado ou o privado, fingido de generoso religioso que gosta e sente pelo seu empregado presenteia o trabalhador com um tal décimo terceiro, dinheiro que saiu do próprio bolso do trabalhador.

É por isso, que em outras paragens o trabalhador recebe semanalmente e no fim do ano não tem décimo terceiro. Foi roubado porque não recebeu décimo terceiro? Não! Ganhou justamente o mês que recebia no regime mensal+décimo terceiro.

Daí que, como palavra final para os trabalhadores inteligentes: não existe nenhum décimo terceiro. O empregador apenas lhe devolve o que sorrateiramente lhe surrupiou durante todo o ano.

Agora imaginemos o caso de Moçambique: o décimo terceiro salário, no caso concreto da Função Pública não é a totalidade do salário que o trabalhador recebe normalmente, mas apenas o salário bruto.

Isto quer dizer que um licenciado que recebe regularmente por ai 27.000 Meticais mensais, receberá no décimo terceiro apenas 15.000 Meticais.

O que isso significa? Quer isto dizer simplesmente que, se o décimo terceiro, em si, é uma fantochada, algo que não existe na realidade, o Estado vai ainda longe ao lhe cortar esse mesmo valor.

Agora veja o caso iminente: se o Estado anuncia que vai dar pela metade o décimo terceiro, significa que o trabalhador que recebe mensalmente 27.000 Mt e que o Estado lhe paga apenas 15.000 Mt em Janeiro, este ano vai reduzir isso à metade lhe dando apenas 7.500 Meticais.

Percebe agora como funciona o capitalismo sobretudo quando é incorporado nas políticas de um Estado?

SÉRGIO BANZE

*Texto adaptado com exemplos do contexto moçambicano.

http://guardiaodailha.blogspot.fr/…/o-decimo-terceiro-salar…




Gosto


Gosto

Adoro

Riso

Surpresa

Tristeza

Ira
ComentarPartilhar

4141
18 partilhas
14 comentários
Comentários


Hesmeralda Tembe Foi importante o artigo, ajudou me muito a esclarecer muitas duvidas.Agradecer
Gosto · Responder · 2 h


Muiambo Francisco Alexandre Tas de parabens Sergio
Gosto · Responder · 2 h


Ákila Eunice Papasseco Domingos Percebido
Gosto · Responder · 2 h


Nello Ubysse

Gosto · Responder · 1 h


Crisalda Macamo Uamusse Hepa!!!! Mano ficou tão simples quanto 1+1=2.... Até eu que sou cabeça dura a Matemática entendí perfeitamente.... Valeu
Gosto · Responder · 1 h · Editado


Sérgio Samuel Monjane Ya Serginho! me bateste pela didactica.
Gosto · Responder · 59 min


Pires Calembo Ladrão governo roubar-me eu a ver!
Gosto · Responder · 1 · 52 min


Joaquim Mavone certo
Gosto · Responder · 39 min


Juma Aiuba Parabens.
Gosto · Responder · 27 min


Jose Maria Mande por favor uma copia desse texto ao meu amigo o ilustre mestre cesar ngozo, ele deve ter uma obs
Gosto · Responder · 26 min


Jose Maria Proximo ano nem metade terao o 13 vai ser coisa de dirigentes como acontece com sexta basica e etc
Gosto · Responder · 24 min


Ricardino Jorge Ricardo Obrigado Sérgio. Queremos que a partir do próximo ano que nos paguem semanalmente. Chega de "batotas."
Gosto · Responder · 22 min


Jochua Manuel Simango Gostei dessa.
Gosto · Responder · 21 min


Osvaldo Moz Hermenegildo Evan Sitoe, venha aprender. Kkk
Gosto · Responder · 2 min

Sem comentários:

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.