quinta-feira, 31 de janeiro de 2019

Juan Guaidó não descarta apoio militar dos EUA


ANADOLU AGENCY/GETTY

Presidente interino da Venezuela diz que está a apelar às Forças Armadas para se colocarem do lado certo, do lado da Constituição, negando contudo a tese de Maduro de que os EUA estão a liderar um golpe de Estado no país

O Presidente interino da Venezuela não descarta aceitar o apoio militar dos EUA. Em entrevista à CNN, Juan Guaidó disse esta quinta-feira que o povo da Venezuela quer o fim do regime de Nicolàs Maduro com “qualquer pressão que seja necessária”.
“Aqui na Venezuela estamos a fazer tudo o que podemos para pressionar, para que não tenhamos que chegar a um cenário que ninguém deseja ter”, afirmou o autoproclamado Presidente interino à estação americana.
De acordo com Juan Guaidó – que promete um regime de transição e eleições livres –, a reeleição de Maduro em maio foi ilegítima, sendo vital derrubar o seu regime numa altura em que a Venezuela se encontra mergulhada numa crise política, económica e humanitária, faltando alimentos e medicamentos à população.
“Estamos a tentar restituir a soberania desta nação, recuperar a liberdade e a democracia na Venezuela”, acrescentou Guaidó.
O presidente da Assembleia Nacional explicou que está a apelar aos elementos das Forças Armadas para se colocarem do lado certo, do lado da Constituição, negando contudo a tese de Maduro de que os EUA estão a liderar um golpe de Estado na Venezuela.
O Presidente interino manifestou-se ainda satisfeito com o apoio declarado dos EUA, agradecendo um telefonema de Donald Trump e de outros líderes mundiais.
Instado a deixar uma mensagem para os EUA, Guaidó reiterou que os venezuelanos só querem a recuperação do país e o fim da repressão: “Quero dizer aos americanos que nós queremos que nos ajudem a recuperar a nossa democracia, a nossa liberdade e nós sabemos que talvez muitos dos venezuelanos que se encontram no vossos país sabem que somos boas pessoas e queremos a reconstrução do nosso país e da nossa liberdade”, conclui.
Esta quinta-feira, o Parlamento Europeu também reconheceu Juan Guaidó como o Presidente interino da Venezuela, em linha com países como os EUA, Canadá, Brasil, Argentina, Chile, Colômbia, Costa Rica, Paraguai, Peru e Equador. Por sua vez, a China, Cuba, Rússia e a Turquia declararam apoio ao regime de Nicolàs Maduro.
Expresso
6 h
Presidente interino da Venezuela diz que está a apelar às Forças Armadas para se colocarem do lado certo, do lado da Constituição, negando contudo a tese de Maduro de que os EUA estão a liderar um golpe de Estado no país
Comentários
Escreve um comentário...

  • Pedro Neves EUA, sempre amigos da democracia e dos povos. Sempre pela liberdade, nunca pelo petróleo.
    9
  • Ana Mateus Isto é que vai aqui uma açorda!!
    UE não reconhece Nicolás Maduro eleito com 67% de votos
    Mas reconhece Juan Guaidó com 0% de votos
    2
  • João Gomes Só mesmo com apoio dos EUA porque do povo não têm.
    7
    Ocultar 16 respostas
    A opção selecionada é Mais Relevantes e algumas respostas podem ter sido filtradas.
    A opção selecionada é Mais Relevantes e algumas respostas podem ter sido filtradas.
    Escreve uma resposta...

  • Ana Mateus Antonio Abreu

    Sobre a nova tentativa de golpe na Venezuela - 4


    A comida que é produzida, importada, processada e distribuída pela empresa venezuelana La Polar, que mantem esse monopólio que sempre teve, permite esconder e retirar a entrega de alimentos no mercado, causando fome e distúrbios na população. Roupas, calçados, tecidos, que são fabricados ou importados por várias multinacionais, também estão sujeitos a sequestro por parte dessas corporações. Produtos farmacêuticos, cosméticos, higiene e limpeza. Telefonia fixa e móvel. E o petróleo, que apesar de ter sido nacionalizado, só pode ser comercializado quando extraído, refinado e transportado. Todas estas operações nas mãos de empresas dos EUA.
    1
  • Ana Ramos Parem de lhe chamar presidente! Autoproclamado não é interino!!! Branqueamento em acção! Ele é Golpista!
    https://grayzoneproject.com/.../the-making-of-juan.../
    The Making of Juan Guaidó: How the US Regime Change Laboratory Created Venezuela's Coup Leader | The Grayzone
    GRAYZONEPROJECT.COM
    The Making of Juan Guaidó: How the US Regime Change Laboratory Created…
    The Making of Juan Guaidó: How the US Regime Change Laboratory Created Venezuela's Coup Leader | The Grayzone
    4
  • Ana Mateus Luis Guerra

    SÓ QUERIA SABER EM QUE DIA GUAIDÓ FOI ELEITO PRESIDENTE DA VENEZUELA...OU QUEM VOTA NA VENEZUELA SÃO OS EUA E SEUS LACAIOS DA UE?
    4
  • Carlos Alves A mídia internacional, ainda se refere a Juan Gualdó como "o autoproclamado", mas o Expresso já o elegeu como presidente interino.!!!!.... 😅😅😅😅😅
    4
  • Ana Mateus Jose Gabriel

    O PETRÓLEO OU A VIDA

    O governo norte-americano, após sanções e um bloqueio brutal à Venezuela, depois de congelar e confiscar as contas bancárias do Estado venezuelano nos EUA - o Reino Unido já tinha feito o mesmo aos depósitos e reservas de ouro da Venezuela no Banco de Inglaterra - decide agora pôr o acesso a todos esses recursos nas mãos sujas de Jaun Guaidó. A pocilga europeia já nem sequer apela a uma negociação que conduza a uma solução pacífica da crise; limita-se a titubear e gatinhar atrás das posições do império. 
    Já não está em causa a natureza do regime venezuelano, seus caminhos e descaminhos. Já nem é o grotesco Trump a mandar no baile. É o poder a sério. Qual democracia, qual liberdade, qual independência, qual paz. O petróleo, a maior reserva do mundo, é a única causa que move os cowboys, sofra quem sofrer, corra que sangue correr. A velha prostituta europeia, por sua vez, apresta-se, como sempre, a abandonar os valores que tanto apregoa e vende-se por umas migalhas do saque. 
    A sombra de um conflito do velho imperialismo com a nova potência emergente, a China, que paira sobre todo este cenário, parece não preocupar ninguém. 
    (Nem falo nas posições do governo português. A sua posição, como em geral as que toma em política externa, é a de uma carraça no pescoço de um cão, dela tendo idêntico o sustento e dela tendo a qualidade moral).
    1
  • João Alves Portugal enviará o contigente altamente preparado da Malveira
    2
    • Anjose Silsimoes Ou do bairro da Jamaica.😂😂😂
      1
    • David Cameira João Alves basta enviar os terroristas da extrema direita da Madeira e os operacionais das ELP, treinados pela CIA, em campos de treino secretos, em quintas de Espanha já faz alguma coisa, mal a meu ver....
    Escreve uma resposta...

  • Pui Qui AH-moi Ao lado da constituição ou ao lado do petróleo
    1
    • David Cameira Pui Qui AH-moi i impostor ia hoje gemendo MUi duramente a sua impostura
    Escreve uma resposta...

  • Alda Cardoso Ahã ... mais miséria de matumbos
  • Luis Miguel Presidente interino? 
    FDX então amanhã tbm me proclamo presidente interino e mando o Marcelo ir dar abraços e beijinhos para a Guiné
    1
  • Rodrigo Caser Fantochada do mais baixo nível.
  • Ana Mateus Antonio Abreu

    Sobre a nova tentativa de golpe na Venezuela - 4
    Ver Mais
    1
  • Filipe Barradas Não estão nada, estão lá agora...
  • Esmael Pereira Dos Santos Guerra aberta maçonaria francesa vs maçonaria inglesa ,A elite 4.0 sempre a por o gado em miséria e sofrimento extremo....cães gulusos estes sistema maligno!..
  • Stekene Vasconcelos Ele se auto proclamou Presidente, então,qualquer pode ?
  • Nelson Quadros Nega mas não descarta. Já toda a gente percebeu a fantochada, pá!
  • Jose Guilherme Figueiredo O que é um "presidente interino"???

Sem comentários: