terça-feira, 21 de março de 2017

COMBUSTÍVEIS COM NOVOS PREÇOS À PARTIR DE AMANHÃ.

REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE
____
MINISTÉRIO DOS RECURSOS MINERAIS E ENERGIA
DEPARTAMENTO DE COMUNICAÇÃO E IMAGEM
COMUNICADO DE IMPRENSA

- No entanto, mantém-se subsídio nos transportes público e privado de passageiros, agricultura e outros sectores mais necessitados
Os preços de combustíveis e outros produtos petrolíferos serão ajustados à partir de amanhã, 22 de Março de 2017. Com o reajuste, a gasolina passa dos actuais 50.02 meticais para 56.06 meticais o litro, o gasóleo de 45.83 meticais para 51.89 meticais o litro.
Por sua vez, o petróleo de iluminação sobe de 33.06 meticais o litro para 41.61 meticais, enquanto o gás doméstico (GPL) passa de 58.54 meticais/kg para 61.08/kg. Por seu turno, o gás comprimido (GNV) passa de 25.47 para 25.59 meticais.
O Governo continuará como tem sido sua política, a proteger os sectores mais necessitados, nomeadamente o transporte colectivo público e privado de passageiros, os agricultores, a geração de energia nos distritos (grupos geradores), e as pescas (industrial e semi-industrial). Os transportadores continuarão a beneficiar do subsídio ao combustível por forma não agravarem as tarifas cobradas aos passageiros.
Actualmente o Governo está a subsidiar o preço do combustível de forma generalizada, o que, não se ajusta a realidade actual pelos encargos que este subsídio representa para a estrutura de custos do Estado.
Por outro lado, existe necessidade de o Governo começar a aplicar na integra a legislação sobre a matéria, nomeadamente o artigo 67 do Decreto 45/2012, de 28 de Dezembro que estabelece a necessidade da revisão dos preços de venda ao público numa base mensal, sempre que se verifique uma variação do preço-base superior a três por cento, ou caso haja alteração dos impostos.
Importa frisar que o nosso país, em comparação com os outros países da região, continua sendo aquele que pratica os preços mais baixos em função da intervenção do Estado por via dos subsídios .
Ao praticar os preços mais baixos da Região Moçambique acaba de alguma forma subsidiando as economias dos Países vizinhos em detrimento dos Moçambicanos.(X)
Bom dia meus pares:
Combustível :
Conforme anuciamos, a meses atrás que o combustível iria agravar seus preços, primeiro foi a escassez que agravou na ordem de 3MT para gasolina, hoje volta agravar mais um décimo.
Transportes:
Os transportes públicos e privados podem ser, agravados os preços, dentro da assembleia, municipal em Maputo, hoje.
Energia:
Ainda, em debate, embora ha informação que dão contas que o documento a favor do agravamento está no TA, para efeitos de homologação.
França :
Acusa as forças governamentais, por não dar cara e morosidade no caso Gill cistac. Ainda vão longe em apontar o dedo aos esquadrões da morte como autores do assassinato, daquele catedrático na via pública, dentre outros casos que ainda não foram esclarecidos, como por exemplo as perseguições dos partidos políticos (RENAMO) morte de juizes, advogados.
Fernando Lima, correspondente do governo, francês sofre represálias, ameaças e descriminação ao exigir esclarecimentos da morte bárbara, do Gill Cistac.
Publicado por : Mangane Mangane

Gasolina mais cara 12%, gasóleo 13% e petróleo aumenta 26% em Moçambique
PDF
Versão para impressão
Enviar por E-mail
Destaques - Nacional
Escrito por Adérito Caldeira  em 22 Março 2017
Share/Save/Bookmark
ArquivoCinco meses após o último aumento os preços de combustíveis e outros produtos petrolíferos voltam a subir a partir desta quarta-feira(22) em Moçambique. A gasolina vai aumentar cerca de 12%, o gasóleo 13% e o petróleo de iluminação aproximadamente 26%.
De acordo com um comunicado do Ministério dos Recursos Minerais e Energia, “a gasolina passa dos actuais 50.02 meticais para 56.06 meticais o litro, o gasóleo de 45.83 meticais para 51.89 meticais o litro”.
“Por sua vez, o petróleo de iluminação sobe de 33.06 meticais o litro para 41.61 meticais, enquanto o gás doméstico (GPL) passa de 58.54 meticais/kg para 61.08/kg. Por seu turno, o gás comprimido (GNV) passa de 25.47 para 25.59 meticais”, acrescenta o documento que estamos a citar.
Recorde-se que em Outubro passado o Governo de Filipe Nyusi já havia agravado o custo dos combustíveis em cerca de 5% na gasolina, 25% no gasóleo e 15% no preço petróleo de iluminação.
A justificação para este aumento, de acordo com Executivo está relacionado com os subsídios às gasolineiras que “não se ajusta a realidade actual pelos encargos que este subsídio representa para a estrutura de custos do Estado”.
Todavia, e tal como o aumento passado, estes agravamentos acontecem numa altura em que o custo do barril de petróleo de referência está baixo, na sexta-feira passada esteve cotado a 49,81 dólares norte-americanos, o valor mais baixo este ano.
Entretanto o Ministério dos Recursos Minerais e Energia enfatiza que “existe necessidade de o Governo começar a aplicar na integra a legislação sobre a matéria, nomeadamente o artigo 67 do Decreto 45/2012, de 28 de Dezembro que estabelece a necessidade da revisão dos preços de venda ao público numa base mensal, sempre que se verifique uma variação do preço-base superior a três por cento, ou caso haja alteração dos impostos”.
Comentários
Isabel Joao Joao o mais caricato
Helder Anselmo Tace mal e moz tudo a sobir salario nao opha ...
John Wetela I país ja era, está a ir ao nosso olher impávido.
Mangane Mangane Bala Os preços dos transportes públicos correm risco de serem agravados dentro da assembleia municipal em Maputo
Dionisio Manuel Estamos a ir para 🔚
GostoResponder126 min
Mangane Mangane Bala Isto é puro vampirismo....
Fernando Sande igii!!!agora pessoas vao andar a pé
Benedito Cangela governo fundou? ou encalhou nas rochas,kkk bom feito. Renamo leva o puder de bandeja e mostra serviço, mete golo as balizas xtao desguarnecidas
O LÍDER DA RENAMO
NA ENTREVISTA COM O CANAL MOZ!
Dhlakama disse "Eu até poderia sair daqui mas não há garantias de seguranças porque eu não gostaria sair daqui e me cercarem como fizeram na Beira.
Eu Chicuare disse num dos postes num passado recente que não há Dhlakama nenhum que vai sair da serra desta vez.
Agora o próprio líder vem confirmar que não sairá da serra só com promessas.
Por: Afonso Chicuare

GostoMostrar mais reações
Comentários
Manhatefernando Jossias Bhakakhrani kumweko musachoka mangu
Gosto2 h
Manhatefernando Jossias Thangwe ra munhu ambakhururupikalini
Gosto2 h
Pascoal Cumbe Cumbe Nembha xizungu pah kkkk
Gosto1 h
Manhatefernando Jossias Pascoal Ndi nembe chizungu thangwe ra chianiye ? Ine ndiri n'sezi, chirewedwe chashizungu njathulini
Gosto1 h
José Nbeua Mas é claro k sim. O mesmo seria mandar Nyusse falar com Dlakama na gorongobzi.Ainda assim Nyusse estaria muito seguro na serra ,do k Dlakama em Mapugo!!
Ele não é suicida!!!
Gosto12 h
Saul Armando Armando Uma boa decisao,,, ele deve continuar la, quando tudo estiver minimante orgonizado ele vai sair... Agora nao esta seguro....
Gosto2 h
Gosto2 h
Antonio Rodrigues Frenda 100% sr. Dhlakama
Gosto1 h
Ger Jaime Mario Esta claro...
Sant Samuel Samuel Viva baba
Fernando Sande de novo!!agora a tregua q deu?
Àfrica Campo de Guerras Boa visao meu lider,a luta continua ate a vitoria final...
Gosto9 min
NOVA TARIFA DE COMBUSTÍVEIS.

. A partir de hoje, quarta feira 22, os moçambicanos passam a adquirir os combustíveis pelo preço mais caro, ou por outra, os produtos petrolíferos conheceram agravamento de preço no mercado da "Pátria Amada". Não precisa ser perito em economia para entender oque se espera. São momentos cada vez mais tenebrosos aguardados. O combustível é base de tudo. Com a sua subida, tudo sobe proporcionalmente, até o próprio "tseke" conhecerá novos precários e nem me arrisco a falar do atum. O governo de Maputo diz que vai subsidiar as principais áreas, como o caso de agricultura, transporte, pescas e, por conseguinte, segundo defende, não vai afetar o bolso do pacato cidadão. É uma fachada essa posição do executivo de Filipe Nyusi apenas para adormecer o povo e não culminar com a revolta popular. A verdade nua e crua é que a vida tornará cada vez mais sufocante. Os moçambicanos precisam de mobilizar muitos cintos para apertar suas barrigas.
. Muzungu Ndini, terras alheias.

GostoMostrar mais reações
Comentar
Comentários
Ndopadha Inini Inini Moçambique!!! Estamos a ser escravizados.
GostoResponder4 h
Muzungu Ndini Complicado
GostoResponder4 h
Aditos Nhambau E dizem k n é tudo ainda vai subir , até provavelmente 70mtn , mas isto só acontece em moz e mas nenhum canto do mundo.
GostoResponder4 h
Tatyosvaneyvald Cumbans Emquant nao fizermx nada nx u povo taremx mx mal ainda
GostoResponder4 h
Izdine Ismael Esse País já deixou de ser Moçambique, Agora tem outro nome. Esse mandato de Sua Excelência Nyuse esta sufocar o Povo. Ele veio com missão juro
GostoResponder3 h
Arselio Machava Fazer o que tudo tá subir
GostoResponder3 h
Mondjovo Zunguza Mocabicanos nunca Vai fazer nada, ja abituamos Tudo é so sim senhor, e assim a vida Vai indo, Tas mal, me injoa ser mocabicano.
GostoResponder13 h
Amosse Osvaldo ate o sul africano dix mocambicano nao eh d nada por nao o keremos n nosso pais n sabe lutar pela propria patria
GostoResponder13 h
Nelo Artur Leo Moçambicano quando reivindica os seus direitos acaba sendo baleiado e morto pelos orfão de Nachingueia,os tais criminosos chamado frelimo.
GostoResponder3 h
Avelino Eugénio Gerente Isso é uma umilhasao nao pod ser.
GostoResponder3 h
Elguen Novas Xtams fudidos
GostoResponder3 h
Fatima Corera Sempre fomos escravizado deus nos ajudem!
GostoResponder3 h
Alfredo El Cakito Macuacua O que é preciso unirmos as forças e tirar essa corja toda do poder
GostoResponder1 h
Obadias Miambo Esta escravatura nao tera o seu fim ate que o povo moçambicano nao tomar a decisao de votar nos proximos escrutinos aos que lutam e sempre lutaram pelo bem do seu cego povo. Irmaos se nao tomarmos a decisao de mudança epotecaremos cada vez mais futuro dos nossos descendentes. Reflictemos irmaos...
GostoResponder13 h
Jovan Luís Luís Maputiri Chi que brincadeira vamos abr olhos meus amigos
GostoResponder13 h
Rafik Abdala Culpa da Samira
GostoResponder3 h
Ramos A R Lisis Vamos dizer nao meus caros
GostoResponder13 h
Faizal Bandeira Muito triste , oque tem aconteçido em moz!
GostoResponder2 h
Mandlate Angelo Emilio Esta é uma bomba eminente que vai detonar a qualquer momento.
GostoResponder2 h
Benedito Cangela espera que reajuste a tarifa do chapa uma greve ate uma revolta popular
GostoResponder2 h
Jobo Matambo Para onde vamos.. .....
GostoResponder2 h
Jobo Matambo Para onde vamos.. .....
GostoResponder2 h
Zacarias Babalaze Estamos mal
GostoResponder2 h
Rui Baltazar Neto Dias Tete
Gasolina 60.95
Diesel 56.78
...Ver mais
GostoResponder12 h
GostoResponder2 h
Rui Baltazar Neto Dias Porquê mentir?
GostoResponder2 h
Willy Benny Princípio da crise que se avizinha...
GostoResponder2 h
Pascoal Cumbe Cumbe Nyandayeyoooo. ...
Hi fileeeee...
Xikuembo Kulukumba dono de mim e daqueles que MAL dirigem este belo Moçambique! 
...Ver mais
GostoResponder2 h
Zacks Caetano não vai afetar o bolso do pacato cidadão,nao e primeira vez a dizerem isso..de la para ca ate as calsas ja estao affectadas..
GostoResponder2 hEditado
Lerche Major Preço mais caro!!! Kkkkkkkkkkkkkkkkkkk
GostoResponder2 h
Machel Memande Isso e uke afinal meus ermaos e pra fugir no nosso proprio pais?
GostoResponder1 h
Nihembe Mussafiri O Governo do dia ja esgotou....
GostoResponder1 h
Primeiro Massolonga As coisas não estão a melhorar no País. A vida cada vez se torna num pesadelo.
GostoResponder1 h
Nelson Fanheiro O QUE SE ESPERSVA LEVAR UMA MOKERISTA PRA LIDERAR UM MINISTERIO TAO CENCIVEL PROBLEMATICO COMO ESTE.
GostoResponder1 h
Nilza Jalane Cade o Deus o nosso Deus, o Deus dos nossos pais o Deus dos Hebreus ? K vinde e nos tire dessa escravidao.
GostoResponder1 h
Celso Costa tem que se reagir a isto, nao ha motivos para se aumentar o preço dos combustiveis. foda-se essas putas armados em governantes, cambada de burros
GostoResponder1 h
Pedrocas De Ana Kadzombe O agravamento da subida do preço do combustivel é todo o cidadâo,mesmo os tais lambebotas terao k pagar ao preço fixado,agora kual é o efeito do lambebotismo à vcs k lambem?
Decidelio Dezembro Cerveja Bulack Nós u "povo" é que somos culpados... Tão aí a reclamar do estado pk?? Quando chegar a vez d votar, iremos cometer u mesmo erro k é votar n partido k nos faz sofrer tanto... S n aguenta cm u custo de vida, melhor morrer pk isso já mais acabará.
GostoResponder247 min
Joao Matonse Moçambique vai de mal a pior...
Gildo Marrumete eu so vejo reclamacoes so. ainda é pouco. falta o governo nos tirar a terra.
David Junior Tivane E se fizeram de espertinhos nao avisaram com maior antecendencia para evitar possivel agitacao,subida de combustivel vai implicar subida de muita coisa...
GostoResponder23 minEditado
Zacks Caetano idiotas,reclamam reclamam chega a hora votam n mesmo idiota de sempre...quer mundanças sem mudar parem la de reclamar decidam se
Zacks Caetano ya agora so falta a frelimo mandar embora todos os moçambicanos do pais
Omar Abdala Pelo visto alguém tem de pagar, coitado do zé povinho .......!!!!!
GostoResponder9 min
Vasil Maite Silvestre Quando pegar fogo o pessoal da munha va sabe onde destruir
GostoResponder9 min

Sem comentários:

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.