quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

Edil de Nampula queixa-se de ser vítima do próprio partido

Edil de Nampula queixa-se de ser vítima do próprio partido
Escrito por Júlio Paulino  em 08 Fevereiro 2017
Share/Save/Bookmark
O Movimento Democrático de Moçambique na cidade de Nampula vive momentos de tensão devido a um braço-de-ferro que opõe esta formação política e o presidente daquela autarquia, Mahamudo Amurane. Este, disse à imprensa, na manhã desta terça-feira (07), que no seu partido há gente que o quer ver pelas costas, supostamente por não compactuar com algumas atitudes que atentam contra os princípios de gestão da pública em detrimento dos interesses pessoais e partidários.
Mahamudo Amurane, disse ainda que o golpe que está a ser orquestrado contra si já é antigo, tendo começado quando ele recusou ceder a certas pressões do partido e requisição de fundos para fins partidários, incluindo viaturas e combustíveis.
Segundo o edil, no MDM existem militantes que se opõem à expulsão de funcionários corruptos, alguns dos quais por serem membros do partido.
Face a estas situações, prosseguiu Amurane, alguns sectários têm estado a promover campanhas de difamação contra si, alegando-se, por exemplo, que ele possui uma residência em Portugal, a qual foi adquirida com fundos da edilidade, bem como os filhos estudam graças ao dinheiro retirado fraudulentamente do município.
Num outro desenvolvimento, o edil de Nampula acusou o presidente do MDM, Daviz Simango, de ter arranjado advogado de reputado mérito para defender Amurane das acusações que pesam sobre si, em troca de alguns favores.
“Fui convencido para vir gerir o município e vou mostrar aos moçambicanos como são geridos os fundos do erário e o exemplo de boas práticas de gestão municipal. Vou continuar até ao fim do meu mandato, não estou aqui para defender interesses partidário ou de singulares, mas de todos moçambicanos", frisou.
Sobre este assunto que promete ainda fazer escorrer muita tinta no MDM, o partido disse que vai se reunir para depois se pronunciar sobre as declarações do seu edil, que é membro do Conselho Nacional.
Por sua vez, o delegado provincial do MDM em Nampula, Vasco Napaua, disse que as declarações de Amurane apanharam os militantes de surpresa.

Sem comentários:

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.