quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

Amurane diz que MDM quer denegri-lo por não pactuar com corrupção


Membros do MDM acusaram Mahamudo Amurane de comprar uma casa em Portugal com fundos do município.
Depois de regressar de Portugal, onde esteve há alguns dias junto de seus filhos, o presidente do Município de Nampula deu uma conferência de imprensa para responder às acusações de corrupção.
Alguns membros do MDM afirmaram, recentemente, aos órgãos de comunicação social que Mahamudo Amurane comprou uma residência em Portugal com fundos da edilidade.
O edil de Nampula classificou de caluniosas e infundadas as referidas acusações, defendendo que as mesmas têm a mão de elementos do MDM, que pretendem denegrir a sua imagem, alegadamente por não pactuar com actos de corrupção.
“É minha obrigação esclarecer sobre as matérias que foram veiculadas na minha ausência relativamente à minha pessoa, que é por sinal gestor municipal da cidade de Nampula. Primeiro quero referir que são matérias caluniosas e elas tem mão do MDM. O MDM pretende denegrir o presidente Amurane, justamente porque não compactua com corrupção. Está situação não esta a começar agora, já vem desde a muito tempo, só que agora surgiu ao publico”, disse Amurane.
Na ocasião, Mahamudo Amurane apresentou facturas que diz serem de arrendamento de uma casa em Portugal onde vivem os seus filhos. Ele explicou que paga as contas com fundos próprios, lembrando que antes de ser eleito desenvolvia actividades económicas. Para Amurane, as acusações de que é alvo prendem-se com o trabalho que tem realizado para melhorar a vida dos munícipes em Nampula. “Tudo começou sobre as pressões de que tenho vindo a destituir pessoas, a não compactuar com a utilização de recursos municipais para uso do partido e justamente aqui acontecem situações desta natureza. Começaram a cortejar minha esposa, no sentido de intimidar, para que eu possa ter posições favoráveis ao partido, mas mesmo assim quando viram que esta situação não surtiu efeito, partiram para outra campanha, desta feita nas igrejas ”.Desabafou Amurane.
O Município de Nampula é gerido pelo MDM desde as últimas eleições autárquicas de 2013. Mahamudo Amurane é membro da Comissão Política Nacional do partido.
MDM em Nampula
O Movimento Democrático de Moçambique em Nampula reuniu-se para analisar e reflectir em torno dos pronunciamentos do presidente do município Mahamudo Amurane. Vasco Napaua, delegado político provincial do partido, que considera de graves as declarações do edil, não disse qual, mas avançou que será feito um trabalho grande dentro daquela formação política.
Daviz ainda não tem conhecimento do assunto
O presidente do Movimento Democrático de Moçambique, Daviz Simango, disse que não tem conhecimento das declarações de Mamudo Amurane e que os órgãos do partido irão avaliar a situação, caso se justifique. “A ser verdade ou não, deixemos que os órgãos do partido exerçam a sua função”.
Simango reagiu numa festa-surpresa organizada pelos seus apoiantes para celebrar seus 53 anos de idade.
Amurane é uma batata quente nas mãos de Daviz Simango
A primeira leitura à volta da ruptura entre Mahamudo Amurane e Daviz Simango remete para um desafio. O desafio da sobrevivência do MDM enquanto partido que almeja uma implantação nacional. Se o MDM está destinado a confinar-se apenas na região à volta de Sofala ou se ele tem pernas para se afirmar muito mais à norte (e também à sul e oeste), rompendo cortinas de base étnica e regional, como parece ser o caso, essa é a grande questão.
Até hoje, o partido se vai expandindo com uma marca indelével: uma restrita clientela de Simango, originária da Beira, dominando o seu processo decisório e estendo a mão à mordomias com origem no poder local. Veja-se o perfil hierárquico da sua bancária parlamentar na AR; e veja-se também a marginalização de que está sendo alvo o edil de Quelimane, Manuel de Araújo. A implantação do MDM em Nampula deveu-se a uma máquina montada por elementos oriundos da Beira ou muito próximos dos Simango (as suas redes clientelares) com expectativas naturais de acesso a recursos e benefícios resultantes de se estar no poder.
Amurane tem rechaçado esses apetites (sobretudo aqueles de natureza corruptiva) em prol de uma certa eficiência e transparência. E agora, na falta de apoio político de Simango, que atirou para Amurane o ónus da prova (e este interpretou a oferta de apoio em assistência legal por parte de Daviz como um vexame), é crível que ele queira dar o salto. Qual salto? O provável salto para uma candidatura independente no próximo ano. Isso é possível. Aconteceu o mesmo com o próprio Daviz. Quando Dhlakama lhe retirou o tapete em 2008 na Beira, ele avançou como independente e ganhou. O MDM só viria a nascer em 2009.
Daviz ganhou porque já tinha conquistada na Beira não necessariamente a base militante da Renamo mas a base eleitoral da autarquia. O que deve ser o caso de Amurane. Sua gestão parece ter a aprovação da maioria dos nampulenses, um município macua, sua etnia (uma fonte de provável clivagem são as origens étnicas distintas entre Amurane e Simango).
Por isso, a batata quente está nas mãos de Simango. Ostracizar Amurane nas hostes do partido (afastando-o dos órgaos cimeiros) como fez com Araújo é ir cavando a sepultura do MDM enquanto formação que almeja ter relevancia à escala nacional. Mas sua natureza quase clânica também não ajuda. Se o MDM não se revitalizar para representar o arco-íris da moçambicanidade ele pode ir perdendo espaço. A gestão do caso Amurane vai ser crucial. A Frelimo e a Renamo estão à espreita...
Gosto
Comentar
Comentários
Álvaro Xerinda
Álvaro Xerinda Um aspeto positivo que vejo é a coragem de dizer que esses indícios de corrupção vem de dentro do partido
Gosto · Responder · 14 · 15 h
Carlos E. Nazareth Ribeiro
Carlos E. Nazareth Ribeiro Afinal, só a Frelimo é que se apresenta sólida e unida? Só a Frelimo é imune às clivagens internas, às alas contestatárias? Fico triste, muito triste por me ter enganado ao votar MDM, Deviz e Venâncio. O único partido que me pareceu sério, firme, e capaz de derrubar a Frelimo, saíu, afinal, uma MANTA DE RETALHOS!!!
Gosto · Responder · 8 · 15 h
Abdul Magide Sidi Hassam
Abdul Magide Sidi Hassam Todos is partidos entre nos sao mantas de retalho. So que, umas mantas sao maiores que as outras
Gosto · Responder · 1 · 10 h
Naine Mondlane
Naine Mondlane Bem dito!!
Gosto · Responder · 1 · 15 h
Titos Cau
Titos Cau Os Simangos estao a ter muitas dificuldades para solidificar a sua estrategia politica. Por um lado percebe-se a tentacao de centralizar o poder no cla sofalense, como forma de minimizar o efeito das infiltracoes do "inimigo" e facilitar o processo de tomada de decisao (
Gosto · Responder · 3 · 15 h
Titos Cau
Titos Cau A propria Frelimo viveu com esta conotacao de poder machangana & maconde no centro do poder durante algum tempo. No entanto, a lideranca do MDM frusta as expectativas daqueles que a apoiam na esperanca de verem nela refletidos os valores duma governacao progressista e inclusiva. Nao e facil.
Gosto · Responder · 7 · 15 h
Sergio Baloi Sergio
Sergio Baloi Sergio Bom relógio isso sim
Gosto · Responder · 15 h
Dercio Celso Celso
Dercio Celso Celso Na minha modesta opiniao o partido MDM precisa de crescer como partido,ai ha falta de gestao de pexoal
Gosto · Responder · 2 · 15 h
Sergio Baloi Sergio
Sergio Baloi Sergio Amurane é uma bomba Relógio ao MDM
Gosto · Responder · 15 h
Jossias Ramos
Jossias Ramos Mais uma graande analise, Marcelo Mosse.
Gosto · Responder · 4 · 15 h
Spirou Maltese
Spirou Maltese ...espanta me é a falta de gestão do assunto dentro do partido ( ou tentaram e Amurane decidiu botar a boca no trombone ) e até o Daviz se mostrou "surpreendido" com a notícia. Mas o Amurane parece fazer nos crer que ele está sendo describilizado em duas vertentes : estar a roubar dinheiro do município pra tal casa lusa e por negar apadrinhar a corrupção. Porém aquo sobressai um ponto; a recente prisão de funcionários no BAU de Nampula pode ter algo mais por se explorar neste caso.
Gosto · Responder · 10 · 15 h · Editado
Francey Zeúte
Francey Zeúte Espanta -me também que o homem venha pedir microfones para um assunto internamente devia merecer atenção.
Gosto · Responder · 3 · 14 h
Jaime Guambe
Jaime Guambe Pois... por isso, da minha parte não merece nenhum crédito até que prove que esgotou todos meios internos para a resolução pacifica do problema. De contrário não passa de um Donald Trump!
Gosto · Responder · 3 · 13 h
Magacebe Majacunene
Magacebe Majacunene .....esta prestabelidade é um convite ao ajuziamento do tempo.O trem do circulo vicioso da política pode ou não parar na carruagem de sempre.Cenario viscoso para os que estão por fora e certezas dos protagonistas.Nao esqueca de vender o que as pessoas querem comprar e evite vender o que voce quer comercializar.
Gosto · Responder · 2 · 15 h
Olivia Mondlane
Olivia Mondlane Vamos aguardar....
Gosto · Responder · 1 · 15 h
Gulumba D. Mutemba
Gulumba D. Mutemba Na frelimo não há coesao ,não há união que lá existe é uma cumplicidade .
Gosto · Responder · 1 · 15 h
Titos Cau
Titos Cau Entao voce nao conhece a Frelimo. Nenhuma organizacao sobrevive e alcanca tanto em tantas decadas se nao houvesse coesao. Sao opinioes, temos de respeita-las, mas a tua parece comandada por odio contra a Frelimo.
Gosto · Responder · 4 · 15 h
Lenon Arnaldo
Lenon Arnaldo Titos Cau nem mais. Alguma dúvida.
Gosto · Responder · 14 h
Edmundo Galiza Matos
Edmundo Galiza Matos Conheço muitos descontes da Frelimo que nunca deixaram de ser da Frelimo. Não será o teu caso? Reflicta lá sobre isso.
Gosto · Responder · 4 · 13 h
Reinier Cedeno
Reinier Cedeno Quando num partido ha crivagens mostra que de facto é um partido que tem pernas pra andar. É positivo quando as pessoas não receiam em expôr as suas posições na total liberdade, isso amadurece e fortifica mais a união. Claro so pra mentes visionárias. Na frelimo as coisas são diferentes, os membros so murmuram, ninguem ousa abrir a boca... e o resultado é aquilo que vemos hoje, alguém que sempre foi considerado o sabe-tudo, o Deus dos Moçambicanos, deixou-nos na penúria. O Daviz na qualidade de Presidente tem q saber que não é Deus do MDM, deve aprender a acatar e respeitar os princípios individuais de cada membro, deve promover boas práticas que ajudam a solidificar o partido e merecer confiança do eleitorado. Se quer que o Moçambique seja pra todos, então que o demonstre na prática. Bem haja Amurane pela sua postura e integridade, bem haja o MDM por permitir que dentro do seu partido haja esse tipo de crivagem, pois nem toda briga leva a roptura. Pra mim o MDM continua sendo a alternativa certa.
Gosto · Responder · 5 · 15 h
Lenon Arnaldo
Lenon Arnaldo Até hoje confunde indisciplinada com disciplina partidária.
Gosto · Responder · 14 h
David Abilio
David Abilio As intervenções públicas de figuras de proa antes da eleição de Nyusi como candidato, e as subsequentes passaram despercebidos. Jorge Rebelo, Graça Machel Óscar Monteiro. Sérgio Vieira, Teodacto Hunguana, Tomás Salomao e muitos outros , são de que partido? Veja lá, nem são capazes de analisar com objectividade o post do MM sem trazer a Frelimo na baila? Não será isto que faz enfraquecer os outros partidos? Falta de foco ou preguiça mental? Eu acho que o MM trouxe aqui uma contribuição série que vale apenas reflectirmos um pouco mais sem cairmos na armadilha de comparar o incomparável.
Gosto · Responder · 9 · 14 h
Edmilson Neves
Edmilson Neves O certo é que o futuro do #MDM está incerto, com os escândalos que vêem sucedendo. Ehhhta #A_CURRUPÇÃO.
Gosto · Responder · 2 · 15 h
Gulumba D. Mutemba
Gulumba D. Mutemba Nampula fica com a Renamo desta vez.
Essa porah da política é uma confusão,qual é cena do Simango agora?
está a ser o que não quer que os frelos seja?

Dhlakama o mandou passear dentro da sua razão.
Gosto · Responder · 2 · 15 h
Titos Cau
Titos Cau Frelimo vai retomar Nampula sem duvida.
Gosto · Responder · 15 h
Faquir Fernandes
Faquir Fernandes Vamos agauardar o desenrolar da situação a verdade é que os próximos tempos são cruciais para o MDM
Gosto · Responder · 1 · 14 h
Delmar Gonçalves
Delmar Gonçalves A oposição Moçambicana é "especialista" em dar tiros no próprio pé!Uma tristeza!!!
Gosto · Responder · 5 · 14 h
Lenon Arnaldo
Lenon Arnaldo Nem mais
Gosto · Responder · 14 h
Jose Baloi
Jose Baloi Viva Amurane quer dirigir o municipio sem interferencias partidarios o que muitos dos nossos dirigentes nao conseguem prejudicando deste modo o povo
Gosto · Responder · 2 · 14 h
Tomo Valeriano
Tomo Valeriano Assunto cabeludo este! A frontalidade do Amurane eh muito TPC para os Simangos. Algo não vai bem dentro deste ensaio.
Gosto · Responder · 14 h
Estevão Wa Ka Nhabanga
Estevão Wa Ka Nhabanga Mas esse Amurane nao tem maturidade politica, como e que o assunto que era suposto buscar a solucao dentro do partido a todos niveis ele vem tratar nos midias?! Tsc! Fica a dica para Deviz refletir "politica e para os politicos" ntsem!
Gosto · Responder · 2 · 13 h · Editado
Gilberto De Jesus Nguenha
Gilberto De Jesus Nguenha O tipo de gestao do MDM sempre foi suspeito, do meu ponto de vista, os meus amigos começarão a dar-me razão
Gosto · Responder · 13 h
Lenon Arnaldo
Lenon Arnaldo O MDM está registado como partido político, mas ele funciona como métodos artesanais.

O nepotismo, o tribalismo e a ausência de transparência nos processos é que mina o crescimento deste promissor projecto.


O computador em Quelimane, é disso exemplo. Ou seja, passaram ao MA uma certidão de incompetência.

E está questão de gestão do partido não é novo. Recordo-me que em tempos, essa situação foi denunciada pelo então membro fundador Dr. Ismael Mussa, e pelos vistos, ninguém deu cavacas ao homem.

E ontem, foi MA que foi relegado aos arrabaldes do partido por conta da sua ambição desmedida. E hoje é Mahomudo Amurane que de forma astuta, e aproveitando-se do time político decidiu colocar a dinastia Simango em saia justa.

E porque eles não são ingênuos, fizeram em tempos os ajustes e equilíbrios necessários para calarem a oposição interna((onde pontifica MA que questiona os métodos dinástico de funcionamento da organização e quiçá, sugerir a eleição dos membros de todos órgãos do partido, incluindo o presidente e a CP),), dai que foram levar o Luis Boa-vida na Zambézia e o homem do momento em Nampula, e foram colocadas na estruturas do partido mesmo se sabendo que eles não passam de meros corta fitas, máxime, aplaudir tudo e nada.

E agora são elas. Tem dois problemas bicudos, e com eleições à vista: i ) resolvem numa sentada a situação do MA e do Amurane ou, perdem-nos a favor da Renamo ou Frelimo para o caso do Amurane; ii) ou, tem de iniciar já com o processo de escolhas de candidatos à sucessão dos actuais edis. Tem de serem candidatos com perfil e credibilidade para suplantar a popularidade e capital político que os actuais edis levam consigo, fruto da experiência governativa nessas autarquias.

Da decisão a ser tomada pelo órgão de decisão - CP, no caso Amurane, vir a dar lugar a expulsão deste "intriguista" cenário mais provável, ou diferente que não agrade o visado (humilhante) será o princípio do fim do projecto MDM - por suicídio político. 

Deixar passar incólume uma denúncia tão grave como este ( associa-se o MDM em actos de corrupção) será um precedente perigoso, que pode colocar em xeque os interesses, sobrevivência e manutenção da dinastia Simango.
Gosto · Responder · 4 · 6 h · Editado
Ach Chauque
Ach Chauque Da proxima faz um resuminho, ta!
(so para podermos ter paciencia de ler e perceber o teu comentario!)
Gosto · Responder · 13 h
Lenon Arnaldo
Lenon Arnaldo Ach Chauque sem comentários. Aliás, como o texto e longo, faça o seu resumo. Ou, saltas e interpretas os comentes representados por bonecos de costume 😜😂👀🙈🙊
Gosto · Responder · 3 · 13 h
Manuel Maleve
Manuel Maleve quem denunciou actos de corrupção foi o então secretario geral do MDM, DR Ismael Mussa
Gosto · Responder · 8 h
Gercio Pedro
Gercio Pedro Interessante
Gosto · Responder · 6 h
Lenon Arnaldo
Lenon Arnaldo Manuel Maleve no comente acima não recordo-me ter-me refirido nestes termos a que tenta atribuir. 

Disse e repito: os métodos de gestão dinástica do partido pelo clã Simango, foram postas em causa, pelo menos de forma pública, pelo então secretário-geral Dr. Ismael Mussa, que exigia transparência e cultura de prestação de contas
Gosto · Responder · 6 h
Jossias Ramos
Jossias Ramos Nos comentarios/respostas sobre este comentario do mano Lenon, vejo mais um preguicoso na leitura. Deve ser um tipo licenciado. Triste.
Gosto · Responder · 4 h · Editado
Ach Chauque
Ach Chauque Jossias Ramos,
saber nao ofender os outros e' uma virtude sabias?


Basta ter mente aberta para perceber que aquele comentario foi so' uma brincadeirinha para desanuviar! Acredito que nem o dono do comentario respondido se importou tanto, sem contar que um 'resuminho' e' uma sugestao valida. Por que' tu?

Por favor nao saias do foco! Comente o que interessa a pessoas que ca estao!
Gosto · Responder · 1 · 3 h · Editado
Eliha Bukeni
Eliha Bukeni Na verdade o potencial de desvastação desta instabilidade não se circunscreve apenas a Quelimane e Nampula, a própria "toca do lobo" não pode dar como garantida a maioria na Assembleia Municipal da Beira, se a Renamo concorrer. É muito provável que tenhamos o Daviz a governar tendo que fazer aliança a direita (Renamo) que é bastante improvável ou a esquerda (Frelimo)!
Gosto · Responder · 1 · 13 h
Lenon Arnaldo
Lenon Arnaldo Assim sendo, os julgavam que 2018 e 2019 seriam favas contados pela oposição moçambicana, não se fiem pois podem acabar na frigideira.

Caso para dizer que: a procissão vai no adro
Gosto · Responder · 13 h
Josue Mucauro
Josue Mucauro Já disse no outro post... MDM precisa de um congresso urgente... Que seja um congresso longe da beira, de quelimane, de nampula... O maior problema do MDM é muita libertinagem... Um partido que gere 4 municípios, tem membros de assembleia municipal em quase todos os municípios até hoje ainda não afirmou se como um partido com objetivos de lutar com outros dois
Gosto · Responder · 2 · 11 h
Sergio Baloi Sergio
Sergio Baloi Sergio Quando um filho sai de casa sem despedir papa da nisto
Gosto · Responder · 11 h
Inacio Arnaldo Mazive
Inacio Arnaldo Mazive Peço para não envolverem a Frelimo neste assunto
Gosto · Responder · 1 · 9 h
Manerioo Raul Domingos
Manerioo Raul Domingos Será melhor ler de Novo para perceber*
Gosto · Responder · 1 h
Heleno Bombe
Heleno Bombe Sem dúvidas que a gestão do Amurane no município de nampula é de fazer inveja, cidade limpa, saneamento do meio eficaz asfalto das vias mas está lá a velha questão dos seus pares pedidos de favorecimento para atribuição de terrenos e corrupção em nome da camaradagem então o homem teve que decidir se pactua com esses actos ou distância
Gosto · Responder · 7 h
Jose Baloi
Jose Baloi Preferiu distanciar-se mas, por termos habituado dirigentes que levam partido nas costas para questoes publicas, tamos ai a procurar culpados ou ate a tentarmos desestabilizar em vez de aplaudirmos e incentivarmos os outros a tomar atitudes identicas porque nos o povo que precisamos destes dirigentes e que sairemos a ganhar
Gosto · Responder · 1 · 6 h
Antonio Raul Mora
Antonio Raul Mora Ele disse provou o recibo de arrendamento da casa casa que está em Portugal onde vivê os seus filhos ainda mais diss teve a casa antes de estar no poder pós ele era comerciante,, Ainda a escrever..
Gosto · Responder · 6 h
Nordito Pente
Nordito Pente Araújo e Amurane não eram do MDM até tornarem-se candidatos do mesmo. Tendo sido eleitos, tudo indica que se esperava vassalagem dos visados diante do Deviz. Entretanto, o MDM esqueceu que ganhou Quelimane e Nampula mais pelos candidatos do que pelo partido. O Araújo sempre foi da RENAMO e o Amurane da FRELIMO. O MDM que se comporte. ..
Gosto · Responder · 4 · 5 h
Jose Eduardo
Jose Eduardo A intervencao do Daviz Simango nos outros municipios sera sempre controversa, pois mesmo o fazendo como presidente do MDM, é ele tambem presidente de um municipio e, é facil perguntar-se quem monitorara casos de desvio de conduta, corrupcao, lixo e outros maus casos que por ventura ocorram na Beira.
Gosto · Responder · 1 · 5 h
Milton Machel
Milton Machel Tenho pesadelos por ter escrito e tentado teorizar A OBAMANIZAÇÄO DE DAVIZ SIMANGO. Nao sei qual a maior fraude: o Daviz ou eu, por ter acreditado na ideia de um Daviz sangue bom...pra purificar a PUlítica nacional.
Gosto · Responder · 3 · 5 h
José Luís
José Luís Grande ponto de vista, enquanto a estrutura política do MDM for privilegiar figuras oriundas da Beira, em todos anos iremos assistir essas crises...Amurane e Araújo conquistaram seus espacos nas autarquias onde governam... os orgãos do MDM devem procurar ultrapassar estas clivagens étnicas antes do calendário eleitoral, será crucial.
Gosto · Responder · 3 · 4 h · Editado
Juvencio Herminio
Juvencio Herminio Se o Devis Simango ter a péssima ideia de "desinstalar" Mahamudo AmuraneAmurane, o MDM já era em NAMPULA, experimente.....MUHIRE N'KOLENLENI VO!!!!!
Gosto · Responder · 2 · 4 h
João Carlos
João Carlos A questão da etnicidade é um risco e uma ameaça iminente a sobrevivência das organizações políticas em África. Amiúde apelos a origens étnicas são a estratégia para afirmação e gestão dessas organizações e, no sentido oposto, a raiz da desintegração e falhanço dessas mesmas organizações. As organizações políticas, diga- se partidos políticos, que conseguem superar esta variável tendem a aumentar as suas chances de conquistar e conservar o poder
Gosto · Responder · 4 h
Andre Mahanzule
Andre Mahanzule Afinal é fantochada! Q pena!
Gosto · Responder · 4 h
Peco Jora
Peco Jora À vista um Partido ou concorrência independente do edil Mahamudo Amurane!
Gosto · Responder · 4 h
Bento Naiene
Bento Naiene SE KEREM DERRUBAR A FRELIMO QUE SE UNAO RENAMO E MDM, DEIXEM DE GUERINHAS.
Gosto · Responder · 1 · 3 h
Manerioo Raul Domingos
Manerioo Raul Domingos Não percebeu ainda*. Volta a ler
Gosto · Responder · 1 h
Delvecchio ErnestoHomo
Delvecchio ErnestoHomo se ele avança para candidatura independente ganha a democracia e ganham os respectivos munícipes. por isso, vejo bem esta cisão eminente!!!
Gosto · Responder · 3 h
Dable Langa
Dable Langa Deviss não teve sorte as pessoas k ele escolheu não estão preparados para política. Amurane não precisava de fazer esse teatro todo.
Gosto · Responder · 1 · 3 h
Benjamim Muaprato
Benjamim Muaprato Temos que compreender e recordar que o MDM nao ganhou em nenhum municio, ganhou sim a revolta popular, senao vejamos: Foi Daviz Simango quem ganhou em protesto da má decisao tomada pela Renamo em substituir o Daviz por Manuel Pereira; O MDM nao ganhou em Quelimane, foi Manuel de Araujo quem ganhou em protesto da má decisão tomada pela Frelimo em substituir o Pio Matos; O MDM nao ganhou em Nampula, ganhou sim o Mamudo Amurane pela revolta popular pelo erro cometido do partido Frelimo em candidatar alguem contestado na cidade em detrimento de Mario Cololo.
Gosto · Responder · 5 · 3 h · Editado
Brado Africano
Brado Africano Guerra dos compadres e das comadres revelando a pequenez desta formaçäo política de base consaguínea.
Gosto · Responder · 1 · 3 h
José Luís
José Luís 😂 pequenez, essa gostei.
Gosto · Responder · 2 h
David Jorge Ouana
David Jorge Ouana O município deve ser governado por locais, qual é a razão de trazer quadros da Beira para Nampula , em npl temos quadros suficientemente formados para dar conta do município
Gosto · Responder · 1 · 3 h
Maximo Bonifacio Bonifacio
Maximo Bonifacio Bonifacio Ismael Mussa e Joao C.
Colasso, intectuais de verdade preveram esse cenario.
Gosto · Responder · 1 · 3 h
De King Massikine
De King Massikine Para quem acomapnhou e sabe a História do MDM sabe dizer que o Deviz não tem nada de santo e quando o MDM ganhou em Nampula ele queria que os vereadores das pastas chaves e alguns chefinhos fossem da Beira e foi algo que aconteceu mas depois houve uma reviravolta. Eu como um Macua de Raça prefiro continua continuar a acreditar em Mahamudo Amurane como membro do MDM ou candidato independente porque ele já mostrou com A+B que ele sim pode e é capaz de melhorar Nampula. Então se arranhem, mordam se matem o meu voto será mas uma vez para Amurane.
Gosto · Responder · 2 h
Brado Africano
Brado Africano Axinene arivava!!!!
Gosto · Responder · 2 h
Maximo Bonifacio Bonifacio
Maximo Bonifacio Bonifacio Nao sei se nao teremos canditaturas independentes de M. Araujo em Qlimane e de Amurane em Nampula.
Gosto · Responder · 1 · 2 h
Jaime Tembe
Jaime Tembe Estravasou os limites da Democracia Interna.... Obviamente que eh acabado como politico do MDM, eu acho!
Gosto · Responder · 2 h
Selso Abilio Chivavel
Selso Abilio Chivavel Tanto na Frel como na Perdiz e agora no "esperancoso" MDM quem se demontra integro, transparente e honesto, ostrarizam-no!
Gosto · Responder · 2 h
Tongay Moyo
Tongay Moyo Ninguém na Frelimo pode sair ao público e apontar dedo pois logo é accionado o SISE e és morto. a Frelimo Mata senhores.
Gosto · Responder · 1 h
Filipe Nhalungo
Filipe Nhalungo Simango deve ser inteligente na gestão deste caso, pois, caso contrario corre risco de perder quadros quanto a mim influentes. Estou fala do Araujo em Q´mane e agora oAmurane em Nampula.
Gosto · Responder · 1 h
Joao Joaquim Joao
Joao Joaquim Joao Parece que anaise que fazem nao e tao correta a situacao em alusao nao tem haver com etnicidade, na verdade deve ter um em direcao da organizacao olhemos a frelimo quem e nhusy e de onde e o scretario geral quem governou este pais durante quase 5 decada vamos considerar que estes todos foram machangane dai que chamariamos etinia do sul? Eu penso que a democracia esta a valer neste partido que ate ao publico se fala dos problemas sem represalias se fosse frelimo assim seria renuncia ou entao desaparecimento acredito que nao e falta de comunicacao interna porque amurane e membro da comissao politica tem facilidade e acesso ao contacto, uma coisa nao tem haver com a outra nihum membro do MDM e marginalizado todos sao valido por isso e mocambique para todos quer araujo e amorane sao quadros do partido dai que podemos chegar a esta conclusao que estamo diante de uma democracia efectiva,livrr aberta transpatente, agora o povo deve aceitar esta nova realidsde assim como outros partidos porque para MDM ja nao e novidade e estao abituado nisto e emplo araujo pedia a chefia da bancada fosse de zambezia. Na era digital e tecnologica vamos enquadrar as coisas de forma transparente, e nao se esconde nada por isso mais uma vez abram_ se o MDM ja esta la

2 comentários:

Anónimo disse...

O Deviz simango perdeo focu do seu partido, esta claro que ja não consegue gerir os conflitos internos no seio dos seus membros. Esta claro que dois lideres com perfil dogma a manifestarem insatisfação com as atitudes do partido, o MDM entra na extinção. Um grupo de desertores do MDM em Nampula a dois anos, encabeçado pelo Dr. Baptista Isseque, ja havia arolado uma serie de iregularidades do partido MDM, hoje Amurane e Araujo, oque fica mais la internamente, uma duzia de familiares? A actual conjuntura politica favorece os dois beligerantes e chega de MDM.

Juventude Unida disse...

Temos acompanhado atentamente o desenrolar estoria do pateta do Amurane. Caro leitor, o Amurane esta traduzir um problema pessoal para o partido. A titulo de exemplo nos ca no município da Beira ha tolerância zero a corrupção, se vocês forem a investigar no nosso município tem mais pessoas expulsa por corrupção e vários outros com processos na procuradoria, mas o presidente Daviz Simango não anda por ai a cantar.
O Presidente Simango ao propor arranjar advogado para o Amurane simplesmente mostrar que Ele esta sempre presente e próximo do seus membro( valorização, não abandona os seus membros nos momentos de
turbulência). E por fim não esquença que Amurane pertence a uma Dinastia pertencente a FRELIMO. Amurane é ambicioso e ganancioso.
Quanto a concentração do poder do presidente no MDM, ele próprio o Daviz Simango fez a proposta de descentralização e os membros foram quem chumbamos a sua proposta por achar que uma vez que o partido é novo e evitaria infiltrações. Forca MDM a juventude esta convosco.

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.