quarta-feira, 8 de fevereiro de 2017

Renamo anuncia reabertura das sedes em Sofala


Medida resulta dos entendimentos alcançados entre Filipe Nyusi e Afonso Dhlakama
A Renamo anunciou, ontem, a reabertura das suas sedes e a retoma da actividade política normal em Sofala, como resultado dos entendimentos alcançados entre o seu líder, Afonso Dhlakama, e Presidente da República, Filipe Nyusi.
O anúncio da retoma da normalidade política foi feito por Manuel Pereira, um quadro sénior da Renamo, durante um encontro que uma delegação do seu partido manteve com a governadora de Sofala, Maria Helena Taipo.
“O nosso delegado provincial já tem luz verde para fazer o seu trabalho sem receio e o seu pessoal poder trabalhar e não andar fugitivo como acontecia até há pouco tempo. O que quer dizer que as nossas delegações que estavam paradas e outras com capim, agora vão funcionar. Os nossos delegados que andavam aí fugidos, todos têm de estar aqui, porque queremos preparar as autarquias de 2018”, disse Pereira.
O porta-voz do Governo provincial, Hélcio Canda, deixou garantias de toda a segurança possível, para que a delegação da Renamo possa trabalhar sem qualquer constrangimento em qualquer parte da província, “porque, de facto, o que nós queremos é a paz”.

Sem comentários:

Windows Live Messenger + Facebook