sábado, 4 de fevereiro de 2017

DHLAKAMA CONFIRMA CRIAÇÃO DE GRUPO PARA DISCUTIR QUESTÕES MILITARES E DESCENTRALIZAÇÃO



O líder da Renamo (maior partido da oposição em Moçambique), Afonso Dhlakama, confirmou hoje a criação de dois grupos de trabalho que deverão discutir questões militares e assuntos relacionados com a descentralização no país, vislumbrando-se, deste modo, para breve, o retorno do diálogo político.
Segundo Dhlakama, citado pela Rádio Moçambique, a emissora pública, este grupo vai ser constituído por quatro membros, dois dos quais do lado do governo e o remanescente da Renamo.
A partir da segunda-feira vamos criar novo grupo que vai tratar de assuntos da descentralização e militares, disse o líder da Renamo, falando em teleconferência para uma reunião da Renamo na Zambézia, centro de Moçambique, de preparação das eleições autárquicas de 2018. 
Ele acrescentou que não posso precisar para quando vamos reiniciar o diálogo. Mas os grupos serão constituídos.
No que diz respeito à presença dos mediadores, Dhlakama disse esta fase vai decorrer sem a presença deles. O trabalho deles terminou. O que agora sobrou é o trabalho dos especialistas. Mas a qualquer momento poderemos chama-los.
Na manha de hoje, o Presidente da República, Filipe Nyusi, anunciou o fim da fase do diálogo político envolvendo os mediadores internacionais, apelando-os a manifestarem a sua disponibilidade caso sejam solicitados.
Na ocasião, o Presidente moçambicano disse ter endereçado cartas aos mediadores, exprimindo profunda gratidão dos moçambicanos pela sua contribuição para o alcance da paz.
O povo moçambicano está verdadeiramente agradecido pelo vosso esforço na aproximação de posições entre o governo e a Renamo, disse o Estadista moçambicano.
ht/mz
AIM – 03.02.2017


1
Chuphai said...

Assim vamos abanar as nadegas festejando festa que os apanha ossos nada mais a nao ser o povo, enquanto um punhado que se acha FRELIMO vai nos explorando e pisando nos como se fosse capim, por sua vez aquele partido que achavamos que ia governar as ditas provincias e nos livrarmos duma vez para sempre dos sanguinarios Frelimistas decepcionam os seus votantes festejando junto com a Frelimo. Nada mais se nao confiar na vontade de Deus apenas como unico que vai nos libertar. 
Fiquei tanto tempo pensando que a Renamo nos tiraria do amargo, mas o que vejo agora so pode ser um futuro incerto. Como nao tenho partido e nem tenho capacidade de fundar o meu, vou aceitando ser escravo e nao vadio. Claro que nas eleicoes que se segue vou votar num partido nao armado, mesmo sabendo que vai perder com FRENAMO, porque agora esta mais claro que a FRELIMO e a RENAMO sao partidos coligados. So se separam apos as eleicoes e unem se nas vesperas das eleicoes como agora. Sabe se muito bem que em 2018 ha eleicoes e agora estao a se unir para combater MDMs, PIMOs, etc... mesmo eu nao sendo do MDM, mas sei que o alvo da FRELIMO e RENAMO so pode ser o MDM como fizeram em 2014. Depois das vitorias de 2013 nas autarquias que a Renamo gazetou juntaram-se para dispersar votos do MDM e Daviz Simango. Agora a Frelimo sabe muito bem que as autarquias sem a RENAMO vai ser uma derrota retumbante porque mesmo a FRELIMO sabotando o trabalho do MDM em Nampula, Beira, Quelimane e Gurue - o povo esta a ver que nestes sitios mudou a vida dos municipes. As estradas estao melhores, o saneamento do meio melhorou muito com a excepcao de Quelimane que a sabotagem Frelimista esta demais, nem querem dar lugar para depositar lixo. 
Eu acho que a verdade so Deus vai nos dar futuramente.
2

Afonso Bandido Dhlakama sempre dançando ao tom da musica do seu irmao Nyusi cujo governo ele nao quer ver a cair. Dançou ao tom da musica do Machel, do Chissano, do Guebuza e agora dança ao tom da musica anti-patriotica e criminosa do seu tal irmao Nyusi que nao se cansa de assassinar os membros da sua organisaçao e isto depois de ele Nyuysi ter emprendido quatros atentados contra a vida dele a saber contra ele em Satungira, dois em Manica e a sua grande humilhaçao na Beira donde o patife saiu a correr e tendo entrado na mata andou tropego a pé,soando com ranhos a lhe correr das suas grandes narinas, espatifando palha e assustando cobras, aves de rapina, bufalos, leoes, elefantes e obviamente as pessoas pela sua figura adamastoresca.
"Nao tenho rancor," diz o demente como quem queira dizer que Nyusi pode fazê-lo e deve ainda o fazer contra ele.
Interessante observar esta palhaçada e a ver veremos onde ela terminara.
Miseravel do parvo e pobre do povo de Moçambique!
3
umBhalane said...

Mulendo ndiye anapha nyoka
"O hóspede é que mata a cobra"

Parabenizo.

Boa continuação.
Na luta do povo ninguém cansa.

FUNGULANI MASSO
LEMBREM BEM
QUEM NÃO LUTA, PERDE SEMPRE

A LUTA É CONTÍNUA
OS 25 MILHÕES DE PATRÓES DE MOÇAMBIQUE, OS AUTÊN-TICOS E GENUÍNOS, PROPRIETÁRIOS DO TERRITÓRIO DA REPÚBLICA DE MOÇAMBIQUE, CONGRATULAM-SE E EM GESTO FESTIVO, NESTE DIA DOS HERÓIS NACIONAIS, PELO ENTENDIMENTO, QUE OS SEUS 2 PRINCIPAIS EMPREGADOS, ESTÃO A GARANTIR AO MUNDO, DE QUE DESTA VEZ, NÃO VAI SÓ SER, UM SIMPLES APERTO DE MÃOS.
PELO QUE SE PASSOU DURANTE 41 ANOS, NÃO VAMOS MAIS PERDER TEMPO A LEMBRAR, UMA VEZ QUE ESSES ACONTE-CIMENTOS, DERAM A FIRMEZA E SABEDORIA, PARA OS OU-TRORA, DOIS BELIGERANTES CONSEGUIREM O JUÍZO SU-FICIENTE, PARA A COMPREENSSÃO DO SOFRIMENTO, QUE OS 25 MILHÕES DE PATRÕES VIVERAM, EM 4 DÉCADAS DE DESARMONIA. 
 PODEMOS INICIAR A DESEJAR PAZ, 1º PARA OS QUE A NÃO IRÃO SENTI-LA, NEM GOZÁ-LA, POR ESTAREM A 2 METROS DEBAIXO DA TERRA, TANTO FAZ SE NUM CEMITÉRIO NOR-MAL, OU SE NAS VALAS COMUNS. VALEU A PENA OS SEUS SACRIFÍCIOS, QUE FINALMENTE TROUXERAM A PERCEPÇÃO E, SENTIDO DE RESPONSABILIDADE, NOS DISCERNIMENTOS DOS RACIOCÍNIOS, DOS DOIS LÍDERES NACIONAIS.
PORÉM, PELA MINHA MODESTA E HUMILDE OPINIÃO, ACRES-CENTO QUE, PARA O ACORDO TER CONTORNOS IRREVOGÁ-VEIS, É URGENTE A CRIAÇÃO EM DEFINITIVO, DE MECANIS-MOS DE DESMANTELAMENTO, DOS «esquadrões de morte», PORQUE A ALIANÇA QUE ESTÁ A APARECER NO HORIZONTE, PRECISA DE AJUSTES E, INCORPORAÇÃO URGENTE NO VO- CABULÁRIO, DO TECIDO SÓCIO-POLÍTICO NACIONAL, DE ENORMES DOSES DE PACIÊNCIA, TOLERÂNCIA, CAPACIDADE DE PERDOAR, E POR FIM, UMA PORÇÃO DE CORAGEM, PARA A FRELIMO ENFRENTAR UMA POSSÍVEL E VIRTUAL DERROTA ELEITORAL, NAS PRÓXIMAS ELEIÇOES, SE FOREM EXPURGA-DAS DE CORUPÇÃO E FRAUDE.
ISSO ABRIRÁ O CAMINHO, PARA A REMODELAÇÃO MENTAL DA FRELIMO, PORQUE UM PAÍS COM EFECTIVA DEMOCRA-CIA, TRABALHA SEMPRE COM DOIS PARTIDOS PRINCIPAIS, FORTES E QUE, INICIAM EM PÉ DE IGUALDADE E TRANSPA-RÊNCIA, A CORRIDA SÃ PARA O PODER...

Comunicações de Filipe Nyusi e Afonso Dhlakama sobre a próxima etapa de negociações de paz.
YOUTUBE.COM

GostoMostrar mais reações
Comentar
Comentários
Carlos Antonio
Carlos Antonio Muito bom ,muito bem. Certo. Esta mensagem mi fãs bebêr 1 copo de água. Vamos enfrente. Meus congratulações pra homens da RENAMO i guarda presidencial do senhor Afonso Dhlakama. Vocês têm uma dinâmica qui vá lá pena acreditar. O traidor tequi ser arrancado a cabeça degolar, lugar de traidores não é na RENAMO. Na RENAMO te o verdadeiro juramento solene, o respeito com a constituição da república.
Gosto · Responder · 4 h

Unay Cambuma


Breaking

GENERAL AFONSO DHLAKAMA UM ESTRATEGA EM PESO
No seculo XV a XVIII os Ingleses dominaram e conquistaram, varios e vastos territorios ate mesmo da mao de outros colonos/exploradores, gracas a sua capacidade de manobras ( paciencia) de guerra- negociacoes, guerra-negociacoes, guerra-negociacoes, e assim sucessivamente.
Historiadores e analistas antigos chegaram a concluir que esta foi a estratrgia certa escolhida pelo Imperio Britanico para desgastar fisica, moral e policamente seus inimigos/adversarios para cederem sem destruicao de vidas humanas, recursos naturais em causa da disputa ou mesmo economizar o material de guerra que na altura era valiosa e rara.
Em alguns momentos isto rendia lhes exactamente segundo o planificado.
A paciencia ou manobras politicas de exigencias serias em meio de persuacoes armadas, fizeram com que hoje UK tenha reputacao mundial e diplomaticamente seja o melhor e maior pais no planeta Terra.
Alias, um antigo primeiro ministro Ingles ja confirmou isto quando afirmou que:
*UMA DIPLOMACIA SEM ARMAS, E COMO DANCAR UMA MUSICA SEM INSTRUMENTOS E MELODIA*
Neste contexto, apelamos para, Dhlakama e seus generais q nao devem e nunca largar as armas em meio das tais manobristicas e desgastamtes negociacoes, no exercicio do seu jogo politico com a Frelimo que quase que a maioria do povo ainda nao entendeu, devido a grande ansiedade e urgencia de acabar com frelimo para instituir se a paz efectiva em Moz
Essa estrategia desgastante ( Inglesa) de intercalar diplomacia com o son das armas ( intrumentos musicais) feita pelo filho mais amado do povo, esta surtindo efeitos desejados, porque ja la vao 3 tres anos que Filipe Nyusi e sua Frelimo nao conseguem se consentrar na governacao e melhorar as condicoes do povo e pais. Ou devido o desgaste de sua imagem ja nenguem acredita na Frelimo, e o proprio Nyusi desviou se da agenda prometida na tomada de posse para stressar na tensao politica militar pos eleitoral
Forca Dhlakama
Forca Renamo
Forca Povo
-Através de Be Focus


GostoMostrar mais reaçõesPartilhar
Comentários principais
6161
4 partilhas
Comentários


Angandimasso Alface Luís Kkkjj, ae assim tamos perante uma estratégia? Hora tréguas, Hora diálogo, Hora concentração militar nas bases, Hora sequestros e assassinatos dos membros da renamo.............! Moçambique sem ninguém -. ......... !
Gosto · 1 · 1 h


Jose Majasse Dombe Eles habituaram estar bo mato por isso de cidade nao se importam,forca guerrilheiros do povo.
Gosto · 2 h


Jose Joao Thomo Chigwengwela Ha uma linguagem errada aqui. Estao referir mato no campo. A maioria do nosso povo vive no mato como voces dizem. Para mim e no campo. kem diz k no campo nao pode ter net e outras coisas boas k voces tem nas cidades. Sorry pela minha intervençao.
Gosto · 3 · 2 h


Nelson Victor Sozinho Sozinho Moçambiq precisa dum Booko haraa,porq arenamo esta por water,,opovo ja cansou d esperar...se nao opovo vai zangar com arenamo como zangou com avo freilimo,vamos ficar com enteado..MDM.
Gosto · 25 min


Momade Chale Abudala Chale Sta nos poxar para citade par vir nos matar de noite gatuno
Gosto · 1 · 36 min


Ofece Deniasse Chania O kota ta ser muito lento
Gosto · 1 h


Barigildo Naiete kkkkkkkkKkk. dsculpa cm todo respeito, tas a obrigar akla gente k ta no mato cm armas, p cntinuarem la. sera k eles nao tem direito d starem na cidade cmo voce. eles nao podem tambem navegar, ler e screverem cmo voce ta fazendo. isso chama s cel fish. sr ou e partido politico. ou e militar.
Gosto · 2 · 2 h


Tinga Manguala Elis , tão enganado,não sabem qui toda mordomia qui ta nas cidades vem do campo,ou nu mato?seus enganados.
Gosto · 21 min


Jose Lourenco Fernando É lastimavel ouvir isso ! Portanto cabe os supervisores do país se entenderem para haver desentendimento. ...... ...
Gosto · 14 min


Eusebio Paulo Luane Tarde ou cedo estaremos nas regioes autonoma.
Gosto · 1 · 1 h


Novo Combatente De Moz So vos olho.
Gosto · 1 h


Agostinho Joao Filipe Mabunda Deixam kota trabalhar
Gosto · 28 min


Novo Combatente De Moz Eu so vos olho. Fantasiar combate ansiedade.
Gosto · 1 h


Barigildo Naiete Nao s habitua no mato. pk nao seguem exemplo ds homens d savimb.
Gosto · 2 h


Luis Vasco Vasco e possível tornar o mato que referes em cidade está que é a luta não sair do mato pra cidade as tais cidades já não tem condições para mais gentes
Gosto · 1 · 1 h

Sem comentários:

Windows Live Messenger + Facebook