sexta-feira, 17 de junho de 2016

Esta e' a causa da invasão da redacção do Zambeze pela PIC.

Esta e' a causa da invasão da redacção do Zambeze pela PIC.
O Zambeze publicou esta noticia que já fora publicada pela NEHANDA Radio do Zimbabwe, dando conta de soldados daquele pais que morreram na Gorongosa. E isso levou a PIC a intimar o director e o chefe de redacção do Zambeze para prestar declarações.
NÃO HOUVE RECUSA dos jornalistas em comparecer na PIC.
A primeira vez que agentes da PIC se deslocaram a redacção foi ontem. Nao deixaram intimação e nem encontraram os dois jornalistas.
Hoje, agentes da PIC tornaram a deslocar-se ao Jornal Zambeze. Deixaram intimação e ficara de vigia a espera da hora doze para levar consigo os jornalistas João Chamusse e Egidio Placido para a PIC. Eles negaram ir no carro dos agentes. Preferiram caminhar. Então foram caminhando escoltados. Na PIC foram ouvidos e deixados ir em liberdade.
O conteúdo dos autos não posso colocar aqui por falta de autorização das partes. Mas o essencial e' isto que acabei de registar, depois de falar com os visados.
Abraço e a luta pela informação sem medo continua.
An unconfirmed number of Zimbabwean soldiers were caught up in a shoot-out…
NEHANDARADIO.COM|BY NEHANDA RADIO
LikeShow more reactions
23 comments
Comments
Borges Nhamirre Américo tem os no lugar. Ha-de se explicar e se for necessário ha-de pedir desculpas. Este nunca foge. Dá sempre o peito às balas
Francisco Pacheco Chigogoro Agora JA estou tranquilo avante liberdade de expressao. Nao ha recua
Américo Matavele Mano Borges, essa notícia até pode ser o mote. Mas ela foi publicada há muito tempo, tendo didos intimados para comparecer na PIC, o que não fizeram. Eu não falo, no meu post, da causa primária que fez com que fossem intimados, falo do more da busca e captura, que foi o desrespeito à intimação. Agora, eu não vejo porque o que escrevi não corresponde à realidade. Houve muita acção depois dessa notícia.
Gito Katawala Esclareça só uma coisa Américo, intimado a comparecer em tribunal ou a sede da PIC.
Eduardo Santos Mapata Por mais que neguem este regime esta no fim e o povo nao e cego
Borges Nhamirre Não houve recusa à intimação mano Américo Matavele! A intimação foi apresentada pela primeira vez hoje e prontamente correspondida.
Se tiveres informação contrária a esta, apresenta e sustenta!
Ismael C. Gocaldas Para mim tem dedo da frelimo,este país não é da frelimo,muito menos do guebuza e companhia.
Américo Matavele Tenho informação mano, já partilhei no comentário acima. Houve uma intimação, mano.
Yaqub Sibindy Mas à PIC, não é polícia política do Estado! Pela qual porta a PIC se mete em assuntos políticos?
Borges Nhamirre Quando foi passada a intimação, quando foi deixada no jornal e para quando devia ser a audiência?
José de Matos De qualquer modo, intimar porque? Trata-se de uma noticia que apareceu ja ha alguns dias num orgao de comunicaçao social do Zimbabwe! Fica claro que foi mais um acto intimidatorio contra o jornalismo independente!
Schauque Spirou Kkkkkk mas ok se houve intimação ontem, por hipótese, dia seguinte é necessário que haja um forte contigente policial? Ahnnnn pah...
Lenon Arnaldo venha aqui.
Lenon Arnaldo Houve forte contingente militar
Lenon Arnaldo Viste. Não me esqueço não sei porque carga de águas (vala comum ou a demissão de AM). Cuidado com as fontes comprometidas.
Schauque Spirou Qual o motivo? São bandidos e perigosos?
Schauque Spirou Não entendi. Heheh seja "craro ".
Ariel Sonto Complicado, isto.
Chande Puna A mascara vai caindo....aos poucos!
Ariel Sonto Acabo de ouvir na RDP o proprio Egidio Placido a dizer que a PIC queria saber o por que ele, como chefe de redaccao, autorizou a publicacao da noticia sobre a morte de militares estrangeiros, e outra dando destaque a questao de as FDS havido saqueado a populacao algures...
Like5June 14 at 8:27pmEdited
Schauque Spirou Ma já tinham sido antes notificados e negaram ir queeeeeee?
Chande Puna Pelo que o proprio Egidio disse, nao houve nenhuma notificacao previa
Ariel Sonto Egidio esclareceu no mural dele...
Mário João Francisco Francisco quem estudou, estudou.
analfabeto por mais forte que seja não trara argumento que serrube o intelectual
Zarito Mutana Que vergonha.
    Borges Nhamirre
    Emergência: Polícia no jornal Zambeze pra prender o editor João Chamusse e o chefe da redacção Egidio Placido.
    Não se sabe dos motivos. Sabe-se, porém, que hoje é dia de fecho do jornal
    LikeShow more reactions
    Comments
    Egidio Vaz Houve um tempo em que se pensava que neste país, era possivel falar livremente e partilhar idias. Mas agora é uma questão de bravura.
    Salvador Agostinho Mulumbua Se este o princípio haverá o fim. O génese ao Apocalipse. És o momento
    Salome Vaz Qual o motivo?
    Egidio Vaz Nao se sabe e nao foram informados também
    Salome Vaz Espero k tudo acabe bem e os mal entendidos esclarecidos.
    Tomas Humbe Sera k toda emprensa tem k ser lambebota este pais pah!!
    Lenon Arnaldo Vivemos num país em que os santos e pecadores são escolhidos a dedo.
    Egidio Vaz Eles ja estao na PIC. Brevemente teremos notícias.
    Salome Vaz Esperemos k corra tudo bem
    Steven Jorge Muianga "A liberdade da imprensa" agora fala mesmo quem tiver as bolas no devido lugar.nos os outros vamos brincando de ter liberdades.
    Nelson Badaga Badaga A monarquia no seu rubro, Depois Dizem Que Existe Liberdade nas Impresas Moçambicanas.
    Jawardo Cesar Joao Joao Vao fechar um jornal,nao vao fechar a vista e boca de todo um POVO
    Ricardino Jorge Ricardo Triste pelo caminho escolhido.
    Mariano Yano Os ladrões não gostam de ser chamados atenção e o resultado este perseguição daqueles que não aceitam calar.
    Nelo Cuna Tinham parado que era para nos esquecermos um bocado. Mas novamente ja retornaram.
    Elvira Chauque Disse o um grande homem nunca devemos por algemas nas palavras, a tal liberdade nao se faz sentir,
    Salvado Novela Vergonha d Pais, isto vai parecer Angola dentro de dias...
    Josefina Raul O que tem principio tem o seu fim.um dia esperemos para ver
    Sua Magestade Armando Zucula Jr. #Ghandi disse e passo a citar: '' a prisão não são grades e a liberdade não é a rua.
    Conheço homens presos na rua e outros livres na cadeia.
    Tudo é uma questão de #CONSCIÊNCIA''.

    P'ra fechar, vou citar M.L. King Jr. :
    '' o que me preocupa, não é o grito dos #maus/#corruptos, mas, sim; o #silênciodos #BONS''!
    Carlos Edvandro Assis Esta Frelimo perdeu controlo de si mesmo e ja nao sabe mais o que fazer e quando é assim correm por todos os cantos como se de malucos se tratasse
    Palavras do Alto-comissário das Nações Unidas para os Direitos Humanos Zeid Ra'ad Al Hussein na abertura da XXXII Sessão do Conselho dos Direitos Humanos.
    "Lamentando a retomada do confronto armado em Moçambique, o Alto Comissário instou ao Governo a envidar todos os esforços necessários para responsabilizar os autores das alegadas violações dos direitos humanos e combater a corrupção que priva a muitos moçambicanos de gozar os seus direitos económicos e sociais" - Veja mais em:
    LikeShow more reactions
    Comments
    Meque Magira Aí eles serão os primeiros (Governo da FRELIMO) a arcar com as consequências. Pena que neste país os magistrados funcionam atravêz dum remote control.
    Julio Lacitela Falem mal ou bem, mas falem de Moçambique. Diria MC R
    Constantino Joao Para si, falar em responsabilizar os autores da violação de direitos humanos e dos corruptos é falar mal do país? Moçambique é isso?
    Julio Lacitela Ironia. Digo no mínimo a comunidade internacional está nos ajudando ao falar dos problemas de Moz em todo kado/
    Moniz S. Walunga So' que essa comunidade internacional devia ser mais contindente! Apelar ao mesmo governo que e' uma das partes interessada na no crescimento da violencia e' mesmo que diversao! Ha' duas forcas envolvidas nesta situacao: Renamo+Frelimo! Que sejam apontados os dedos e nao pedir a um lafo para se auto-ilibar.
    Américo Matavele Cegueira conveniente. Os que a Renamo mata, são menos cidadãos, se pesados com base nas nossas emoções e ódios antigos.
    Egidio Vaz Sabia que iria dizer isso mesmo.
    O meu problema porém, é que apesar de ser também verdade, o simples facto de apontar o outro matador não limpa a imagem do nosso Estado. É por isso preferível acatar e responder ao apelo do que apontar o co-assassino. ou Co-corrupto.
    Américo Matavele E como se faz isso?
    Egidio Vaz Américo Matavele comunicando melhor o que o governo está a fazer para abordar a questão, as suas aopções e os desafios que está enfrentando. Pode igualmente aproveitar o ensejo para passar a mensagem sobre como as organizacoes como as que apelam podem melhor se engajar na normalização da situação.
    Américo Matavele Concordo. Essa é a parte do Governo.
    Elísio Nhantumbo O Conselho dos Direitos Humanos esta a fazer a sua parte. Instar os Estados e Governos a respeitarem os direitos humanos. Agora quem os viola é tarefa do Estado identificar. Por exemplo foi muito mau ouvir dois governadores provinciais de Sofala e Manica a dizerem "é uma pura mentira que há valas comuns" como se os cadaveres espalhados no chão fossem menos relevantes que valas comuns. Isto demostrou uma grande falta de responsabilidade daqueles direigentes, aliás Ana Rita Sithole há dias na STV afirmou que são maus dirigentes.
    Andre Jorge Chifeche Eu penso que devia ter sido direto no apelo.
    Elísio Nhantumbo O que seria um apelo directo caro André?
    El Patriota Afinal temos direitos econômicos e sociais por gozar??? Não sabia...
    Nelson Junior Ps!....Ha uns meses atrás a Directora do Fundo Monetario Internacional falou de Moçambique sobre à imensa corrupçao...A Interpoll está imensamente preocupada com Moçambique sobre os infinitos raptos em Moçambique...A Uniao Europeia,nao ve de bons olhos a "gestao" das finanças moçambicanas..e agora as Naçoes Unidas "tocam" o assunto do abuso dos direitos humanos em Moçambique...em resumo,Moçambique vive num completo caos....e o Nyusi anda mais confuso..enfim!
    Nelson Junior Ps!..o...Caros cmpatriotas,enquanto voces continuarem a viver com a simples teoria : cada um por si e Deus pra todos,voces jamais e jamais terao uma verdadeira paz e uma harmonia humana
    Zenaida Machado independentemente de quem é o perpetrador do abuso, a responsabilidade de garantir segurança e justiça é do estado. Parece que muitos se esquecem disto... Só não sei se é propositado ou por ignorância sobre o que é um estado.
    El Patriota Propositado, claro!
    David Massochua Fingem que não sabem. Estão preocupados com questões estomacais...
    Fauzio Mussagy Fernandes Esse deve estar a sonhar no paraíso eliminar a corrupção fonte de enriquecimento... Isso mesmo K fechar a mina com ouro brilhando
    Américo Matavele Eu às vezes não entendo. O Estado é o único com direito de uso da força, e ela é usada na proporcionalidade da ameaça à segurança dos cidadãos. As mesmas pessoas que apelam ao Estado para garantir a segurança dos cidadãos, são os mesmos que depois falam de "dois beligerantes". Acho que português é uma língua traiçoeira ou uma espada de dois legumes, ou então estamos todos tontos. É que não falamos coisa com coisa.
    Masú Martinho Martinho Palavas sabias do alto comesariado

Sem comentários:

Windows Live Messenger + Facebook