segunda-feira, 7 de março de 2016

Afonso Marceta Dhlakama é realmente pai da democracia. Quer queiramos quer não, ele é


Tenho de reconhecer uma coisa: Afonso Marceta Dhlakama é realmente pai da democracia. Quer queiramos quer não, ele é. Porquê? Quando Moçambique retornava ao monopartidarismo democrático, em que o partido no poder já controlava as instituições públicas e privadas e manipulava-as como se fossem instituições partidárias, lembrando-nos a era do partido único em que o partido Frelimo estava acima do Estado e as instituições obedeciam às ordens partidárias, Afonso Dhlakama decidiu, a conta e risco próprio, entrar no mato para devolver a legitimidade dessas instituições. Inventou uma terceira República (a primeira nasceu em 1975, a segunda 1990 e a terceira em 2014.
Uma coisa é certa: de hoje em diante as instituições públicas jamais serão as mesmas. A voz da oposição passará a ser ouvida e respeitada. A partir de já, se calhar caminhemos para a consolidação da democracia, em que as nossas instituições sejam de facto democráticas e reproduzam práticas democráticas e sirvam a todos sem olhar a sua cor política.
Um duro golpe para o G-40. Os lambebotas.

Comments
Poeta Pensador Gostava de escrever AS MEMÓRIAS desse LÍDER
See Translation
Lazaro Mabunda A Primeira República nasceu a 25 de Junho de 1975; a segunda República nasceu a 30 de Novembro de 1990; e a terceira vai nascer amanhã, 5 de Setembro de 2014, mas esta última tem a particularidade de não nascer de uma nova constituição que rompe com o passado, mas de um acordo de paz.
See Translation
Valdina Narciso Ngoka apesar d tudo eu sou fã d líder d renamo...ele é o cara
See Translation
Poeta Pensador Lazaro Mabunda meu caro eu olho para essa terceira República como não so nascendo de um acordo de paz mas sim olho para o principal mentor e a geração que ele oferece de fazer sua história livre dos fantasma do passado
See Translation
Isack Pilonthy Alela Viram a quantidade d jornalistas k aguardavam Dhlakama no Aeroporto???


Aquilo pareceu filme, realmente é PAI DA DEMOCRACIA
See Translation
Narciso Francisco Esta e uma nova era, para construir um Mocambique prospero nos mocambicanos devemos saber por as diferencas do lado e atender assuntos de todos, afinal mocambique e dos mocambicanos. Viva paz! Viva democracia.
See Translation
Octavio Jaime Mondlane Ele ganhou mediatismo cinematografico so isso so, vms ver se vai saber gerir o mediatismo ao longo dos 45 dias de campanha. Forca de soda so isso
See Translation
Madeira Tratada Realmente Lazaro!!, é mesmo o Pai da Democracia, acho que os membros e simpatizantes do G40, estao assustados e profundamente "chocados", e mesmo um Golpe e tanto!! viva a democracia MULTIPARTIDARIA..
See Translation
Fakir Ibrahimo octavio jaime Mondlane!Forca d soda e akela ki keria o assassinar no dia 17_10_2013 em gorongoza.So pra fazer te recrdae
See Translation
Magacebe Majacunene Não sei se as instituições do Estado serão libertas...mas vamos aguardar após eleições.
See Translation
Eddy Marchal Wa Afrika Acho que as instituições do estado para serm libertados é preciso k todos unamos forças e desencadeiemos um forte combate para dispartidarizar-se n completo.
See Translation
John Mazive A entrada triúnfal de um filho do povo verdadeiro democrata,que sempre lutou pelo bem do povo, largou tudo de luxo na cidade que nao o indentificava como quem sempre fez questao da igualdade de directos, ate a familia largou carros mordomias ate a propria saúde dele esteve em jogo a intreguinidade fisica mas ninguem ou muitos nao entendiao o benefio disso.para trazer o garante da democracia,
See Translation
Davi Machava Com todo respeito caro Mabunda: o sr deveria dar aulas de sapiência nas escolas de comunicação. Parabéns. Boa reflexao...
See Translation
Michael Cesar É como ele diz: a vitória não de Dhlakama, a vitória é vossa, vocês jovens.
See Translation
Julinho Alberto Taimo Paro e MEDITO no ABISMO k o país em passos largos se dirrigia. Jovens recem linceciados se OPORTUNIDADE de emprego, os poucos k conseguiam tinham k se sugeitar a denominações e politicas ñ do seu agrado e muito mais situações tristes k aconteciam e pre...See More
See Translation
Armando Tomas Fernando dhlacama e heroi vivo ,mesmo guebuza sabe disso
See Translation
André Rafael Pequenino espero para ver e sentir na integridade
See Translation
Amilcar Joaquim Inguane Boa reflexão Lazaro Mabunda, espero que desta vez não adormece como fez durante vinte anos....pois, o tipo se deixa mergulhar num sono profundo e não o vejo a ter idade para pensar na quarta república. ....
See Translation
Misa Gonzaga quer queiramos ou não, reconheça-se a grandeza e coragem deste homem....
See Translation
Wilma Guidion Nhantumbo Tomara que ele saibe, girir situacao
See Translation
Acacio Langa Boa reflexão muitos jornalistas deviam aprender consigo
See Translation
Samuel Justino Ernesto Eu respeito este homem. Tiro chapéu
See Translation
Stelio Massinga Boa reflexão Lázaro, pena que ele precisou de sacrificar os nossos irmãos para essa terceira República, a Democracia não se alcança com AK47, mais sim com diálogo. Paz.
See Translation
Mainga Penicela Eu gostaria de saber do membro do G40 o sr, Gustavo Mavie( o maior agitador politico do pais), se o Dlakama e mesmo um burro? como ele custuma dizer e ouvir tambem o sr. Calton Cadeado, se em que conclusao chegou na sua tese "nao se negocie duas vezes com mesmo bandido"
See Translation
Moisés Arlindo Valério Sitoe Esta acabado o Mavie e seus argumentos, o Calton esse deve nos mostrar que é bandido...
See Translation
Artur Vasco Pura verdade. Receba um abraço forte mereçido !!!
See Translation
Samuel Maputso Mabunda, respeito a sua opinião mas a verdade só Dhlakama pode dizer. Cuidado caíres de quatro no dia em que a verdadeira verdade aparecer, tal como ficamos de queixos caídos à medida que descobrimos que algumas verdades historicas foram simplesmente maquinadas.


Falando em democracia, em qual dos partidos actuais tem suficiente democracia interna, que a possa promover cá fora?
See Translation
Nhambo Mechiço quem nao acredita problema seu, mas este homem tem " tomates no lugar".... Super politico, e o povo precisa para o bem d todos
See Translation
Nausica Omar Taia Muitíssimo bem pensado e dito. Caro Lázaro, está de parabéns pela clareza e veracidade da sua análise. É de facto um grande senhor, O Afonso Dlhakama.
See Translation
Sarmento Abel Sande Sim senhora,definitivamente fique estupefacto quando ele e seus homens,conseguiram no preterito dia 08/05/2014 anular todos os detractores que "supostamente" se inflitrariam na coluna do CNE/STAE com intuito de lhe expugnar deste planeta.Ai pensei com os meus botoes de que...ESTE E O CARA!Nunca vi algo semelhante em Africa,pois SAVIMBI,FODAY SANKOH,LAURENT NKUNDA,etc,sairam mal no retrato,com os respectivos feiticos.Este senhor,apesar dos pesares merece um lugar nos anais da historia de MOZ e quica,de AFRICA/MUNDO,porque foi capaz de suportar 16anos nas matas,outros tantos em Paz e mais 2anos nas matas para definitivamente por o zenite em seu lugar.Bem haja Moz!
See Translation
Octavio Cruz Cruz este devia escrever um livro e podem ter a certeza k sera um best seller
See Translation
Mutola Escova nao ha palavras para descrever a sua qualidade e carisma
See Translation
Pedro Vicente Zimba Sem sombra de duvidas ele e realmente o pai da democracia,G-40 os fora da lei.
See Translation
Carlos Trocado Ferreira ... todas as nações têm os seus heróis...
See Translation
Castigo Xadreque Matlhombe Caro Lázaro Mabunda: só quem nunca leu profundamente os seus posts está surpreso com a verdade nítida trazida à tona nas suas reflexöes! 


Bem hajam mais líderes como ele pois, para um Moçambique livre, são preciso. 

Nas últimas Eleiçöes Presidenciais o cota apareceu nas telas prometendo QUEIMAR o país e quase ninguém levou-o a sério: foram unânimes em afirmar que estava doido, que havia perdido controlo dos seus homens nas matas e que era saudosismo dos tempos da guerra que lhe subia à mente. E hoje, o que dizem?
See Translation
Joao Bruno Craveirinha Mano Lazaro Mabunda. Afonso Dhalakama tem os seus meritos mas de onde e como e porque surgiram PDD e MDM? e preciso dar valor ao homem mas tambem sejamos reaistas que tanto ele como Frelimo teem as suas resposabilidades neste forrobodo vergonhoso todo principalmente a Renamo que pegou em armas e accao paramilitarista como forma de protesto politico. E volto a repetir, nao basta celebrar Paz so porque se calaram as armas. Estas so ficarao definitivamente enterradas se todos nos cumprirmos a nossa parte e promovermos uma Paz social. Eu deste Acordo o que desejo ver e uma coisa: despartidirizacao ou desfrilimizcao do aparelho de estado como quiserem entender. E nas Eleicoes, uma Assembleia da Republica sem maioria absoluta. Agora, nao defendamos Afonso Dhalakama porque pois mais carisma e coragem que tenha tido porem nao deixa de ter culpa tal como a Frelimo pos se ele realmente fosse o "pai da democracia" teria comecado por dar o exemplo e permitido rotatividade democratica no seu partido o mesmo em que ele sempre pensou como rei, um dos seus erros, Abracos e que o nosso Pais siga rumo a uma Paz eterna em que todos trabalhemos para a Igualdade. Agora saibamos por favor todos ser coerente e ver as coisas como elas sao e que Dhalakama nao foi para as matas a pensar no povo mas sim nele proprio. Veem ai as eleicoesw, o primeiro e mais importante desafio a implementacao do que ontem foi assinado entre Guebuza e Dhalakama. E deixo a pergunta a muita gente que agora o abraca : antes Dhalakama nao prestava agora ja e o "Messias"?.Abraco, Viva Mocambique!
See Translation
Paul Cofe Axo q ja falamos mto,,, qero q os primos do face saibam q no mundo da analise politica algmas figurinhas n pdiam s presenciar pq acabam confundindo a democracia c a ditadura,,,ex o Gustavo Mavie,,,o comentarista da RM q ate fala como s n tem sido pago pelo dinheiro do povo,,,,pena desse mano q um dia vai deitar a sua capa n lixeira pq ja vai ser peqena
See Translation
Anselmo Titos Cachuada É o virar da História...sou jornalista agora inactivo....mas não suporto com alguns escribas q perderam o norte da nobre profissão. Conheço e trabalhei c Mabunda tal como conheço e trabalhei com Mavie: os dois são diametricamente opostos. Descarto c omentários sobre oa serviços de Mavie, Cadeado e companhias...abstenho-me de Mabunda, mas estou estufacto prq ontem meu sobrinho de 21 anos e concluir universidade me surpreendeu: alterou seu perfil, colocando a foto de Dlhakama na dele: não sei o q significa...será a dita geração de viragem?
See Translation
Fato Albino Acho que os jornalistas tambem deve mudar, das suas propagandas escrever ou notiçiar aquilo que mesmo aconteçeu. Nao propaganda para disfamar outros partidos ou pessoas da quele partido.
See Translation
Paulo Besteleve Besteleve João Bruno craveirinha ninguém é bom para todos em qualquer parte do mundo, o líder da Renamo conhece bem a frelimo ele foi da frrelimo conhecem muito bem.E mesmo um pai não bom para todos os filhos nem os filhos não são todos que dizem meu pai e bom pai.Agora o que aconteceu na Renamo às deserções aonteceram porque a renamo é um partdo democrático quem não se sente avontade dispede, enquanto na frelimo é o contrário os discontentes não se pronunciam até a maioria dos discontentes da frelimo estão em campanha vão se vingar nas urnas.O líder da Renamo já aprendeu como fazer a frelimo ouvir e aceitar e assinar o que diz impossível conhece as vias de fazer a frelmo sim o que sempre disse não.
See Translation
Armando Tomas Fernando a frelimo perdeu muito com essa guerra,a favor de dhlakama ,hoje muito gente consedera dhlakama de messia ,outros heroi ,se existir eleicoes livre transparente desta vez a perdiz com seu lider estara na ponta vermelha.
See Translation
Jacinto Faustino Força grande líder! Uma vergonha para os gananciosos.Bem hajas Afonso Marcacho Marceta Dlhakama
See Translation
Miguel Macaringue Concordo plenamente com a sua sua opinião. Se calhar pecou por não ter começado assim: Afonso Marceta Dhlakama e o Partido RENAMO....
See Translation
Simon Cumbula Atenção não exageremos com a concordancia.É verdade que o pais estava a mergulhar se no regime descrito na pousague no entanto sou da opinião de que se tivesse acontecido doutra forma teria sido bom para o pais.fico muito triste com alguns pronunciamentos principalmente os que nunca viveram na pele a guerra.Eu fiquei mais velho porque meu irmaos mais velho foi vitima de rapto pelos homens,noutro dia quando chegaram em casa dos meus primos dizimou se num dia só 6elementos da mesma familia deixando um menino dos seus 8anos sem ninguem para o chamar de pai ou mae.

Tou a falar da G dos 16anos.
Comentemos com cuidado e sem concordar em tudo que foi feito pois há pessoas cuja aministia nunca vai apagar a magoa de ser deixado.
Conheço pessoalmente a pessoa que pousou e tenho respeito do que disse mas os que comentam tem algumas vezes o abito de teclar por custume e emoçao alias essa tem sido o custume dq maioria.
Eu entendi a menàgue e concordo mais atençao...
See Translation
Gafanhoto Gxtilo A democracia não é conquistada promovendo hostilidades a pessoas inocentes e que por sinal os que vão votar para consolidação da mesma.
See Translation
Jusubo Abdullah De Armando esses pensao que a frelimo avia de çeder o pedido da renamo sem tiros voçes querem que a democraçia apareça por via dialogo e entao a independençia veio de que meio dialogo ou guerrilha da frelimo?caros irmao ponderem tambm antes de lançar comentarios infértes
See Translation
Jusubo Abdullah De Armando a democraçia veio atraves das armas e afrelimo ouve com armas por isso assinaram acordo por pressao de armas
See Translation
Joao Fulana Realmente, eu particularmente fiquei chocado com as declarações dos G40, quando diziam que nao havia hipótese nenhuma, do Governo rever o pacote eleitoral, o que a Renamo estava a revendicar. Pra depois o Governo provar que é possível reconsiderar os pontos de referência. Isto, foi golpe duro pra os Srs de G40 , principal pra, Alexandre Chicane, Suázi, e companhia.
See Translation
Celio Mazuze Sabem porquê Salazar depois da segunda guerra mundial nao aderiu ao resgate financeiro concedido pelos Estados unidos através do plano marchal?!simplesmente porque isso entre outras coisas preconizava a realização de eleições nos países que se beneficiariam do referido plano e o suporte dessa posição e q ele achava que submeter o país as eleições,corria se o risco de surgirem dirigentes pouco sugestivos,porque o povo nao sabe o que quer,parafraseando o cientista político alemão de nome schumpter!isso para responder ao facto de em algum momento considerar se dlhakama bandido e hoje considerarem - no messias!
See Translation
Ali Juhute Mande mais mano Unay Cambuma
See Translation
José Nbeua A ver vamos como dizia o cego,que cada vez via menos! é preciso não desarmar e manter a pressão a toda a força, até perderem as eleições e saírem a bem ou a mal! abraço
See Translation
Augusto Mateus Perfeito,este e um bom raciocínio .
See Translation
Vasco Bento Jose Unay, voce deveria fazer um livro pra o consumo dos Moxambicanos todos e o Mundo em geral,voce eh uma grande biblioteca.
See Translation
Saimon Ynhasena Ynhasena craverinha todos lambe botas ja foram desbaratados agora nao vem a falar coisas k talvez nem sabe,a renamo sofreu muito durante os 20 anos foram mortos membros da renamo em savana em 1999 na cadeia por fome eram volta de 80 em c.delgado baleados 150 e outros morreram na cadeia,a renamo nao foi logo no mato primeiro pediu dialogo e o governo negou e iniciou perseguiçao ao guerrelheiros da renamo ja eram proibido de reunir nas suas sede tudo isso voce viu ninguem k nao sofreu com a guerra nos todos
See Translation
Saimon Ynhasena Ynhasena mais a renamo tinha k se defender porque estariam morto é isso k tu queria para voce lhe chamar de democratico mais morto?hoje ninguem atira pedra para outro nas campanha porque dlhakama e a renamo lutou esse ano ninguem ira na cadeia porque ja foram lavado miolos ja prenderam nao sabiam conviver com os outros
See Translation
Alvaro Mano Gudidea Shenga ke tal o Antonio muchanga xta a festejar connosco ? ou ainda guarnecido com esse malucos?
See Translation
Adriano Biguane Isto e verdade os funcionários d estado sofre prk ser d oposição isto deve akabar.
See Translation
Vasquinho Gimo Unay..tu falas vrdade eu tnho imagens d soldados mortos...tnho 4 vizinhos q pnsam os filhotes stao vivo...pq o khalau mandou sms.
See Translation
Cleyton Chico Senzia Sinceramente a renamo merece dhlakama merece muito mais
See Translation
Mala's Matusse 100,duvidas,ate diziam k aquele sera como savimba.mas agora dizem k afinal tinha razao.seus dorminhocos.desculpas a xprensao,e que falavam muito mal do lider da renamo
See Translation
Germano Mutane Só quem.não conhece a Frelimo na sua profundidade e génese pode acreditar ter o acordo assinado significado algum ganho para o senhor Dlakama e seu conceito de Democracia. Não se enganem. A Frelimo sabe ser astuta quando o momento exige sem perder a sua essência. esperemos como será a oposição daqui (Renamo e Dlakama daqui a dois anos.)
See Translation
Antonio Covele Por um tempo nem eu cheguei a perder crença pelo líder da Renamo, pois dizia algo e meia volta as cações eram invisíveis, mas tirou tudo que era dúvida em mim. E agora até chegou a pensar numa possível concorrência honrosa a ponta vermelha
See Translation
Felisberto Filomeno É sem sombra de dúvida pai da democracia em Moçambique e o mundo inteiro. Uma lenda viva, um herói que mesmo o bebe que ainda não foi desmamentado sente o heroísmo desse senhor
See Translation
Abel Albazino de Almeida General Djakama grande estratega militar...
See Translation
Zefanias Bié Unay! Respeito tudo o que escreveu, que à primeira vista, parece 100% verdade. Somente exijo alguma evidência,..., para aceitar a 100% o seu discurso. Obrigado. Viva a paz!
See Translation
Antonio Bawaze Germano Mutande concordo plenamente consigo mas a sua visao seraa uma realidade se renamo perder este ano. Senhor Germano mutande que praticas veremos nas instituicoes se elas dispartidarizar-se da frelimo. Os funcionario do ap.do estao estao colados e dependentes do governo entendo que eles para se libertar da frelimo psicologicamente e fisicamente nao seraa da livre vontade da frelimo mas sim libertar-se-ao da frelimo assim como passarinho escapa das maos do cacador. Senhor Mutande pela experiencia que tens esses funcionarios terao essa coragem revolucionaria?
Moçambique | 2013/14 -O Melhor e o Pior
GUEBUZA GANHA PERDENDO
-Ailce Mabota arrebata o 1º lugar como a melhor figura do ano 2013
-- "Os melhores e os piores somos todos nós, do Rovuma ao Maputo." - "Há uma viragem que começou a ser feita, que definitivamente não é a viragem que as autoridades oficiais preconizavam" -Carlos Nuno Castel-Branco num comentário sobre a matéria (e abaixo transcrito)

O mais premiado jornalista moçambicano Lázaro Mabunda, "promoveu" um campanha a partir da sua conta no Facebook para a eleição, através do voto, das mais destacadas e detestadas personalidades do ano no país no ano que findou.
Ao levar a cabo esta iniciativa, no seu lançamento a 22 de Dezembro de 2013, este conceituado escriba disse que estando no final do ano, "era tempo de fazer o balanço. Vamos eleger a pior e melhor figura do ano. Vamos há votação."
Lázaro Mabunda chamava assim os "eleitores" que fazem parte do seu circulo a participarem dessa eleição e cujos resultados prometia
divulgar ontem, dia 31 de Dezembro de 2013, propondo:

1. Quem vocês acham que foi a pior figura do ano? 
2. Quem foi a melhor figura do ano?

Note-se que apesar de a votação se ter circunscrito somente ao seu circulo de amizades, não pode tirar mas sim acrescer valor na medida em que no mínimo serviu para colher sensibilidades.
E como o prometido é devido, ontem, o jornalista Lázaro Mabunda acabou de divulgar os resultados e fez saber que votaram 169 pessoas e teve a necessidade de anular votos. "Se não tivesse anulado, os resultados da pior figura do ano, sobretudo, estariam acima de 90 votos. Anulei os votos do tipo 'criador de pato', 'tio patinhas'...", -disse.
Como critérios da participação, a escolha era livre por forma a não influenciar os resultados de votação e por isso, a não colocação da lista de figuras a serem votadas. A escolha era livre.
Resultados da votação
-A pior figura do ano 2013 
1º lugar: Armando Emilio Guebuza com 79 votos (seguido de Afonso Dhlakama).

-A melhor figura do ano 2013
1º lugar: Alice Mabota com 49 votos. 
2º lugar: Carlos Nuno Castel Branco.
3º lugar: Davis Simango e o MDM.


Os melhores e os piores somos todos nós, do Rovuma ao Maputo

Comentário de Carlos Nuno Castel-Branco:
-"Os melhores e os piores somos todos nós, do Rovuma ao Maputo.
Um país é como o futebol - é um jogo de equipa. Um jogador pode, num momento de génio ou estupidez, fazer ganhar ou perder um jogo. Mas os campeonatos são ganhos pela equipa.
Desde os momentos áureos da revolução moçambicana (há quase 4 décadas) que não via moçambicanos tão corajosos, aguerridos e dedicados a lutar pela sociedade como vi em 2013. No campo e na cidade, do norte a sul, de todos os géneros e idades, em especial a juventude, nas redes sociais e nas manifestações, na vida diária. Há uma viragem que começou a ser feita, que definitivamente não é a viragem que as autoridades oficiais preconizavam.
2013 foi um ano excepcional por isso também, não só pelo negativo que nos assolou e inspirou, mas pelo positivo que tirámos da resistência à desgraça - a inspiração e a vontade de lutar e vencer. Em 2013 aprendemos que temos voz, temos meios e vale a pena lutar.
As redes sociais foram uma fonte contínua de contacto, debate, mobilização de cidadania. Como o foram as acções de inúmeras organizações sociais, de alguma imprensa e jornalistas, em todo o país.
Académicos, como grupo, não só como indivíduos, conseguiram posicionar-se de forma progressista relativamente a problemas fundamentais do País que assolam os trabalhadores e todo o povo, desde a guerra e insegurança até às opções e modelos económicos, políticos e sociais. 
Cidadãos de todas as origens marcharam contra a guerra, o crime, a injustiça e o racismo. 
Camponeses opuseram-se a multinacionais. 
Munícipes votaram pela mudança.

Que em 2014 consigamos dar o outro passo fundamental - construir a organização, fazer a mobilização e desenvolver, articular politicamente as demandas e debates e dedinir as direcções de luta para o futuro democrático, inclusivo, socialmente justo, progressista e livre, onde guerra, repressão, desemprego, pobreza, exclusão, expropriações e injustiça não tenham lugar.
Todos somos os melhores porque damos o melhor de nós, fazemos tudo para nos melhorarmos, e ousamos lutar e vencer.
A luta continua em 2014 e sempre. Abraços e feliz ano novo, cidadãos, amigos e companheiros."

Omar Bacar a luta continua ate k haja paz
See Translation
Matilwene Bucar Concordo contigo amor
See Translation
Marcelo Chihale A Luta continua.Que o desejo do Povo seja feito .
See Translation
Gildo Maleiane O caminho eh sempre a frente. Khanimambo Moz we ON
See Translation
Estêvão Mandlhate Muito bom, a luuuuta continuaaaa

Sem comentários:

Windows Live Messenger + Facebook