sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

União Europeia manifesta confiança em “notáveis avanços” nas negociações de paz


Embaixador da EU confiante nos avanços das negociações entre o governo e a Renamo

O embaixador da União Europeia (UE) em Moçambique disse, ontem, que estava confiante de que as negociações entre o governo e a Renamo irão registar avanços notáveis nos próximos dias ou semanas.
“Temos a convicção de que nos próximos dias haverá avanços notáveis no processo”, disse Sven von Burgsdorff, em declarações à imprensa após ser recebido em audiência pelo Presidente da República, em Maputo. No mesmo dia, Filipe Nyusi recebeu também a embaixadora da Noruega em Maputo, Anne Lene Dale, que disse que o tema da paz esteve no centro da conversa com o Chefe de Estado.
“Nós discutimos a situação e esperamos que se alcance a paz em Moçambique, pois é importante para o desenvolvimento do povo”, disse Anne Lene Dale.
Moçambique vive uma crise política que opõe o Governo e o principal partido da oposição, que resvalou para confrontações militares no centro do país entre as Forças de Defesa e Segurança (FDS) e os homens armados da Renamo. Na sequência de conversas telefónicas com o Presidente da República, o líder da Renamo, Afonso Dhlakama, declarou uma trégua de uma semana como “gesto de boa vontade”, tendo, posteriormente, prolongando o seu prazo para 60 dias.

Sem comentários:

Gadget

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.