terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

José Eduardo dos Santos deve ou não prestar contas

Em debate:

  • Coque Mukuta

José Eduardo dos Santos deixa a política activa em 2018
José Eduardo dos Santos deixa a política activa em 2018
Bento Kangamba diz que tal pretensão revela "falta de carácter e de agradecimento"
O Presidente angolano oficializou a sua retirada da corrida às eleições de Agosto, com a indicação de João Lourenço, para cabeça-de-lista do MPLA, após 38 anos no cargo.
0:00:00 /0:03:17
Faça o Download
Juristas e activistas defendem que Dos Santos deve prestar contas do seu longo mandato, mas o dirigente do MPLA Bento Kangamba afirma que tal pretensão é falta de carácter e de agradecimento.
Cidadãos divergem em relação à prestação ou não de contas por parte do Presidente José Eduardo dos Santos após 38 anos no poder.
Para o jurista Francisco Lumangu, “qualquer cidadão coerente e sensato no fim de um mandato deve prestar contas, ainda que seja apenas para a história registar”.
Lumangu afirma que “a prestação de contas não pode significar perseguição política a prestação não quer dizer que seja um julgamento do ponto de vista jurídico, significa apenas um rescaldo final, para um país sério”.
Por seu lado, o pesquisador Smity Chicote considera que não seria de bom-tom, tão logo Dos Santos abandone o poder, recair sobre ele qualquer perseguição política, “não pode haver qualquer caça às as bruxas”.
Álvaro Nuno Dala condena qualquer caça às bruxas
Álvaro Nuno Dala condena qualquer caça às bruxas
Para o activista Nuno Álvaro Dala, a prestação de contas de José Eduardo dos Santos devia ser apenas para a reconciliação e não para perseguição politica.
“Ele deve prestar contas mas que sem espírito de vingança porque tudo deve ser feito na prespectiva da reconciliação” sublinhou o activsita.
Bento Kangamba critica quem pede prestação de contas de JES
Bento Kangamba critica quem pede prestação de contas de JES
Entretanto, em resposta aos pedidos de prestação de contas, o secretário itinerário do MPLA, em Luanda, Bento dos Santos Kangamba, considera que quem exigir prestação de contas a Dos Santos está a revelar “falta de carácter e agradecimento”.
José Eduardo dos Santos não será candidato nas eleições de Agosto e anunciou que deixará a vida política activa no próximo ano

Sem comentários:

Windows Live Messenger + Facebook