segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Cidadã detida pela polícia acusada de exploração sexual de duas jovens em Maputo


Dados preliminares dos exames médicos indicam que uma das jovens está infectada pelo HIV
Uma jovem de 22 anos está detida pela polícia da província de Maputo, acusada de explorar sexualmente duas jovens.
Segundo a PRM, tudo terá iniciado há duas semanas, quando as vítimas foram convidadas para residir em casa da jovem. Tempos depois, alugou uma residência onde acontecia a exploração sexual.
As vítimas, uma de 16 e outra de 18 anos, contam que, por dia, eram obrigadas a fazer sexo com vários homens.
A indiciada nega o seu envolvimento e diz que apenas cedeu espaço para elas morarem.
No entanto, a polícia desvaloriza estas declarações e diz que pelo trabalho feito tudo indica que ela está envolvida.
A mãe de uma das vítimas lamenta o facto e exige que a justiça seja feita.
Dados preliminares dos exames médicos indicam que uma das duas jovens está infectada pelo vírus de HIV/SIDA.

Sem comentários:

Windows Live Messenger + Facebook