segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

The Inevitability Of Impeachment


A inevitabilidade do Impeachment
Depois de apenas uma semana.
29/01/2017 20:57 ET | Atualizado 8 horas atrás
19k

Robert Kuttner é co-fundador e co-editor, 'The American Prospect'
X

Trump vem tentando governar por impulso, por capricho, por castigo pessoal, para o lucro, por decreto - como se ele tivesse sido eleito ditador. Ele não funciona, e as rodas estão saindo do ônibus. Depois de uma semana!

Impeachment está a ganhar terreno, porque é a única maneira de tirá-lo, e porque os republicanos já estão abandonando este presidente em massa, e porque o homem é psiquiatricamente incapaz de verificar se algo é legal antes que ele faz isso.

Impeachment está ganhando terreno porque é tão terrivelmente claro que Trump é imprópria para escritório. Os adultos ao redor Trump mesmo os mais servis Fiel, gasta metade do seu tempo tentando controlá-lo, mas ele não pode ser feito.

Eles passam a outra metade atendendo a telefonemas frenéticos de Chieftains republicanos, elites empresariais e líderes estrangeiros. Trump fez o quê? Pobre Reiner por Priebus finalmente alcançou o auge do poder, e não pode ser divertido.

É uma coisa para viver em sua própria realidade, quando você é um candidato e é apenas palavras. Você pode enganar o suficiente das pessoas suficientes do tempo talvez até para ser eleito. Mas quando você tenta governar dessa forma, não é uma realidade para a realidade e realidade empurra para trás.

Um por um, Trump decretou ordens impulsivos, un-controlados pelo jurídica, política ou pessoal político, muito menos por um planejamento sério. Quase imediatamente, ele é forçado a andar-los de volta por uma combinação de pressão e política e jurídica pela realidade.

Ao contrário das várias ditaduras admira Trump, o complexo novelo de controlos legais, constitucionais e políticos sobre a tirania nos Estados Unidos estão segurando-a apenas a apenas algumas vezes, mas eles estão segurando. E o comportamento do mais imprudente de Trump, o mais forte tornar-se a soma de verificação.

Somente com o seu esforço louco para proibir seletivamente os refugiados (mas não de países terroristas de envio como Arábia Saudita e Egito, onde Trump tem interesses comerciais) Trump descobriu que o sistema americano tem quadras. Tem tribunais. Imagine isso.

Quanto mais ele se torna desequilibrado, menor serão os bajuladores juízes conservadores para políticas republicanas comuns, que muitas vezes eles têm sido. Alguém quer apostar que o Supremo Tribunal será a prostituta de Trump?

Na semana passada, dos republicanos Mitch McConnell para baixo ter tropeçado uns sobre os outros vista sensação de rejeição de Putin. Eles têm ridicularizado screwball sensação alegação de fraude eleitoral maciça.

Eles estão correndo para se esconder sobre como matar Obamacare sem matá-lo Hasta republicanos esperanças de reeleição. Esta é realmente complicado, e nuance não é o forte de Trump. Rep Tom McClintock da Califórnia falou por muitos quando advertiu:

"É melhor ter certeza de que estamos preparados para viver com o mercado que criamos", com a revogação, disse o deputado. Tom McClintock. (R-Calif.)

"Isso vai ser chamado para Trumpcar. Os republicanos será o dono que fechadura, estoque e barril, e nós vamos ser julgados na eleição é inferior a dois anos de distância. "

Sen. Lindsey Graham, zombando próprios hábitos Tweeting noz de Trump, enviou um tweet chamando uma guerra comercial com o México "mucho triste."

próprio pessoal sênior da Trump teve de puxá-lo de volta de sentir cruzada absurda contra o México e os mexicanos, onde Trump força o presidente mexicano para cancelar uma visita oficial de um dia, e gasta uma hora no telefone beijando-se no dia seguinte.

corte Trump para restabelecer a tortura, mas os principais líderes republicanos matou essa idéia. Sen. John Thune (DP), terceira no ranking republicano do Senado, disse quarta-feira que a proibição da tortura foi resolvido lei e os republicanos no Congresso iria se opor a qualquer reintegração. próprio secretário da Defesa do Trump tem a mesma opinião. Após blustering a sua nova política de tortura, Trump humildemente concordou em adiar para Advisers sentimentos de defesa.

Tudo isso em apenas uma semana! Tampado por juízes federais agora a começar a controlá-lo.

Duas semanas atrás, neste espaço, apenas com base no que assistimos durante a transição, eu escrevi uma peça pedindo um painel de impeachment cidadãos, como um Comitê Judiciário da Câmara sombra, para montar um dossiê para um impeachment Trump, e uma campanha de cidadania para criar um movimento de impeachment público.

Nas duas semanas desde que, Free Speech para Pessoas lançou campanha de cidadania para acusar Trump. Cerca de 400.000 pessoas já assinaram a petição impeachment.

O grupo bipartidário Cidadãos pela Responsabilidade e Ética em Washington (CREW) tem vindo a realizar uma investigação detalhada. juristas seniores associados com tripulação entrou com uma breve legal detalhada por sua ação, documentando as várias maneiras Trump é uma violação da Cláusula de emolumentos, que proíbe um presidente de lucrarem com as ações de governos estrangeiros.

Já existem muitas outras razões para impeachment, incluindo os interesses da Trump colocar os negócios à frente dos próprios sentimentos do país e sua aliança estranha e oportunista com limítrofe de Vladimir Putin em traição. Uma lei menos conhecido que vai além dos emolumentos Noel é o ato STOCK de 2012, que proíbe explicitamente o presidente e outros funcionários de lucrar com knowledge.ımpeachment não-públicas, é claro, é uma política, bem como um processo legal. Os fundadores deliberadamente concebido dessa forma. Mas depois de apenas uma semana no escritório, não só Trump foi abandonando a Constituição; sentindo aliados partidários estão desertando him.despit a sentir estranheza assustador, republicanos no primeiro pensamento que eles poderiam usar para fins republicano Trump. Este abraço de Putin de sentir a sensação de patrocínio de uma guerra comercial em geral, isso não é republicano. Só podemos imaginar o alarme e horror sendo expressa pelos republicanos em particular. 1984, o psiquiatra Otto Kernberg descreveu uma doença conhecida como narcisismo maligno. Ao contrário de narcisismo normal, o narcisismo maligno era um amantes pathology.ıt foi caracterizada por uma ausência de consciência, a grandiosidade patológica e busca de poder, e uma alegria sádica em crueldade. Dado o enorme perigo para a República, bem como para os republicanos, o impeachment de Trump vai acontecer. A única questão é quão grave uma catástrofe América enfrenta first.robert Kuttner é co-editor do The American Prospect e professor na Heller School da Universidade de Brandeis. Seu último livro é prisão civil: The Politics of Possibility Versus austeridade. http://www.amazon.com/debtors-prison-politics-austerity-possibility/dp/0307959805lik Robert Kuttner no Facebook: http://facebook.com/robertkuttneralso em huffpostxmor para: Donald Trump Vladimir Putin, Casa dos Representantes EUA Impeachment

After just one week.

01/29/2017 08:57 pm ET | Updated 8 minutes ago

X
Trump has been trying to govern by impulse, on whim, for personal retribution, for profit, by decree ― as if he had been elected dictator. It doesn’t work, and the wheels are coming off the bus. After a week!
Impeachment is gaining ground because it is the only way to get him out, and because Republicans are already deserting this president in droves, and because the man is psychiatrically incapable of checking whether something is legal before he does it.
Impeachment is gaining ground because it’s so horribly clear that Trump is unfit for office. The grownups around Trump, even the most slavishly loyal ones, spend half their time trying to rein him in, but it can’t be done.
They spend the other half fielding frantic calls from Republican chieftains, business elites and foreign leaders. Trump did what? Poor Reince Priebus has finally attained the pinnacle of power, and it can’t be fun. 
It is one thing to live in your own reality when you are a candidate and it’s just words. You can fool enough of the people enough of the time maybe even to get elected. But when you try to govern that way, there is a reality to reality—and reality pushes back.
One by one, Trump has decreed impulsive orders, un-vetted by legal, policy, or political staff, much less by serious planning. Almost immediately he is forced to walk them back by a combination of political and legal pressure—and by reality.
Unlike in the various dictatorships Trump admires, the complex skein of constitutional legal and political checks on tyranny in the United States are holding—just barely at times, but they are holding. And the more reckless Trump’s behavior, the stronger become the checks. 
Only with his lunatic effort to selectively ban refugees (but not from terrorist-sending countries like Saudi Arabia and Egypt where Trump has business interests) has Trump discovered that the American system has courts. It has courts. Imagine that.
The more unhinged he becomes, the less will conservative judges be the toadies to ordinary Republican policies that they too often have been. Anybody want to wager that the Supreme Court will be Trump’s whore?
In the past week, Republicans from Mitch McConnell on down have tripped over each other rejecting his view of Putin. They have ridiculed his screwball claim of massive voter fraud. 
They are running for cover on how to kill ObamaCare without killing patients or Republican re-election hopes. This is actually complicated, and nuance is not Trump’s strong suit. Rep Tom McClintock of California spoke for many when he warned:
“We’d better be sure that we’re prepared to live with the market we’ve created” with repeal, said Rep. Tom McClintock. (R-Calif.)
“That’s going to be called Trumpcare. Republicans will own that lock, stock and barrel, and we’ll be judged in the election less than two years away.”
Sen. Lindsey Graham, mocking Trump’s own nutty tweeting habits, sent out a tweet calling a trade war with Mexico “mucho sad.” 
Trump’s own senior staff has had to pull him back from his ludicrous crusade against Mexico and Mexicans, where Trump forces the Mexican president to cancel an official visit one day, and spends an hour on the phone kissing up the next day.
Trump proposed to reinstate torture, but key Republican leaders killed that idea. Sen. John Thune (S.D.), the Senate’s third ranking Republican said Wednesday that the ban on torture was settled law and the Republicans in Congress would oppose any reinstatement. Trump’s own defense secretary holds the same view. After blustering out his new torture policy, Trump meekly agreed to defer to his defense advisers. 
All this in just a week! Now capped by federal judges starting to rein him in.
Two weeks ago, in this space, just based on what we witnessed during the transition, I wrote a piece calling for a citizens impeachment panel, as a shadow House Judiciary Committee, to assemble a dossier for a Trump impeachment, and a citizens’ campaign to create a public impeachment movement. 
In the two weeks since then, Free Speech for People has launched a citizens’ campaign to impeach Trump. About 400,000 people have already signed the impeachment petition. 
The bipartisan group Citizens for Responsibility and Ethics in Washington, (CREW) has been conducting a detailed investigation. Senior legal scholars associated with CREW have filed a detailed legal brief in their lawsuit, documenting the several ways Trump is in violation of the Emoluments Clause, which prohibits a president from profiting from the actions of foreign governments. 
There are already plenty of other grounds for impeachment, including Trump’s putting his own business interests ahead of the country’s and his weird and opportunistic alliance with Vladimir Putin bordering on treason. A lesser-known law that goes beyond the Emoluments Clause is the STOCK Act of 2012, which explicitly prohibits the president and other officials from profiting from non-public knowledge.
Impeachment, of course, is a political as well as a legal process. The Founders designed it that way deliberately. But after just a week in office, not only has Trump been deserting the Constitution; his partisan allies are deserting him.
Despite his creepy weirdness, Republicans at first thought they could use Trump for Republican ends. But from his embrace of Putin to his sponsorship of a general trade war, this is no Republican. One can only imagine the alarm and horror being expressed by Republicans privately.
In 1984, the psychiatrist Otto Kernberg described a sickness known as Malignant Narcissism. Unlike ordinary narcissism, malignant narcissism was a severe pathology.
It was characterized by an absence of conscience, a pathological grandiosity and quest for power, and a sadistic joy in cruelty. 
Given the sheer danger to the Republic as well as to the Republicans, Trump’s impeachment will happen. The only question is how grave a catastrophe America faces first.
Robert Kuttner is co-editor of The American Prospect and professor at Brandeis University’s Heller School. His latest book is Debtors’ Prison: The Politics of Austerity Versus Possibility. http://www.amazon.com/Debtors-Prison-Politics-Austerity-Possibility/dp/0307959805
Like Robert Kuttner on Facebook: http://facebook.com/RobertKuttner

Also on HuffPost

X

Sem comentários:

Windows Live Messenger + Facebook