terça-feira, 13 de dezembro de 2016

Mortes e avarias constantes dos equipamentos no HCQ obrigam a realizar cerimónia tradicional

mortes no HCQ
SOCIEDADE


Nos últimos tempos relatam-se casos estranhos no recém Hospital Central de Quelimane (HCQ) inaugurado pelo Chefe do Estado, Filipe Jacinto Nyusi.
Só que de lá para cá, aquele Hospital tem vindo a registar um numero elevado de mortes diariamente e constantes avarias  dos equipamentos hospitalares.
Cientes disso e depois duma pesquisa feita, a direcção do Hospital chegou a conclusão de que se deve realizar uma cerimónia tradicional, denominada em língua local por “mucutho”, visto que segundo se ouve, o líder do escalão máximo tem vindo a reclamar ganhos por não ter estado no dia em que se inaugurava o HCQ.
Sabe o Portal Moz News que está cerimónia vai acontecer ainda hoje, onde o grande protagonista será o referido líder. A realização desta cerimónia visa mitigar com estas crises que acontecem naquele que é o maior hospital que a província possui e a maior infraestrutura hospitalar construída no pais no período pós independência.
(Diário da Zambézia)

Sem comentários:

Windows Live Messenger + Facebook