quinta-feira, 3 de novembro de 2016

Presidente da República inaugura linha Cuamba-Lichinga


PR NyusiO Presidente da República, Filipe Jacinto Nyusi, inaugura esta quinta-feira, a linha férrea Cuamba-Lichinga localizada na província do Niassa. A linha que parte de Cuamba e estende-se até Lichinga, operacionalizada pelo Corredor de Desenvolvimento do Norte (CDN), irá possibilitar o transporte de carga geral e de passageiros de Nampula-Cuamba-Lichinga e vice-versa.
O projecto de reabilitação da linha férrea Cuamba-Lichinga enquadra-se no âmbito da responsabilidade da Vale Moçambique no que se refere ao desenvolvimento daquele ponto do país.
Adjudicada à construtora Mota-Engil, a reabilitação da Linha, tida como uma das espinhas-dorsais do Niassa, tem uma extensão de 262 km, uma capacidade de 16,5 toneladas/eixo e envolveu 450 trabalhadores de Junho de 2014 à Novembro de 2016.
Para além da colocação de travessas metálicas em alguns troços, a reabilitação desta linha orçada em 100.000.000milhões de dólares norte-americanos incluiu trabalhos de construção de novas pontes, desminagem, mitigação dos efeitos da erosão e desmatamento.
Antes da reabilitação o comboio levava no máximo 10 vagões de carga geral e após a obra por ter várias linhas de cruzamento pode levar até 25 vagões.
Espera-se a linha contribua para o escoamento da produção agrícola da província do Niassa para toda a região norte, bem como impulsionar as transacções comerciais entre a província e os países dointerland.
Refira-se que a linha férrea Cuamba-Lichinga encontra-se inoperacional desde finais de 2010, altura em que a circulação dos comboios tornou-se insustentável a nível de segurança operacional devido a degradação total da mesma.

Sem comentários:

Windows Live Messenger + Facebook