sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Banco de Moçambique extinguiu Nosso Banco

Nesta manha de segunda-feira, minha solidariedade vai para aqueles irmaos/amigos que, 'largaram' a sua carreira, correndo para ocuopar as vagas que, adviriam da abertura de duas Agencias do NOSSO BANCO. Nao quero estar na situacao deles. Nao desejo a ninguem tal situacao. Alias, a nossa amizade fica melhor, quamdo eles estao bem.
Por falar em irmanidade, eh comum, aqui na Perola do Indico, ver se o angolano como irmao, o zambiano, o tanzaniano, esses, a par das manas e manos dos grandes lagos de Africa, sao, geralmente, estrangeiros. Na UEM, estudei com alguns angolanos, burundeses, congoleses, timorenses, ruandeses (na sua maioria, camufulados a burundeses. Creio que seja por fuga ao TPI, na sequencia do considerado Pior Massacre do Seeculo Passado?).
Na semana passada, ardeu Mercado dos Bombeiros, na cidade de Nampula cujos proprietarios das estruturas e bens perdidos eram eram, na sua maioria, estrangeiros. E, para parafrasear um desses irmaos estrangeiros: 'essi coisa, cemecou, em Pemba, -estavam mandar sair (pelo CMCP), nohs num saiu. Queimou MARCADU com TUDU banca, baLacas, mArcadoria, TUDU coisas. Ninguem mais voltou fazer SEU barraca ali. Depois foi Quelimane, mesma coisa. Agora eh aqui Nampula'. E, alguem acrescentaria: 'comecou no mArcado do compone, em Maputo, ha alguns anos atLas, so queimar baLaca de ETRANGERO, so'.
Ele, mesmo entregou tudo as maos do Todo-Poderoso. 
Muitos destes irmaos ja estao a ter netos aqui na Perola do Indico. Casaram com nossas irmas. Empregam nossos irmaos. Pagam IVA e seus derivados, enfim, contribuem, de alguma forma para o crescimento (e desenvolvimento?) desta Patria. 
Seraa que alguem, deliberadamente, poe fogo sobre aquelas estruturas?
Xenofobia eh coisa de sul-africanos. Espero que, os Bombeiros, Conselhos Municipais, a EDM, e todos outros resolvam o seu TPC. Eu tambem ja fui estrangeiro.
Minha solidariedade vai tambem a estes irmaos viitimas destes incendios! Enquanto isso, vamos la 'djobar', no proximo mes, a taxa de inflacao poderaa atingir o seu recorde, se comparar-se, pelo menos, com os tempos do 'so-called GUIA INCONTESTAAVEL'! Ontem, lancei as sementes para mais uma 'eepoca' no Meu Quintal do Deserto. Enquanto haver a vida, haa Esperanca. O mano Ali Faque ensinou-me.


Depositantes serão reembolsados através do Fundo de Garantia de Depósitos O Nosso Banco já não é banco. O Banco de Moçambique retirou ao banco o direito de exercer a actividade no país. Os depositantes serão reembolsados através do Fundo de Garantia de Depósitos. 
O sistema bancário moçambicano está com menos um banco a partir desta sexta-feira. O Banco de Moçambique decidiu eliminar o Nosso Banco, que até 2015 era chamado Banco Mercantil de Investimento.

Os clientes que têm depósitos no banco deverão ser reembolsados pelo Banco Central, através do Fundo de Garantia de Depósitos, criado em Setembro de 2010 em conformidade com a lei.

Um comunicado enviado a jornalistas no fim da tarde desta sexta-feira indica que os reembolsos de depósitos serão feitos tendo em conta as limitações impostas por lei, mas não dá detalhes.

O Banco Central informa no comunicado que a situação financeira e prudencial do Nosso Banco estava em contínua degradação, ou seja, o banco enfrentava uma fraca capitalização, uma estrutura económico e financeira insustentável e graves problemas de liquidez e de gestão.

O Nosso Banco tinha como Presidente de Conselho de Administração, o ex-Presidente do Instituto Nacional de Estatísticas, João Loureiro.

“O Nosso Banco apresentou, em 2014, um plano de reestruturação, incluindo a sua recapitalização e alteração da estrutura de administração e gestão, que não surtiu os efeitos esperados”, lê-se na nota do Banco de Moçambique.

“Após sucessivos incumprimentos dos planos de recuperação apresentados, o Banco demonstrou incapacidade de sair da difícil situação económico-financeira em que se encontra, tendo-se, por conseguinte, colocado numa situação inviável”, revela o Banco Central.

Por não conseguir cumprir com os planos de recuperação da viabilidade da sua actividade, o Banco de Moçambique considera que o Nosso Banco violou as determinações do regulador do sistema financeiro.

Por colocar em risco os interesses dos depositantes e demais credores, bem como o normal funcionamento do sistema bancário, o Banco Central decidiu revogar a autorização para o exercício de actividade conferida ao banco, que implica a sua dissolução e liquidação.

O banco era detido em 74% pelo Instituto Nacional de Segurança Social, mais de 15% pela Electricidade de Moçambique, 4% pela empresa Gestão de Investimentos, 2% pela Alfred Kalisa e 1% pelos restantes accionistas.

Esta é a segunda intervenção de impacto directo nos bancos tomada pelo Banco de Moçambique, por sinal a mais grave, depois de em Setembro último ter decidido intervir no Moza Banco no sentido de recuperar a insustentabilidade financeira do mesmo. 
Última Hora*Última Hora*Última Hora*Última Hora*Última Hora*Última Hora*
Banco de Moçambique manda dissolver e liquidar “Nosso Banco”
Maputo (Canalmoz) - Mais uma bomba acaba de rebentar na banca. O Banco de Moçambique (BM) mandou encerrar com efeitos imediatos o “Nosso Banco” por falta de capitalização, uma estrutura económico-financeira insustentável, assim como devido graves problemas de liquidez e de gestão.
Um comunicado do Banco Central distribuído no final da tarde desta sexta-feira, indica que a situação financeira e prudencial do Nosso Banco, SA, tem estado a caracterizar-se por uma “contínua degradação dos principais indicadores prudenciais e de rendibilidade”.
“Após sucessivos incumprimentos dos planos de recuperação apresentados, o Banco demonstrou incapacidade de sair da difícil situação económico-financeira em que se encontra tendo-se, por conseguinte, colocado numa situação inviável. O Nosso Banco, SA, ao não executar os planos de recuperação apresentados não só violou as determinações do Banco Central, como não logrou o restabelecimento do equilíbrio da sua situação económico-financeira. Assim, considerando que com as medidas tomadas não foi possível a recuperação da situação financeira e prudencial deficitária em que a instituição se encontra, pondo em risco os interesses dos depositantes e demais credores, bem assim o normal funcionamento do sistema bancário, o Banco de Moçambique determinou a revogação da autorização para o exercício de actividade conferida ao Nosso Banco,, o que implica, a sua dissolução e liquidação” lê-se no comunicado do Banco Central.
Para os que têm dinheiro depositado no nosso Banco, o Banco informa que o Fundo de Garantia de Depósitos (FGD), assegurará o reembolso do valor dos depósitos constituídos por clientes do Banco que sejam pessoas singulares, mas na operacionalização dos reembolsos dos depósitos, o FGD observará as limitações impostas por lei.
O “Nosso Banco” nasceu em Novembro de 2015 a partir do polémico e antigo Banco Mercantil de Investimentos (BMI) com a coluna vertebral do Estado pois tem como accionistas o Instituto Nacional de segurança Social (o INSS com 77.2 porcento), a Electricidade de Moçambique (EDM com 15.1 porcento), a SPI (a empresa do partido Frelimo com 4 porcento), um ruandês de nome Alfred Kalisa (com 2.1 porcento) e outros pequenos accionistas quase todos eles da elite da Frelimo. O PCA é Dias Loureiro, antigo presidente do Instituto Nacional de Estatísticas. No seu Conselho de administração sentavam nomes sonantes da Frelimo como Mariano Matsinha e Feliciano Gundana como administradores.
Esta é a segunda vez em menos de três meses que o Banco de Moçambique agora comandado por Rogério Zandamela, intervém num Banco e desbarata mitos de “boa gestão”. Em Setembro o BM tomou o Moza Banco devido a problemas similares. (Redacção)


Banca Caloteira
Li hoje por aqui que, se calhar, temos de voltar ao tempo dos colchões ou dos garrafões enterrados no quintal para controlar as nossas poupanças. E veio-me logo à memória as inúmeras campanhas do tempo do proletariado, onde se aconselhava o POVO a enfiá-las todas no BPD, porque os “ratos” ou “sinistros” poderiam fazer evaporar em segundos o esforço de uma ou várias gerações. Ironia do destino, pois afinal, o destino que deram ao “Nosso Banco” mostra que os “ratos” estão no comando da Banca e não são menos “sinistros” do que os seus antecessores de quatro patas.
Vinte mil meticais é o que um desgraçado de um cidadão poderá receber por causa de uma bolada que o mesmo Banco de Moçambique autorizou nos finais de 2015, certamente esperançoso de que o pagamento via banco dos impostos da AT pudessem dar a solvabilidade que necessitava para financiar jogadas do Partido, visto que dos mega-projectos só se estava mesmo a ver lulas desde que Maleiane rumara de armas e bagagens para a zona do “Ferry-Boat”, largando o defunto BMI nas mãos de um Loureiro sem rei, nem roque, nomeado para apartar as jogadas da malta do costume.
Dizem alguns outros que este flectir de músculos do regulador já é parte dos pacotes do FMI para que Moçambique despegue da sua situação de “default” para se entender com os credores. Mas, como se pode ver, a realidade actual está bem longe de parecer simplista.
Coisa que não foi o argumento usado por Zandamela & Cia para nao compensar devidamente quem nada tem a ver com jogos de bastidores. Um Banco de Moçambique que não tem vergonha de usar o mesmo critério dos “perdidos e achados” das companhias aéreas da SADC, avaliando por quilo e não por valor estimado da bagagem que não chega a Moçambique, ou pior do que isso, pois que nem com um putativo seguro “Contra Falência de Bancos”, os incautos não deixariam de receber os funestos VINTE MIL METICAIS, quando não faz muito tempo o actual Ministro das Finanças propôs o pagamento dos reembolsos do IVA com “Boletins do Tesouro”. Ora, eu penso que a situação se aplicaria aos depositantes também. Pois afinal, o que o Estado nos está a revelar é que tem os cofres vazios para salvar bancos, logo espera que seja o mocambicano comum a voltar a enche-los novamente. Sendo assim, deve assumir suas responsabilidades e não comportar-se como um “Robin Hood” ao serviço dos ricos.
Ora, vá à merda sr. Governador do BM! V.Excia não passa de um lacaio da grande especulação financeira internacional. E quem o nomeou, nem sequer consegue ser pior do que um lacaio.
    Acabou a drenagem de dinheiro dos contribuientes do INSS ! Estado prefere perder o que ja pos no Nosso Banco do que continuar a fazer aportes de Capital ! Proteger os pensionistas e a palavra de ordem!
    Zandamela e sua equipa do Banco de Moçambique estão de parabéns. Capitalistas de meia-tigela.

    GostoMostrar mais reações
    Comentários
    Domus Oikos
Domus Oikos Boa observação
Gosto · 1 · 7 h
Belizario Cumbe
Belizario Cumbe Em um ano mamaram a mola e faliram um banco!
Gosto · 1 · 7 h
Zito Tomas
Zito Tomas E fica-se por ai? Esse dinheiro é "Nosso"(contribuintes do INSS)
Gosto · 2 · 7 h
Sunil Maugi
Sunil Maugi Exacto.
Incrível nosso país.
Porra mesmo..
Jeck Alcolete
Jeck Alcolete Não há esforço para reaver?
Rui Retxua
Rui Retxua As tantas outra auditoria (forense)!!!
Antonio A. S. Kawaria
Antonio A. S. Kawaria Jeck Alcolete , não há não. Antes e em cumprimento da promessa devem-se indemnizar aos que "Nosso Banco" haviam depositado o seu dinheiro.
Gosto · 1 · 4 h
Edio Matola
Edio Matola Proteger os pensionistas, é a palavra de ordem? Desde quando? A mesma fonte tirando água doce e salgada? No meu ponto de vista, não tem nada a ver com protecção dos pensionistas, alias se assim fosse, ajustavam a lei sobre a segurança social que é das piores do mundo, mas sim a insustentabilidade que essa "bolada" atingiu, em paralelo com tantas outras operações que se faziam por aqui, que se tornaram insustentaveis, e que não ha como continuar a pratica-las!
Gosto · 7 · 7 h · Editado
Antonio A. S. Kawaria
Antonio A. S. Kawaria Certíssimo.
Gosto · 1 · 4 h
Antonio Gomes
Antonio Gomes O limite de garantia de reembolso aos depositantes é de 20.000,00 Mts...ninguém vai preso?!
Gosto · 5 · 7 h
Efraimo Neves
Efraimo Neves Vê se eu entendi, você depositou 100 000 meticais e ai o banco faliu só recebe 20 mil meticais?
Gosto · 1 · 6 h
Antonio Gomes
Antonio Gomes Éh mesmo assim Caro Efraimo Neves !? comem o teu património e os artistas que levaram o banco à falência ficam numa boa?! É melhor explicarem melhor, bem explicadinho...
Cossa Khossa
Cossa Khossa E se estiveres a dever 100mil ao banco devolves só 20mil?!
Gosto · 2 · 6 h
Jasmin Rodrigues
Jasmin Rodrigues Kkkkk boa pergunta Cossa Khossa!
Gosto · 1 · 6 h
Antonio Gomes
Antonio Gomes Calma la, se estiveres a dever ao banco achas que alguem te deve alguma coisa? Se tiveres uma conta com 100 mil... Isso...com um pouco de sorte e muita chatice! Enfim
Cossa Khossa
Cossa Khossa Que nao tera resposta oh Jasmin Rodrigues
Gosto · 1 · 5 h
Vagner Basilio
Vagner Basilio Expliquem bem, so vejo voltas nos comentarios.
Delio Ernesto Massingue
Delio Ernesto Massingue Essa medida já devia ter sido tomada em 2014. Mas enfim nunca é tarde para disciplinar o Sistema Financeiro.
Gosto · 1 · 7 h
Jorge Ferreira
Jorge Ferreira O que o Egídio estava á espera de um Quadro do F.M.I. ? Conhece algum País,onde o F.M.I. entrou ,e melhorou a vida de seus Povos ? Se conhece ,diga-me apenas um...
Gosto · 3 · 7 h
Antonio Gomes
Antonio Gomes Perante o nosso "quadro clinico" acredito que estaremos melhor acompanhados com o FMI...o Jorge Ferreira conhece melhor companhia? Diga-me, diga-nos, apenas uma...
Gosto · 2 · 6 h
Jorge Ferreira
Jorge Ferreira F.M.I. ,não é uma companhia boa ,para ninguém.Se vierem com medidas que não beneficiem os mais desfavorecidos(que é a sua política),não se vai resolver.F.M.I. e o Banco Mundial,são o braço da implantação do Capitalismo puro.Sugar Povos e enriquecer Elites.O que Moçambique precisa é de Políticos e Economistas,que repensem o rumo a tomar...há soluções menos dolorosas...Governos limpos...
Jasmin Rodrigues
Jasmin Rodrigues E o "diabo" bendito!
Gosto · 1 · 6 h
Antonio Gomes
Antonio Gomes Jorge Ferreira você é da esquerda???? O seu discurso tá vazio...quem nao cumpre e nao honra tem que ser responsabilizado, mesmo que sejam Politicos e Economistas ou o raio que os parta!
Gosto · 3 · 6 h · Editado
Jorge Ferreira
Jorge Ferreira Sou por justiça social e contra os exploradores...não a favor de contruções de elites ,em detrimento do bem estar das camadas desfavorecidas de qualquer País...Sou de esquerda,sim...
Gosto · 1 · 6 h
Gulumba D. Mutemba
Gulumba D. Mutemba Mas para o nosso caso o problema não é FMI.
Todo o empréstimo bem usado vale alguma coisa. Agora levar dinheiro de empréstimo txilar,a culpa não pode ser de quem te dá emprestado.
Gosto · 3 · 5 h · Editado
Evanex Saboroso
Evanex Saboroso Ainda é o principio, pós esta novela de falencia dos bancos tem mais de 1000 capitulos estamos no capitulo 4.
Gosto · 6 · 7 h
Joao Alexandre Papucides
Joao Alexandre Papucides Amigo vaz, essa é para acreditar ou e para boi dormir?
Jaime Chambule
Jaime Chambule Mas esses escândalos que estão acontecer ja devia haver pessoas atrás das grades! Infelizmente a justiça é so para os rouba galinhas!
Gosto · 5 · 6 h · Editado
Isaac Sitoe Jr.
Isaac Sitoe Jr. Atento!!
Gosto · 2 · 6 h
Mario Albano
Mario Albano Vamos produzir, aumentar a nossa produção e produtividade. Deixemos de lamentações. Estrutura accionista do "Nosso Banco" - INSS 77,2 %; EDM - 16,13%; SPI (empresa holding da Frelimo) - 4,09%; Alfred Kalisa (empresario rwandes) 2,14%; outros 0,44%. Um banco privado com dinheiros publicos.
Gosto · 4 · 6 h
Antonio Gomes
Antonio Gomes ???? O que é que quiz dizer? Produz? Conseguiu fazer alguma poupança? Para a sua reforma ou para fazer face a qualquer imprevisto? Imagine que tem/tinha essas suas poupanças no "nosso banco"...voaram, alguém as derreteu! Gostava que fosse coerente com essa sua verborreia. Vá bujiar caro amigo
Mario Albano
Mario Albano Caro António Gomes, se estiver atento aos poste do Egídio Vaz vai entender as minha portagem. Por isso agradecia de acessar as postagens do Egídio depois me venha pedir desculpas .
Gosto · 3 · 5 h
Gulumba D. Mutemba
Gulumba D. Mutemba Não sei se entendí bem,mas o que disse o António Albano, é o que muitos puxa saco nos tem brindados.
O homem apenas nos fez recordar.
Gosto · 1 · 4 h · Editado
Mario Albano
Mario Albano É exatamente isso que eu quis dizer Gulumba D. Mutemba basta ver o fim do meu comentário.
Jorge Ferreira
Jorge Ferreira Produzir como,sr Mário Albano ? Se fecharam as Unidades de Produção ! Lembra-se ? Comentário lírico...
Gosto · 2 · 6 h
Mario Albano
Mario Albano Eu estou a responder há uma postagem do Egídio Vaz desta semana que dizia " em vez de lamentar devíamos trazer soluções" é o discurso oficial sem diz vamos produzir e aumentar produtividade, mais nunca nos dizem as causas desta crise..
Gosto · 1 · 5 h
Ricardino Jorge Ricardo
Ricardino Jorge Ricardo Hummmm! Zandamela deve estar a fazer uma greve silenciosa para envergonhar alguns mafiosos da nossa pérola.
Gosto · 1 · 6 h
Augusto DosSantos Pelembe
Augusto DosSantos Pelembe Este banco estava condenado a falência basta perceber que um dos accionistas e a holding frelimo
Gosto · 4 · 6 h · Editado
Jeck Alcolete
Jeck Alcolete Acaba assim? Não responsabilização?
Raimundo Pitagoras Lauma
Raimundo Pitagoras Lauma A holding tirava dinheiro como de água no poço se tratasse, para investimentos das campanhas eleitorais e aqueles pikinikes de conferências.
Gosto · 1 · 6 h
Novo Combatente De Moz
Novo Combatente De Moz Mocambique pode ser aquilo que alguns estudiosos cham de Estado Falhado.
Gosto · 1 · 6 h
Mauro Manuel
Mauro Manuel Ninguém vai preso?
Nelson Junior
Nelson Junior Carissimo Sr.Egidio,acho que comete um erro de ingenuidade em dar parabens ao Zandamela e ao Banco Central...analize profundamente as accoes do Zandamela e do Banco: as medidas que ele ate agora tomou, se bem que "economicamente" sejam validas, em pratica elas( as medidas) ao curto, medio e longo prazo vao prejudicar o desenvolvimento do Pais e prejudicar o simples cidadao...O Zandamela quer mostrar ao Pais que esta a fazer algo mas no fundo os caminhos que ele seguiu ou esta a seguir sao errados- A economia monetaria dum Pais deve ou deveria criar incentivos pra o desnvolvimento e o progresso da sociedade-Nao vejo ate quando e como as medidas do Zandamela irao criar tais condicoes-o problema financeiro de Mocambique nao eh tanto a ma admnistracao bancaria mas sim, deste sistema ter sido muito politizada e favorecer so e so uma elite da frelimo e familia...ate agora, o Zandamela tomou medidas que so prejudicam o simples mocambicano mas evitou de tomar medidas serias pra "reogarnizar" e "direcionar" os dinheiroes dos grandes e das suas multi empresas.....Sim, o Zandamela eh um economista , mas em toda sua vida limitou-se como um burocrata do FMI..e como sabemos o FMI prejudicou muito as "economias" do terceiro mundo...O Zandamela nunca foi um Ceo duma companhia ou um investidor, como tal so sabe seguir as orientacoes micro ou macro economicas do FMI...Mas ai em Mocambique tem individuos que poderiao ser bons governadores do Banco tais como o Nuno Castelo Branco, Joao Mosca e mais alguns outros-estes sao economistas com visoes- O Zandamela foi e continua ser um economista sem visoes:...mas sim um simples tecnocrata e de certa forma um outro lambebota......
Gosto · 2 · 5 h
Nuno Luis Amone
Nduma Waka Nkuna
Nduma Waka Nkuna Pode ninguem nao ir preso mas sabemos quem sao os suga-suga do taco do povo.
Eusebio Zelio
Eusebio Zelio nao Só a INSS mas também a EDM
Nelson Junior
Nelson Junior Ps!..carissimos meus, as aparencias as vezes podem enganar-vejam bem os factos e depois analizem: o problema em Mocambique nao esta tanto nos bancos: eh todo um sistema de governacao que esta errado....e os bancos fazem parte deste sistema fracassado...falamos dos bancos, mas tambem poderiamos falar dos hospitais, escolas, da policia..,pra nao falar dos politicos
Gosto · 1 · 4 h
Vitorino David
Vitorino David Yesesesese
Gosto · 1 · 4 h
Eunicio Jeje
Eunicio Jeje Tenho umas duas dakele puto
Nelson Junior
Nelson Junior ......interessante e estranho que o Banco Central tenha tomado medidas contra o Banco Nosso s se tenha esquecido dos grandes bancos cheios de dinheiros sujos...paradoxo, mas eh Mocambiqur
Gulumba D. Mutemba
Gulumba D. Mutemba Parece que o Mário Albano foi mal compreendido.

Pefiro que continuem impune, ao invés de teatro igual aquele da prisão doo Manhendje e do Munguambe.
Gosto · 1 · 4 h
Mario Albano
Mario Albano Fui com aqueles que não estão atentos as postagens do Egídio Vaz. Só queria mostra as contrações do Egídio.
Gulumba D. Mutemba
Gulumba D. Mutemba Mesmo assim, basta ler e compreender o seu comentário é possível perceber o seu fio do pensamento, principalmente na parte que fez menção das empresas acionistas do então Nosso Banco e quando termina com um questionamento que diz,dinheiros de Estado no banco privado.
Eunicio Jeje
Eunicio Jeje Almocaste ja?
Tocova Amisse
Tocova Amisse Diziam em campanha eleitoral, votem na continuidade, votem no melhoramento das condicoes de vida, vote na esperiencia. Hoje estamos na penuria e frustraçao. Que Deus nos olhe nos ouiça faça descer a tua bençao afaste ns dos malignos assim como afastaste o povo de Esrael nas maos do farao. Nso senhor as lagrimas de dor e sofrimento sao dos seus servos apenas pecadores mas nas suas maos existe a possiblidade de os perdoar e facilitares o melhor.
Mario Carlos Tete
Mario Carlos Tete Mas vc's até parece q não pensam,o sr. GOVERNADOR ZANDAMELA,pode até ter sido sugestão e ou imposição do FMI,pra a retomada de confiança visto ele ter vindo de lá(FMI) no entanto ele não tem nada a haver com a situação finançeira do pais,deixe ele trabalhar
Gosto · 1 · 4 h
Edmu Joao Panguene
Edmu Joao Panguene O nosso país ja esta falido meus conpatriotas como diz o nosso saudoso e grande rapper Azagaia que passo a citar "O governo é so culpado do que o povo permite
Samuel Chacate
Samuel Chacate Como assim?
Eliha Bukeni
Eliha Bukeni Merito e coragem para o Governador Zandamela, a equipa e a mesma que com o Gove e o Abreu ficou gastando soro com "pacientes" ja em estado de obito. Tanto o Moza como o Nosso Banco (ex-Banco Mercantil e de Investimentos) ja ha anos andavam com racios de solvabilidade negativos. O ex-BMI e uma especie de EMATUM, MAM e Proindicus, onde um grupo de mafiosos constituiu Sociedades Anonimas (empresa de direito privado) com base em recursos publicos!
Navalha Agnaldo Navalha
Domingos De Sousa Duarte
Domingos De Sousa Duarte É sempre preciso alguém primeiro roubar para depois dizer-mos que aprendemos pelo roubo?
Macvildo Pedro Bonde
Macvildo Pedro Bonde O colchao continua proximo. Quando a dor era do outro lado do Atlantico era normal. E agora que azar bateu-nos a porta, a consciencia parece outra.
Zulficar Mahomed
Zulficar Mahomed "...Para os que têm dinheiro depositado no nosso Banco, o Banco informa que o Fundo de Garantia de Depósitos (FGD), assegurará o reembolso do valor dos depósitos constituídos por clientes do Banco que sejam pessoas singulares, mas na operacionalização dos reembolsos dos depósitos, o FGD observará as limitações impostas por lei". Vai haver lágrimas....
Stelio Semedo
Stelio Semedo 😂😂😂😂😂😂😂😂😂... é triste, não devia rir, mas o "vai haver lágrimas" é verdade!!!
Gosto · Responder · 1 · 14 h
António Mutombo
António Mutombo Garantia ate o limite de 20.000mt
Raimundo Chau
Raimundo Chau ridiculo. isso e roubo
Matin Sabin

Escreve uma resposta...

Stelio Semedo
Stelio Semedo Não devíamos ficar tão surpresos, é só olharmos para os accionistas do banco, e já está!!! O Estado está em recessão, as empresas públicas mergulhadas em dívidas, e um Banco com mão directa do Estado e do partidão na gestão dos activos desse banco... Qual a surpresa?
Kito Etava
Kito Etava Estranho e interessante nas vesperas da chegada dos auditores internacionais, Mais um Banco na berlinda, Nossos irmaos a beira do desemprego, lamentavel, eu ja bem venho comentando de que sapateiro esta pra sapato, Politico esta para partido, Gestao de coisas publica esta pra gestores, quando se pensa gerir partido é o mesmo que gerir Bancos dà no que estamos asistir, falencia gradual das nossas instituicoes
Jerry Uamba
Jerry Uamba Isso não me surpreende em nada, a Banca, o sector imobiliário são em geral os primeiros ramos da economia a ressentirem-se do colapso econômico-financeiro. Moçambique não seria a excepção. A seguir vem a Cahora Bassa, aeroportos entre outras empresas públicas.
Gosto · Responder · 1 · 12 h
Francisco Domingos Langa
Francisco Domingos Langa O que me surpreende é que essas outras empresas não têm concorrência. Aeroportos, cahora bassa e lam é má gestão mano.
Jerry Uamba
Jerry Uamba De facto são empresas que detém o monopólio do mercado, aplicam o preço que quiserem e são extremamente altos mas mesmo assim estão tecnicamente falidas. Só posso dizer que existem sabotadores da Pátria mascarados em gestores empresariais que usam dinheiro público para servir interesses pessoais
Gosto · Responder · 1 · 4 h
Matin Sabin

Escreve uma resposta...

Mak Sim WA Hada
Mak Sim WA Hada Ainda não notaram que tudo onde a Frelimo está medida cai? Este governo é um flop, o que o INSS e EDM estavam a fazer aí, por isso que subiram energia para ser o povo a pagar a recuperação econômica no Banco. Estas empresas têm muitos problemas mas ao invés de resolve-Los o governo ainda lhes deu espaço para roubar mais. Tamos mal Sinceramente .
Marques Xerinda
Marques Xerinda Nunca vi em toda minha vida uma dupla de incompetentes Mussa Bachir Tembe e João Loureiro. Os acionistas do Banco merecem um óscar. Pela capacidade que tiveram em formar esta dupla amassadas.......
Nelson Fanheiro
Nelson Fanheiro É tudo uma cambada de ladrões que sugavao o estado em concordância e sintonia da corja da man ematum e os demais sanguinários que perderão o rumo e agora estão ancorados na Praia deserta.
Mário Laura Chemo
Mário Laura Chemo Com estas "boladas" perpetradas pelo governo de só devolverem 20.000 mts, vale a pena guardar o meu debaixo do colchão. Moçambique já está falido tipo Zimbábwe. Estamos na miséria!
Gercio Alberto Nhambiu
Gercio Alberto Nhambiu Temos que comprar cofres para guardar nosso dinheiro em casa.
Matin Sabin

Escreve uma resposta...

Olympius J. Mondlane
Olympius J. Mondlane Criam Bancos para so fazerem lavagem do dinheiro e depois disolvem hahhahhah
Ester Melo
Ester Melo Vou fazer como a minha falecida avó, guardar o meu (pouco) dinheiro por baixo do colchão, é mais seguro
Gosto · Responder · 3 · 13 h
Neusa Gimo Cumba
Neusa Gimo Cumba E o k será feito dos trabalhadores!????

Quantas famílias...... tsc
Gosto · Responder · 2 · 13 h
Fredson Luvicu
Fredson Luvicu é muito triste e lamentavel a situaçao que se vive em moçambique e uma verdadeira vergonha...#Donald_J_Trump faça alguma coisa.....
Gosto · Responder · 1 · 13 h
Badru Suamado
Badru Suamado Assim vamos andando do mal para o pior, parece não haver dúvidas que caminhamos para a corda da bamba!
Gosto · Responder · 1 · 14 h
Pires Calembo
Pires Calembo Esta me cheirar chulé isso, procimo ano mais 4 bancos vao feixar!
Gosto · Responder · 1 · 13 h
Rachid Said
Rachid Said Pelo andamento das coisas. BIM será o próximo banco a fechar o buraco.
Gosto · Responder · 1 · 11 h
Fauzio Mussagy Fernandes
Fauzio Mussagy Fernandes Muito mal.... STATE OF CAPTURE... O INSS dinheiro dos CONTRIBUINTES sendo mal investidos
Marques Xerinda
Marques Xerinda O sistema financeiro fica a ganhar com encerramento desta espelunca....com nome de Banco.....
Marques Xerinda
Marques Xerinda Mussa Tembe além burro é ladrão, nem condições de gerir um cabaré têm.....Este tipo devia ir cadeia
Francisco Domingos Langa
Francisco Domingos Langa Os recursos no sistema financeiro vão cair por causa desta medida.
Micaela Dossantos
Micaela Dossantos Mais um banco encerrando,mais desempregados,esta mal..resultado final sera greve terrível.....
Joaquim Couto
Joaquim Couto Nada de supresa..Este banco fou criado por pato dourado e sua quadrilha com fim de lavagem de dinheiro dos furtos que fizeram....
Paulo Rodrigues
Paulo Rodrigues so podemos pedir ajuda ao Trump para que mande em vez de camisinhas do HIV o FBI... Guantanamo tem quartos livres à disposição...
Gosto · Responder · 3 · 13 h
Paul Antunes
Paul Antunes Ainda vamos cagar fumo
Gosto · Responder · 5 · 14 h
Nelson Badaga Badaga
Nelson Badaga Badaga "o game esta muito violento"
Gosto · Responder · 1 · 14 h
Eddy Prínce Simbine
Eddy Prínce Simbine Niku gui-guiri gui-guiri niku ghám hi ndzaku kkk
Gosto · Responder · 2 · 14 h
Mbalamanje Uzende Chanunkha
Mbalamanje Uzende Chanunkha É triste, mais um passo para atrás.
Moreira Alves
Moreira Alves Fiquem atentos ao bci e moza banco vêm a seguir...😢
Hassan Osman
Hassan Osman Cenário assustador. Qual é o Banco a seguir? Pelo que acabei de ver e ouvir na STV o Fundo de Garantia somente irá devolver 20.000 mts a cada depositante. Será que entendi bem?!
Pacheco Cleisley Júnior Angelina
Pacheco Cleisley Júnior Angelina Isto cheira-me a mais encerramentos.
Nire Ernesto Manhalo
Isaias De Areosa Biggy
Isaias De Areosa Biggy Pessoas que perderam emprego. Opah
Marcelino Botao Botao
Marcelino Botao Botao K pena país d padza
Cuna
Cuna Hehehe, o "Vosso Banco"... 🇲🇿
Aleixo Mandava
Aleixo Mandava Frel tranfornou o pais em quintal deles.
Juma Basilio
Juma Basilio Menos 2!!!!
Vassili Vassiliev
Vassili Vassiliev So, so...so mais um! So,so...so mais um!
Gosto · Responder · 5 · 14 h
Abdul Fernando
Abdul Fernando Eu sou discontado no INSS so pra beneficiar ladroes da frelimo
Gosto · Responder · 2 · 13 h
Pedro Taremba
Pedro Taremba De onde irao ter o dinheiro p compra d armamento l matar o seu povo
Gosto · Responder · 1 · 14 h
Antonio Manjate
Ginoca Ramos
Ginoca Ramos Será que vai ficar por aqui? Que mais nos irá acontecer....
Calisto Joaquim Mabutana
Calisto Joaquim Mabutana Falta barclays e 1 banco antigo + nao desenvolve
Novais Jose Angolano Angolano
Moses Sibuyi
Edmundo Uqueio
Edmundo Uqueio País do pandza.kkk
Alberto Homwana
Alberto Homwana Assim vai o nosso Moz!
Paulo Filipe Serenguana Simango
Paulo Filipe Serenguana Simango Isso é polemica dos bandidos
Nelson Clemesse Manguissa Manguissa
Nelson Clemesse Manguissa Manguissa É Canal de Moçambique isso?
Sulemane Macedo Pinto Ibraimo
Gosto · Responder · 1 · 12 h

Sem comentários:

Windows Live Messenger + Facebook