segunda-feira, 3 de outubro de 2016

ESTUDO DO BANCO MUNDIAL 60 por cento da população moçambicana vive na pobreza extrema

Quinze milhões de moçambicanos vivem em pobreza extrema
ESTUDO DO BANCO MUNDIAL
Maputo) O Banco Mundial revelou neste domingo, 2, que 60 por cento da população moçambicana vive na pobreza extrema e é o décimo. país com maior número de pobres no mundo.
O documento, o primeiro de uma série que vai registar, a partir de agora, dados da pobreza e prosperidade do mundo, indicou que 15 milhões de moçambicanos vivem com menos de um dólar e 90 centavos por dia.
Os 10 países com maior proporção de pessoas em pobreza extrema são da África sub-sahariana.
O quadro dos países com maior proporção de pobreza extrema é encabeçado pela República Centro
Africana, com quase 80 por cento, enquanto a lista dos países com maior número absoluto de pessoas a viver com menos de 1,9 dólar por dia é a Índia, com 224 milhões.
Embora mais de metade dos pobres viva actualmente na África subsahariana, quatro dos países com maior número de pobres não são da região: Índia, China, Indonésia e Bangladesh.
DN – 03.10.2016

Sem comentários:

Windows Live Messenger + Facebook