domingo, 30 de outubro de 2016

Aldino Muianga lança “A noiva de Kebera” pela Kapulana do Brasil

 


Lançamento marcado para Novembro
A colectânea de contos “A noiva de Kebera”, de Aldino Muianga, já é bem conhecida pelos leitores moçambicanos. Afinal, o livro foi lançado no país lá vão alguns anos. Mas, porque a literatura não tem fronteiras e a língua – mais do que um espaço físico –, pode funcionar como nação do escritor, Muianga voa para o Brasil a fim de lançar o seu livro e com a escrita um partilhar um fragmento da cultura moçambicana.
O evento está marcado para 9 de Novembro, às 19h, na Blooks Livraria, na cosmopolita cidade de São Paulo. A iniciativa é da editora brasileira Kapulana, que tem vindo a divulgar vários autores moçambicanos no outro lado do oceano. Mas a actividade literária do escritor moçambicano começa, nesta viagem para o Brasil, na véspera do lançamento do livro, pois, no dia 8 de Novembro tem marcado uma conversa na Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, da Universidade de São Paulo, especificamente na Sala 200 do Prédio Didáctico de Letras.
Depois de São Paulo, no dia 12 de Novembro, Aldino Muianga parte para Salvador, na Baía, para, na Biblioteca dos Barris, a partir das 16h, participar de uma outra cavaqueira, moderada por Nelson Maca, seguido do lançamento de “A noiva de Kebera” e apresentação do catálogo da Editora Kapulana.
“A noiva de Kebera” é uma viagem ao passado de Moçambique, no qual Muianga, com esse traço muito “apegado” à oralidade que lhe circunda, descreve situões vividas principalmente por personagens desfavorecidas, como mulheres, crianças e trabalhadores, antes e depois da independência, em Maputo e arredores, como também acontece no outro livro do escritor: “O domador de burros e outros contos”.
Na versão brasileira, “A noiva de Kebera” sai com ilustrações de DAN ARSKY. Com efeito, a obra de Aldino Muianga insere-se na série Vozes da África”, um projecto da Editora Kapulana para divulgar as literaturas produzidas em África no Brasil. A série é composta por obras dedicadas a crianças e adultos. Nos dois segmentos, há livros de contos e de poesia.
Quanto a Aldino Muianga, nasceu no dia 1 de  Maio  de  1950,  no  Bairro  da  Munhuana,  arredores da capital do país. É membro da Associação dos Escritores Moçambicanos (AEMO) e fundador  da  Associação dos Médicos Escritores e Artistas de Moçambique (AMEAM). Além de “A noiva de Kebera” e “O domador de burros e outros contos”, publicados pela Editora Kapulana, Aldino Muianga também lançou “Xitala mati”, “Ngamula: o homem do tchova (ou o eclipse de um cidadão)” e “A Rosa Xintimana”. 

Sem comentários:

Windows Live Messenger + Facebook