sexta-feira, 9 de setembro de 2016

Homens armados avistados a caminho da base de Nigula

Depois do ataque a Muaquiua, em Mocuba

Os homens armados, que se pensa serem da Renamo, que na passada quarta-feira, 7 de Setembro, atacaram o posto administrativo de Muaquiua, no distrito de Mocuba, foram vistos por alguns cidadãos, na quinta-feira, a circularem no trajecto de Murotone para Muaquiua, onde se supõe que estejam a concentrar-se numa base chamada “Nigula”, e que está em reactivação.

Apesar de as autoridades governamentais terem expedido um efectivo das forças da Unidade de Intervenção Rápida para restabelecer a ordem, até ontem a circulação nas ligações entre os distritos da Mocuba, Maganja da Costa, Molevala, Pebane e Mucubela estavam condicionadas, o que obrigou a que alguns carros que tentavam circular tivessem que recuar.

Mas um responsável da transportadora “Nagi” na Zambézia disse ao “Canalmoz”, na quinta-feira, que a sua empresa conseguiu fazer a carreira no trajecto Quelimane-Nampula.


As autoridades garantem que as forças vão permanecer em Muaquiua por alguns dias até a situação voltar à normalidade.

Existem também informações de que, na madrugada de quinta-feira, homens armados da Renamo estiveram no posto administrativo de Luluti, distrito de Mogovolas, na província de Nampula, sem causar vítimas.

Luluti fica perto de Tucua, uma antiga base da Renamo. O Governo enviou, ainda ontem, um contingente da UIR para restabelecer a ordem.

CANALMOZ – 09.09.2016

Sem comentários:

Windows Live Messenger + Facebook