quinta-feira, 28 de julho de 2016

Conspirações no processo Carlos Cardoso


Não há dúvidas, pelo menos para os entendidos, que o processo Carlos Cardoso esteve prenhe de lacunas. Isto foi notório desde a investigação, audiências de julgamento e o próprio acórdão dos juízes-conselheiros do Tribunal Supremo.
De certeza que os que têm 20 e poucos anos de idade nem se recordam do processo com profundidade, embora fosse amplamente difundido pelas televisões. Foi mais um espectáculo gratuito do que um julgamento cujo cerne era encontrar os verdadeiros culpados e responsabilizá-los.
Até hoje, pessoas há que me questionam sobre o facto de ter sido condenado no processo Carlos Cardoso, quando tenho sempre defendido que sou inocente. Eu nunca tive nenhum envolvimento com o processo Carlos Cardoso. Aliás, em vida, Cardoso atacava mais a nomenklatura política, os filhos do chefe do Estado e os grandes tubarões. Fazia um jornalismo responsável longe desse jornalismo sensacionalista feito por alguns jornalistas de meia-tigela que andam ai aos magotes.
15 anos depois
António Jorge Frangoulis, ex-director da PIC e investigador principal do processo Carlos Cardoso, há dias, conforme atesta o vídeo aqui postado, disse que as pessoas que deviam ter sido presas ficaram de fora e que houve interrupção nas investigações do processo. Ele disse ainda que o único problema de Nini foi ter pago dinheiros por questões comerciais pois sabia-se que ele fazia negócios com o outro (Nyimpine Chissano).
Na verdade, todos sabem que antes da minha prisão, eu exercia actividade cambial. Tinha várias casas de câmbio e Nyimpine Chissano era um dos meus clientes. De maneira que havia transacções que fazia com ele e no final de cada exercício mandava-lhe as contas para os pagamentos. Eu, sinceramente, não sabia para que se destinavam determinados pagamentos. Fazia-os e mais tarde compensava-me.
Investigação
O processo Carlos Cardoso foi um dos maiores e mais mediáticos que o país já conheceu. Mas, como disse anteriormente, teve muitas falhas. Falhas propositadas porque havia um certo interesse em condenar alguns e deixar de fora os verdadeiros culpados. Em norma a investigação na fase preparatória do processo dura entre 34 a 90 dias. O processo Carlos Cardoso foi arrancado às mãos de Frangoulis pela Procuradoria, só com 15 dias.
Em 21 dias o processo já estava acusado pelo Ministério Público e entregue ao juiz Nhantumbo da 10ª Secção. Quando o juiz Nhantumbo se apercebeu que havia conspiração para prejudicar Ayob, Nini e Vicente Ramaya, foi imediatamente substituído e no seu lugar colocado o marionete Augusto Raul Paulino.
Tudo foi feito às pressas e alegou-se que o móbil do assassinato de Carlos Cardoso foi a fraude ao BCM. Isto só foi para sustentar a nossa condenação. Todos sabem que a fraude ao BCM ocorreu em 1996 e Cardoso foi assassinado em Novembro de 2000. Tantos anos depois. Nessa altura, o processo BCM já havia sido acusado e entregue ao tribunal. Tudo o que havia por escrever nos jornais sobre o BCM já havia sido escrito. Portanto, não havia nada que Cardoso fosse escrever sobre o BCM para que fosse assassinado.
Exoneração
António Jorge Frangoulis é docente e foi polícia durante mais de trinta anos. Do cargo de director da PIC foi exonerado justamente quando preparava-se para emitir mandados de captura contra Nyimpine Chissano. Lembro-me quando ele veio ter comigo à BO e lhe provei que o mandante do assassinato de Carlos Cardoso era Nyimpine Chissano.
À sua saída da BO, ligou para o então ministro do Interior Almerino Manhenge, a informar que ia emitir mandados de captura contra Nyimpine Chissano. A sua exoneração foi imediata. Antes de Frangoulis chegar ao edifício-sede da PIC, a sua exoneração já estava lá. Havia sido enviada por fax. Portanto, houve muita manipulação deste processe e o desfecho prejudicou a muitos em detrimento de algumas pessoas só porque estavam ligadas ao poder político do dia.
Vejam o vídeo do investigador principal do processo e cheguem às vossas conclusões.
Nini Satar
0:00
Justiça putrefacta (13)
A justiça é um dos pilares elementares para o desenvolvimento de qualquer nação. Um país que se pretende um verdadeiro Estado de Direito, a justiça tem que ser célere e não deve ser aplicada apenas aos mais fracos.
É do conhecimento de todos que pouco depois da independência nacional, até mais ou menos 1984/5.Moçambique teve execuções sumárias, centenas de moçambicanos foram injustiçados, havia a famosa lei de chicotada, uma autêntica vergonha, detenções arbitrárias, condenações injustas., fuzilamentos de pessoas só porque foram encontradas com cinco quilos de feijão ou dez barras de sabão.
E os promotores daquela desordem toda foram promovidos. Hoje alguns deles são juízes-conselheiros do Tribunal Supremo e outros ainda foram jubilados. E, nos dias que correm, o simples procurador ou juiz, vê naqueles desordeiros um exemplo a seguir. Por isso que no sector da justiça a putrefacção está instalada.
Seja como for, hoje não pretendo me cingir aos juízes-conselheiros (tiranos), embora reconheça que muitos deles deviam ser expurgados. Quero falar da justiça no seu todo para que tirem algumas ilações.
Pois bem: tem sido hábito da sociedade civil moçambicana atribuir culpas à Polícia e aos tribunais pela morosidade da justiça e/ou seu mau funcionamento. A meu ver, a maior podridão está alojada na Procuradoria-Geral da República e na Procuradoria da Cidade. É lá onde deve haver uma vassourada exemplar a partir da base até ao topo. No dia que isso for implementado, estou em crer que muita coisa vai mudar no nosso sistema judicial.
Acusar para mostrar trabalho
É recente o episódio triste em que o economista Nuno Castel-Branco foi levado à barra da justiça. Estava com o processo uma jovem procuradora (inexperiente) que, embora sem dados relevantes, acusou o académico e o jornalista do Mediafax, Fernando Banze.
Foi um julgamento amplamente publicitado, mas o juiz da causa acabou ilibando os réus (vítimas do Ministério Público). O julgamento despertou tanto interesse que foi acompanhado por todos: juristas renomados, cidadãos anónimos, organizações da sociedade civil, entre tantos. Havia muita curiosidade de ver o desfecho do julgamento.
E no dia da sentença, o juiz foi metódico e sereno: ilibou aos réus. Todavia, a jovem procuradora, para mostrar serviço, ainda recorreu da sentença pronunciada pelo juiz, tudo para agradar aos seus superiores hierárquicos.
Imaginemos que o mesmo processo, um dia venha a cair nas mãos de um desses juízes tiranos? Pode, possivelmente, haver um volt-face. Ou seja: Nuno Castel-Branco e Fernando Banze podem ser condenados.
Taibo Mucobora
Há muitas vozes que identificam Taibo Mucobora, Procurador-geral Adjunto, como o verdadeiro dinossauro da Procuradoria. Ou seja, ele é que lá manda e a Procuradora-Geral da República, Beatriz Buchili, limita-se a lhe obedecer, dada a sua falta de tarimba quando a Mucobora comparada. Do vice-Procurador nunca se ouviu voz. E isto não é opinião de Nini Satar, é dos próprios colegas da Beatriz Buchili que falam por ai em surdina.
Ora bem, muito antes da apresentação do Informe Anual do Procurador-Geral da República, os jornais notícias e domingo, a RM e a AIM publicitaram que a Procuradoria estava a investigar um processo relativo à multinacional italiana ENI, em que Armando Guebuza estava supostamente envolvido.
No dia do informe, Beatriz Buchili disse o que já se adivinhava: Armando Guebuza não estava envolvido naquele escândalo. Eu, Nini Satar, não tenho dados para desmentir Beatriz Buchili porque não tive acesso ao processo. Mas, em todo caso, as declarações de Buchili serviram como aval para que Guebuza pudesse andar a vontade nas ruas sem problemas.
EMATUM, Proindicus e MAM
Taibo Mucobora, o Procurador-geral Adjunto, surpreendeu muitos moçambicanos ao dizer publicamente que houve irregularidades na contratação da dívida que beneficiou as três empresas acima indicadas.
Foram estas as palavras de Mucobora: "No procedimento da instrução preparatória aconteceram audições em declarações e, até aqui, verificou-se que há violação da legislação orçamental no que diz respeito à inobservância dos limites e a não observância dos procedimentos legais e isso implica em ilícito criminal na forma de abuso de cargo ou função".
Isto pode ter surpreendido os incautos, mas para os que entendem um pouco de direito, perceberam que, acima de tudo, Taibo Mucobora estava a violar um dos preceitos elementares, uma vez que o aludido processo ainda está em segredo da justiça. Não pode ser publicitado.
Mas porquê Mucubora disse aquilo tudo? Em breve análise, percebe-se que veio a público confundir a própria opinião do pobre povo moçambicano. Ou seja, o que Taibo Mucobora fez pode-se chamar de jogada de mestre. Disse que a Procuradoria está a trabalhar no processo. Daqui a algum tempo dirá que estão a ser ouvidos Guebuza e Manuel Chang e que estes são os indiciados. Mais tarde ouviremos a decisão da Procuradoria: arquivamento do processo por falta de provas contra Guebuza e Chang.
Quer dizer, os principais suspeitos vão assim ser ilibados de maneira sofisticada. É aqui onde está a podridão da justiça moçambicana. Os grandes jamais são castigados. O povo é que sofre. A maneira mais sofisticada que a Procuradoria vai usar para ilibar os responsáveis pela desgraça de milhões de moçambicanos é abrir-lhes um processo, cujo vai ser depois arquivado alegadamente porque não há prova nenhuma.
E os culpados de tudo continuarão ai a desfilar nas ruas de Maputo e, quiçá, pelo mundo fora a esbanjar enquanto o povo continua cada vez mais pobre. E quanto é que está o dólar hoje?
Nini Satar
LikeShow more reactions
Comment
42 Comments
Comments
Paula Maria Raiova
Write a comment...
Pedro Tungadza Lamentável mestre Nini, estamos para o pior em Moçambique tudo por luta da libertação
Endo Atumane O dólar está a 1000Km/h. Bem acelerado. Tudo indica q vai chegar ao 100.
Salimo Hemed De facto esse assunto só veio para nós entreter esses não farão nada porque não há vontade política, eles não sabem que para uma causa sempre a consequência.e que também não existe uma causa sem autor. FMI ainda vai dançar para saber a verdade é nos dar dinheiro.
Passo Dias Calado Calado Amigo Salimo Hemed,acho que estas enganado em relacao ao FMI.O FMI esta a fazer o seu jogo,daqui a algum tempo has-de ouvir dizer que o FMI ate perdoou as dividas de Mocambique usando outros truques.Mocambique eh um bom cliente que o FMI estah interessado em perder.
Jose da Nilza dei gargalhadas quando leia sobre como sera o desfecho sobre o caso da divida " soberana"... nao porque e engracado mas sim e o que ira acontecer mocambique pais do deixa andar e dos baroes intocaveis! pais do medo, onde o povo teme fazer a greve pos no dia seguinte vao encontrar um estrangeiro no seu posto de trabalho, onde consideracao e luxo, onde ter um amigo com bom cargo no aparelho do estado significa esperanca, sim este e meu pais... bem vindo
Muhove Tata Eu iria perguntar ao governo moçambicano, para me definir o que é justiça
Yussuff Bin Pacha Rodjas Seja como for, esses valores nao serao devolvidos e iremos pagar essa divida. O que quero é prender e condenar os Guebuzianos e a sua banda em muitos anos de prisao, ate arrisco em dizer cadeia que esses ladroes, tiranos merecem nao é BO.
Cheirinho Zazamadhula Zazamadhula Precisamos de ir a luta pra nos libertar-mos desta gente mesmo k seja pa pegar Ak47 e ir a luta. Estamos sendo escravizados por esta cúpula e naõ estamos em paz. É sempre bom lutar por uma causa nobre k ficar a assixtir esta gente a destruir-nos. Estes nossos governantes saõ piores k os colonizadores, é urgente irmos a luta precisamos duma segunda Independência.
Arsenio Nkabwede Dizia eu, ainda estão no poder para melhor controlarem os seus podres de modo que não lhes crie problemas.
LikeReply18 hrs
Arsenio Nkabwede Pacha você ainda não entendeu o que o jovem Niny está querendo dizer? A lei é para os pobres e neste país de pandza não espere que estes Guebuzianos serão presos. Prova disso, ainda estão novos poder a controlarem os seus podres para que lhes crie problemas. É uma vergonha ter um país com dirigentes ladrões
LikeReply18 hrs
Arsenio Titos Matsinhe E' muito triste o que xta a acontecer neste pais onde um superior faz e desfaz so porque a justixa nao fuciona contra ele mas se fosse um ladraozinho de nada,ai que iriamos ver a justixa a mover ceu e terra pra infernizar o pobretao,mas ja que sao eles e' so sugar o moxanbicano ate morte.
Armando Timba A justiça divina tarda mas nao falha um dia vao pagar por sofrimento q causaram a milhoes de Moçambicanos
Rosalina Manuel Zefanias O crime da divida da Ematum prescreve este ano,MAM e Proi... prescreveem em 2017 ABUSO DE FUNÇÃO será o unico crime que serão indiciados prescreve em 3anos.
LikeReply16 hrs
Narcy Chauque Ilustre Nini, para quando o livro?! Eu tenho muitas sugestões para o titulo😊
Manito Nixon o ke e justiça.. .????? é proteger governantes ladroes e condenar ladroes de patos e celulares
NhamissöröDikôkô Sacur É de se lamentar. ..
Delfim Bernardo Pinto Muvote ja ouvist falr da democracia Ateniensse e a politica da Epoca media val? Tudo isso assemelhasse cm a realudad d Moz Lenbro me de um discursso de S.Machel k dizia A luta continuaaaaaaa. Por issp moz nunca stve independent saimos d colonizaçao Portugueza entramos na ditadra e pilhagen interna politica k so favoressen os cabessudos
Celso Leonardo Manhique Uma aténtica vergonha nossa Justica. Sugiro k mudem de nome para Ministerio da Injustica
LikeReply14 hrs
Nelson Daude Triste, país do pandza em grande👎🏾
Ahmade Nassone Sitoe Estao a vender o pais com os grands chefes.
Ahmade Nassone Sitoe Nyusse onde opovo encontrar matam ele oky
Ibrahimo Ossman Sem comentario
Catequista Isac Juliana Estamos mal aqui.
LikeReply15 hrs
Kilelio Helio Munguambe Pais de vergonha nosso
Tino Martinha Este governo está muito mal, as coisas tenq mudar
Holden Macuapa Somos todos uns falsos meu caro, Temos medo de Gangsters que tomaram de assalto os nossos orgaos de soberania!! Temos k acabar com o medo como uns que fizeram com que o Colono nos devolvese o pais ..outros lutaram para que se implantase o multi partidarismo..e nos pah!
Já Viram Dolar esta 70
LikeReply1July 27 at 9:53am
Samuel Bilika No comment
Herminia Manhica O dólar esta 70,52
Eusebio Costias Stress
LikeReply19 hrs
Doutor Maximo Maximo País da Vergonha!!!
23 Comments
Comments
Paula Maria Raiova
Write a comment...
Momade Assife Abdul Satar Cofe Emanuel Vilanculos
o anibal não era conhecido como criminoso.
era um cidadão que andava legalmente na rua.
LikeReply312 hrs
Sheinhani Waka Wetela Sei, pelos midia, que tinha a oficina mecanica dela nas bandas do Alto Maé. Agora só nunca percebi ao certo como ele chegou a onde está hoje...Mas enfim creio que um dia saberemos também dessa outra parte. Assim como do escurinho, Dudu.
LikeReply11 hrs
Renas Simiao Nao é possível Aníbal nao ser conhecido como criminoso.
Nao é possível irem contratar alguém que nunca antes cometeu crime para ir fazer tamanho trabalho.
Se nao era conhecido como criminoso como é que Carlitos soube que ele tinha uma arma enterrada ou no carro encasa da mãe?
LikeReply11 hrs
Momade Assife Abdul Satar Renas Simiao
anibal ficou conhecido como criminoso depois da prisão.
antes não.
se fosse conhecido estaria na cadeia quando o nympine mandou pagar.
e o senhor
Renas Simião sabe disto
so vem fazer comentários pra aparecer.
ó frangulis deixou bem claro neste video.
LikeReply111 hrs
Renas Simiao Anibal não é criminoso.
É assassino profissional.
Só no caso cardoso contratou Carlitos e Escurinho para pagar pouco enquanto era para contratar Sul africanos.
LikeReply111 hrs
Momade Assife Abdul Satar Renas Simiao
Português e facil perceber.
eu disse ficamos a saber sobre anibal depois de ele ficar preso.
antes ele andava como cidadão normal
ó Nympine conhecia melhor.
LikeReply311 hrs
Renas Simiao Por acaso ja conhecias o Anibal antes do julgamento?
LikeReply11 hrs
Sheinhani Waka Wetela Renas Simiao, quando dizes que é assassino profissional significa que é alguém conhecido no crime e supostamente anda nos arquivos da polícia ou então tens alguma prova disso?
LikeReply11 hrs
Manjate Matias O anibal antes da morte do cardoso era um mecanico nao mto honesto pelo k eu sei mas nao era criminoso, se fosse teria contratado os tas sul africanos
LikeReply10 hrs
Endo Atumane Renas Simiao acho que nem sabe o que significa ser conhecido como criminoso. Mesmo q lhe expliquem tem dificuldades de entender
LikeReply210 hrs
Sheinhani Waka Wetela Renas Simiao por uma questão ética não vou deixar nomes aqui de pessoas que vivem na mesma situação que o sr. Aníbal. Mas eu vejo ele como um intermediário principal. Alguém( mandante) disponibilizou 500milhoes de meticias( 21 mil euros) na altura. E quero acreditar que em vez de pagar mercenários profissionais, pode ter optado por rentabilizar o valor a seu favor aranjando pessoal local a custo mas baixo que poderiam fazer o trabalho confiante da proteção que gozava. Uma coisa é eu chegar a ti e dizer Renas aranjas me um pistão para BMW na RSA, e dou te 10mil randes. Olhas para a barraquinha do nigeriano que fica na rua a seguir e tem um pistão para BMW a 1500mt negociaveis...Tenho certeza que tu como mecanico não vais atravessar para buscar o de 10mil randes...vais trazer e montar o do nigeriano o meu carro vai andar até eu descobrir que era pirata.
LikeReply210 hrs
Joaozinho Vontade boas noticias
LikeReply3 hrs
Paula Maria Raiova
Write a reply...
Renas Simiao De tanto ouvir que foste preso injustamente acabo metendo na minha cabeça que es inocente.
Mais dizem que alugaste quarto num dos hoteis de maputo para desenhar planos na altura.
Estavas no corte do bolo e champanhe quando foi publicado a morte de Cardoso?
LikeReply111 hrs
Momade Assife Abdul Satar Renas Simião
vejo que es um burro ao quadrado
não entendeste o post...See More
LikeReply211 hrs
Renas Simiao Pare de atacar me e sugiro que leia de novo oque escrevi mais ler para entender?
LikeReply11 hrs
Renas Simiao Oque escrevi tem pontuação ( . ?)
LikeReply11 hrs
Manjate Matias Tem momentos tambem k acho k nini e inocente e momentos k nao acredito, mas tdo criminoso clama inocencia, cm isso n kero dzr k ele e ou nao e inocente
LikeReply110 hrsEdited
Momade Assife Abdul Satar Renas Simião
tas a duvidar o que disse o investigador do processo?
convido a ver o video postado 10 vezes porque parece que não entendes português.
LikeReply510 hrs
Renas Simiao Eu irei assistir denovo o julgamento.
Depois tenho tantas perguntas.
LikeReply110 hrs
Momade Assife Abdul Satar Renas Simião
ok
LikeReply10 hrs
Tony Cruz Aníbal dizia k os irmãos satar é k mandaram assassinar,Carlos Cardoso,oque dizes?
LikeReply8 hrs
Momade Assife Abdul Satar Tony Cruz
anibal dizia a onde?
se anibal não esteve presente no julgamento.
pareces criança oh Tony Cruz.
LikeReply48 hrs
Abdul A Saide Saide abdul satar quem vai pagar o tempo que ficaste preso.
LikeReply18 hrs
Amancio Sergio Senderriane Kkkkkkkkk estes pah !!!
LikeReply6 hrs
Renas Simiao Momade Assife Abdul Satar ha uma parte que frangols mostra dinheiro em pleno julgajulgamento e mostra gravações.
Diz q tu é q estavas a dar o dinheiro.
Diz também que tu eras amigo de Aníbal.
Esse caso é confuso!!
LikeReply5 hrs
Momade Assife Abdul Satar Renas Simião
voçe e um mentiroso e falso
onde voce ouviu que Frangoulis amostrou dinheiro.
se o próprio Frangoulis ficou pouco tempo com processo.
ja lhe disse veja o video postado.
ó frangulis disse bem
à investigação terminou a meio
e a pessoas que não deviam ser condenadas.
Renas Simião o português e facil.
LikeReply15 hrs
Tony Cruz Momade Assife Abdul Satar,eu não tenho direito a resposta?
LikeReply5 hrs
Edmen Massingue Aníbal foi julgado a revelia. Quem o tirou da B.O por 2 vezes uma das quais parou em Canadá? Acham mesmo que Nini tinha como manipular a justiça? Com que fins, vamos lá ser pouco inteligentes.
LikeReply3 hrs
Narcy Chauque Anibalzinho é meu vizinho na rua da 7a esquadra, nunca tivemos conhecimento dele envolvido em crimes, este foi o primeiro caso! Ele era mecanico, as vezes andava de grandes motos e carros tipico de mecanicos, nao eram dele.
LikeReply2 hrs
Abdul A Saide Saide a verdade vira
LikeReply1 hr
Paula Maria Raiova
Write a reply...
Sheinhani Waka Wetela Cofe Emanuel Vilanculos, como assim?? se o " dono" da mola não sabia para que fins seriam aplicados os valores!! Já viu aquela situação de teu amigo pedir emprestado teu carro para uma saida e tu confiante de que é amigo cedes o carro, uma semana depois GOE( Grupo de Operações Especiais) na tua porta, teu carro esteve envolvido num assalto seguido de morte...e vais dentro. Qual seria tua reação??
LikeReply711 hrsEdited
Sheinhani Waka Wetela Se alguém me pede emprestado 50mil e vai comprar uma arma e usa a mesma para matar alguém...onde eu entro nesse "barulho"?
LikeReply412 hrs
Horácio André Cuna Dr. AJ Frangoulis, um livro seu que nos mostre a outra face da justiça, seria interessante, tal como o fez o seu "homologo" português, Gonçalo Amaral, o investigador do caso do desaparecimento duma criança britânica - Medeleine Beth McCann. Após o seu ...See More
LikeReply312 hrs
Carlos Paia-kssou Deus é pai kota Momade Assife Abdul Satar ... Foste preso injustamente e hoje estas na liberdade... Força eles irao pagar por tudo k fizeram e fazem...
LikeReply112 hrs
Mindo D Villa aguardei muito por este post apois assistir aquela entrevista por duas vezes cheguei a visitar seu mural mas ai esta, so confirmou o que voce vem a meses explicando. triste
LikeReply12 hrs
Hamid Razia nessa entrevista sinto que faltou muito por falar,,,e o Jorge não deixava frangoulis terminar a sua dissertação durante a entrevista
LikeReply4 hrs
El Bambino no dia que as pessoas perceberem que este país tem uma elite intocável vão cair de costas esse é só um exemplo realmente esse processo teve muitas falhas processuais, desse a investigação até à acusação, muitos dos julgamentos que vemos que envolvem figuras emblemáticas não passam de um teatro exemplo :caso lam, manhendje no mint etc, o sistema judicial em Moçambique é uma fachada
LikeReply19 hrs
Pablo Scobar Triste cenario, como sempre dizx nas tuas abordagens q a lei so funciona para os mais fracos segundo teus postes q tenho acompanhado atentamente e colhido varias liçoes relacionadas contra o sistema instalado no nosso pais moçambique.... Triste
LikeReply111 hrs
Rugílio Luciano Sempre tive muitas duvidas quanto aos dois processos... "Carlos Cardoso" e "BCM". O depoimento daquele tipo de nome Dudu ou algo parecido, despertou minha atenção...parecia um teleguiado..
LikeReply11 hrs
Sheinhani Waka Wetela Passagens extraídas de um jornal português : O PÚBLICO ,LUSA 19/11/2002. Julgo que não foge muito do que o Dr comenta no video. " O filho mais velho do Presidente de Moçambique Joaquim Chissano, Nympine, foi hoje incriminado por um arguido do process...See More
LikeReply310 hrsEdited
Rudolph Schniering Triste o bom e que superaste o sistema sempre fez o que melhor sabem fazer mentir matar e roubar. Autênticos servidores do diabo.
LikeReply4 hrs
Manú Penga Durante o Processo por acaso Nini chegou a falar com o Nyimpine Chissano???sabendo que estavas preso por um crime na qual ele era o mandante.
LikeReply17 hrs
Rafael Rafique Eu acho ,na minha humilde opinião houve uma contradição entre o vídeo e o que o Nini relata e defende ,o próprio investigador afirma de forma categórica que o senhor teve uma acção culposa no crime ,Ainda fala dos cheques que o senhor teve uma grande responsabilidade sobre isso .de acordo com o vídeo prova que o Nini foi condenado por justa causa
LikeReply6 hrs
Eddie Munguambe Já se mordem as línguas entre eles essa verdade um dia vai sair ; A frelimo pensa que o povo não vem nada mas com certeza Deus vai revelar os verdadeiros culpados não só da morte do Cardoso mas sim de todos os assassinados nesse país
LikeReply11 hrs
Mindo D Villa o tempo sempre foi mestre em tudo!
LikeReply12 hrs
Salvador Mandlate Meus sentimentos por tudo que passou injustamente
LikeReply4 hrs
Francisco Alexandre YA. AGORA COMEÇO A VER A SUA INOCENCIA NO PROCESSO DA MORTE DO CARLOS CARDOSO. E LEMBR-MI DO JUIZ PAULINO TER DITO AO CARLITOS PARA NAÕ PRONUCIAR NOME DO NHIPINHE
LikeReply27 hrs
Deoclancio Rafael Nhatsave Triste demais ilustre! Mas o regime vai acabar
LikeReply6 hrs
Cofe Emanuel Vilanculos mas pagaste os criminosos, quid juris? fundamente
com base na lei
LikeReply112 hrsEdited
Aly Issa Es inocente n ha duvida!
LikeReply1 hr

Sem comentários:

Windows Live Messenger + Facebook