segunda-feira, 20 de junho de 2016

Guarda do comandante da Polícia mata cidadão na Matola

Guarda do comandante da Polícia mata cidadão na Matola
PDF
Versão para impressão
Enviar por E-mail
Destaques - Newsflash
Escrito por Redação  em 20 Junho 2016
Share/Save/Bookmark
Um jovem de 20 anos de idade morreu na madrugada de sábado (18) após ter sido baleado numa das pernas por agente da Polícia da República de Moçambique (PRM) na cidade da Matola, por sinal guarda da residência do comandante provincial.
O jovem, identificado pelo nome de Edson Muthemba, morreu no Hospital Provincial de Maputo (HPM) em virtude de ter perdido bastante sangue. A situação gerou indignação e levou a que populares incendiassem pneus na via pública, defronte da casa do comandante. Supõe-se o guarda do referido agente da Lei e Ordem estava sob o efeito de álcool.
Enquanto isso, em Nacala-Porto, um outro jovem, também de de 20 anos de idade, que responde pelo nome de Mussa Lázaro, foi baleado numa das pernas supostamente por ser membros de uma quadrilha de assaltantes na via pública. O caso deu-se no sábado (18), na Avenida Eduardo Mondlane.

Sem comentários:

Windows Live Messenger + Facebook