sexta-feira, 6 de maio de 2016

Renamo não vai participar na próxima sessão da Comissão Permanente do Parlamento


A Renamo não vai participar na próxima sessão da Comissão Permanente do Parlamento, alegando que foi avisada tarde e que a agenda é irrelevante. O partido de Afonso Dhlakama diz que a agenda deveria ser o esclarecimento da dívida pública.

Em comunicado de imprensa enviado esta tarde à Redacção do jornal Opais, a Renamo explica que a 12ª sessão ordinária da Comissão Permanente da Assembleia da República estava agendada para o dia 23 de Maio, mas a direcção do Parlamento decidiu fazer a reunião mais cedo, passando para próxima segunda-feira. A Renamo não aceita e diz que a agenda não justifica a antecipação da sessão.

“A convocatória foi entregue tardiamente, o que põe em causa as agendas das bancadas parlamentares e dos membros deste órgão previamente programadas e em execução. Dada a crise financeira que está a assolar o país é convicção da bancada da Renamo que a urgência duma sessão da Comissão Permanente deveria ser o esclarecimento da dívida pública”.

A Renamo diz que só vai à Assembleia da República discutir a actual crise financeira.

“Porque os moçambicanos e a bancada parlamentar da Renamo estão preocupados com o cenário financeiro e económico tenebroso em que o país está mergulhado propomos que esta sessão ora convocada seja adiada para o dia 13 ou 16 do presente mês de Maio, tendo como agenda o esclarecimento da dívida pública pelo governo, bem como outros pontos relevantes, incluindo o actualmente proposto”. https://fbcdn-sphotos-f-a.akamaihd.net/.../13177702...

Sem comentários:

Windows Live Messenger + Facebook