quinta-feira, 19 de maio de 2016

Encontrada morta no colégio depois de revelar ser vítima de racismo

A polícia não fala em homicídio mas há uma investigação em curso.

© Reprodução
MUNDO INGLATERRA19:53 - 18/05/16POR INÊS ANDRÉ DE FIGUEIREDO
Dagmara Przybysz, de 16 anos, foi encontrada morta no seu colégio em Cornwall, em Inglaterra, poucos dias depois de ter confirmado na rede social ask.me que se sentia vítima de racismo na escola.
PUB
A jovem proveniente da Polónia havia sido questionada sobre o tipo de “problemas que tinha no colégio” e, segundo o Daily Mail, respondeu que era vítima de “racismo” e que se sentia triste por saber que os colegas falavam mal nas suas costas.
Apesar de a polícia garantir que o caso não está a ser tratado como suspeita de homicídio, informações de vários órgãos de comunicação têm em conta a possibilidade de haver uma ligação entre a denúncia da jovem e a sua morte.
“Estamos extremamente chocados e tristes pela perda de Dagmara. Ela era linda e criativa e tinha um futuro promissor”, explicou Zelma Hill, diretora da escola que a jovem frequentava.  

Sem comentários:

Windows Live Messenger + Facebook