domingo, 17 de abril de 2016

Guebuza não: por Carlos Cardoso (1997) (*)

Via Ripua, mais uma vez passamos a conhecer assuntos intestinais do partido Frelimo, discutidos, em surdina lá dentro. 
Desta vez, é a sucessão de Chissano. Ripua quer Guebuza. Já o tinha proposto Primeiro-Ministro. 
Na nossa opinião Guebuza não. O nosso parecer assenta em dois factores: 1. As pessoas têm medo de Guebuza. 
2. Ele foi, talvez por uma razão de causa e efeito o primeiro factor, um dos ministros mais incompetentes a passar pela governação da Frelimo. Onde tocou, estragou. 
Vamos à questão do medo. 
É verdade que Chissano tem gerido a presidência com grau de hesitação, por vezes prejudicial para o país. Mas com ele na presidência desde 1986 Moçambique foi praticando níveis de liberdade de expressão. E hoje está bem evidente quanto melhorou na governação a pauta aduaneira por exemplo, fruto do uso crescente dessa liberdade. 
Via debate, o país foi encurtando o caminho para consensos e assim se arranjaram algumas soluções. 
Moçambique precisa, pois, de um presidente, cuja personalidade, ainda que menos hesitante do que a de Chissano seja pelo menos tão aberta ao diálogo como a dele. 
Guebuza tem sido o contrário disso. As pessoas calam-se por causa dele. Não tem nem um décimo da postura de Chissano no tocante a aceitação de crítica contra ele. 
A governação do país ficaria seriamente prejudicada com um presidente inspirador de-temor-e revolta-entre os cidadãos. 
Em segundo, mas não menos importante, lugar, a questão da incompetência. Armando Guebuza tem sido mau gestor da coisa pública. Como Governador de Sofala pôs em perigo o relacionamento com Portugal. 
Como ministro do Interior, adoptou para a operação produção, um método que anulou qualquer hipótese para a concretização das intenções que lhe deram vida (pese as responsabilidades do presidente Samora Machel numa conceptualização apressada do programa). 
E nos transportes Guebuza cruzou os braços perante o alastramento impetuoso do roubo e da corrupção, levando entre outros males, a uma quebra terrível do tráfego via porto de Maputo e ao desmoronamento quase irreversível da LAM. 
No partido Frelimo há outros sucessores possíveis para Chissano, apesar de nenhum deles, depois da morte de Samora Machel, ter defendido o país, contra a pilhagem desenfreada das nossas riquezas, tem no seu CV muitos mais méritos do que Guebuza para o cargo do PR. 
Por outras palavras, a transição pós-Chissano pode ser pacífica. Mas, a escolha final é a dos eleitores. Pelo menos enquanto Guebuza não for PR.

(In «Metical» de 15 de Julho de 1997, Carlos Cardoso) (*) Publicação a título póstumo. O autor foi assassinado a 22 de Novembro de 2000

O Comite Central da Frelimo terminou hoje, tal como estava previsto.
Agora a questão é; o que vai mudar, ou o que mundo? Nada! senão a guerra que está acontecer no centro e norte do país, subinda de preços de produtos da primeira necessidades e a desgraça da dívida acima da dívida sem o nosso consentimento.
A minha vontade é; renunciar à minha cidadania, ou melhor voltar ao estado da natureza segundo o Thomas Hobbes. Meus caros Como podemos pagar uma dívida que nem sequer vimos o que o tal dinheiro fez? nao fomos avisado antes e nem depois. Mas supredido pelas as médias internacionais. Que o país contraiu dívida atrás de dívidas.
Ora, questionado o executivo esse disse; os valores foram para as empresas, nomeadamente : Ematum, pro Índico... Agora excia, por que a dívida é soberana, ou melhor pública? Sim quando foram dever era em nome de uma empresa privada?.
Senhores da frelimo e seu ( governo) eu, meu filho e netos não podemos pagar uma dívida que não fomos avalista, ser um cidadão moçambicano não é a mesma coisa ser um avalista. Aliás, não somos culpado por ser moçambicanos , ou o facto de ser moçambicanos quer dizer que somos responsáveis das dívidas desnecessárias.
Eu e os restos dos moçambicanos lesado com estás dívidas; somos da opinião que melhor seria pegar as pessoas que comeram, ou roubar... estes dinheiro resposabiliza - los. Uma vez este estão vivo e são empresários da primeira classe no país.
Aliás, o que está a desficultar preender estes indivíduos?, por que o silêncio da justiça diante a estes que destruiram o nosso futuro? Afinal qual é a função dos nossos homens da justiça?

Um dos melhores comentários que li nesta rede social, aquando do CC e da crise (de liderança) no partido Frelimo e no país.
"Não creio que a solução resida apenas na negociação com a Oposição, essa não chega e até pode ser uma solução menor e de pouca dura. É na sociedade descomprometida com os políticos onde existem os caminhos para Moçambique. Moçambique é a soma de muitos vectores e quem o sustenta não são apenas os políticos. É preciso acabar com o conceito de que os moçambicanos apenas se revêem nos políticos, pelo menos nos actuais. Moçambicano de valor, hoje, é aquele que luta para sobreviver sem andar atrás da política, para enganar e dissuadir outros. É por isso que a FRELIMO enfrenta dificuldades, pois tem nas suas fileiras muita e pobre gente que apenas adquiriu o cartão para ter acesso à riqueza, ao posto de chefia." - Luís Loforte in Facebook.
Esclarecedor

Presidente Nyusi diz que Moçambicanos devem escolher o seu futuro. Pensei que o tivessem feito ao elege-lo Presidente!
Até ali Babá e os 40 ladrões iam sentir inveja ...
Do AEG e os 40 ANAListas...

Coitado do Comitê Central da Frelimo
A magna reunião do partido que dirige os destinos dos moçambicanos desde a independência, pariu o óbvio! Uma demanda de monções disto e aquilo encorajando o seu presidente a trilhar sob a treva.
Quando um país no estágio onde está o nosso, os quejandos membros do CC, alguns dele da classe média, não se aperceberam que o grupo de que fazem parte, está se associando ao povo, é sinal de que o abismo está nas suas caras.
O pavio do descontentamento não vira do aumento do chapa e do pão, mas sim do apertar do cinto da camada do cinturão das migalhas.
O CC acabou por parir o feto que junta a classe intelectual e os detetores da mão obra, cujo o parto em embrião, poderia ser abortado se os GATUNOS conhecidos, apesar das suas imunidades ( ou impunidades?) fossem ocupar umas celas vazias ali...
O resto é paisagem! Irmãos apertem os cintos que os dias de fel estão aí é, há quem esteja a comer PATO e ATUM e você nem MAGUMBA..
Nelson Aires Johane Simplesmente desolador. Eu estava cheio de esperança a avaliar pela agenda do CC.
GostoResponder2 h
Francisco Guita Jr Somos dos poucos - se não os únicos - que podemos provar que a esperança tbm morre! É obra!
Sarmento Abel Sande Triste e 100timental.
GostoResponder2 h
Elson Guila As min has expectativas foram fracassadas. Agora é só rezar
GostoResponder2 h
Rogerio Antonio As decisões sérias deste país não saem do comité central, mas sim da comissão política, portanto não podia-se esperar nada daquele encontro.
GostoResponder61 h
Francisco Junior "...há quem esteja a comer PATO e ATUM e você nem MAGUMBA" bwagagagagaga...
GostoResponder1 h
Dino Foi O comité central é o órgão superior do Partido Frelimo Rogerio Antonio.
Muitos nunca vem mas, para além do Conselho de Administração ou Directivo, dependendo da empreitada, há uma Assembleia Geral.
Então o CC é Assembleia Geral da Frelimo.

GostoResponder259 min
Rogerio Antonio Dino Foi, não nego isso, assim emana os estatutos do partido Frelimo, mas na prática o que se verifica é que o CC é um órgão inerte, não faz absolutamente nada, e, em contra-partida quem toma a dianteira das decisões sérias é a Comissão política, isso não é para discutirmos é um facto visível a olho nú.
Comentários
Egidio Vaz Ali Baba e os seus 40 ladrões não foram nada. 40, kkkkk. Número de ladrões
GostoResponder717 h
Nadya Sive ... Dead
GostoResponder17 h
Issa Gopal Tutos K coisa triste
GostoResponder17 h
Nzira Sofia de Deus Kkkkkkkkk... só o Luís para nos fazer rir numa situação triste como esta.
GostoResponder117 h
Jeronimo Matsolo Kkkkkkkk, dá muita pena sabe andaram a defender um ladrao este tempo todo, devem estar bem arependidos
GostoResponder17 h
Luis Nhachote Guebuza não

por Carlos Cardoso (1997) (*)

Via Ripua, mais uma vez passamos a conhecer assuntos intestinais do partido Frelimo, discutidos, em surdina lá dentro.
Desta vez, é a sucessão de Chissano. Ripua quer Guebuza. Já o tinha proposto Primeiro-Ministro.
Na nossa opinião Guebuza não. O nosso parecer assenta em dois factores: 1. As pessoas têm medo de Guebuza.
2. Ele foi, talvez por uma razão de causa e efeito o primeiro factor, um dos ministros mais incompetentes a passar pela governação da Frelimo. Onde tocou, estragou.
Vamos à questão do medo.
É verdade que Chissano tem gerido a presidência com grau de hesitação, por vezes prejudicial para o país. Mas com ele na presidência desde 1986 Moçambique foi praticando níveis de liberdade de expressão. E hoje está bem evidente quanto melhorou na governação a pauta aduaneira por exemplo, fruto do uso crescente dessa liberdade.
Via debate, o país foi encurtando o caminho para consensos e assim se arranjaram algumas soluções.
Moçambique precisa, pois, de um presidente, cuja personalidade, ainda que menos hesitante do que a de Chissano seja pelo menos tão aberta ao diálogo como a dele.
Guebuza tem sido o contrário disso. As pessoas calam-se por causa dele. Não tem nem um décimo da postura de Chissano no tocante a aceitação de crítica contra ele.
A governação do país ficaria seriamente prejudicada com um presidente inspirador de-temor-e revolta-entre os cidadãos.
Em segundo, mas não menos importante, lugar, a questão da incompetência. Armando Guebuza tem sido mau gestor da coisa pública. Como Governador de Sofala pôs em perigo o relacionamento com Portugal.
Como ministro do Interior, adoptou para a operação produção, um método que anulou qualquer hipótese para a concretização das intenções que lhe deram vida (pese as responsabilidades do presidente Samora Machel numa conceptualização apressada do programa).
E nos transportes Guebuza cruzou os braços perante o alastramento impetuoso do roubo e da corrupção, levando entre outros males, a uma quebra terrível do tráfego via porto de Maputo e ao desmoronamento quase irreversível da LAM.
No partido Frelimo há outros sucessores possíveis para Chissano, apesar de nenhum deles, depois da morte de Samora Machel, ter defendido o país, contra a pilhagem desenfreada das nossas riquezas, tem no seu CV muitos mais méritos do que Guebuza para o cargo do PR.
Por outras palavras, a transição pós-Chissano pode ser pacífica. Mas, a escolha final é a dos eleitores. Pelo menos enquanto Guebuza não for PR.

(In «Metical» de 15 de Julho de 1997, Carlos Cardoso) (*) Publicação a título póstumo. O autor foi assassinado a 22 de Novembro de 2000

GostoResponder1317 h
Nadya Sive Fomos avisados desde o início
GostoResponder317 h
Nzira Sofia de Deus Porque moçambicano não aprende? E pior comete erros e tem medo de corrigi-los...
GostoResponder417 h
Inacio Ernesto Mazive O aviso chegou. Nós é que não demos ouvidos.
Clelio Clelio como povo,temos que mudar urgentimente de postura,temos que ser mais interventivos...em democracia todos somos politicos.
GostoResponder27 h
Helder David Bem dito. Temos que reverter esta situacao calamitosa a todos niveis
GostoResponder7 h
Jeronimo Matsolo Num país onde 90% da populaçao é analfabeta, tem a lição bem estudada, é so distribuir camisetes e capulanas e acabou
GostoResponder5 h
Jeronimo Matsolo Os 10% de gente letrada vai falar e caravana passa pq nao disssidem nada qndo chega hora de votar
GostoResponder5 h
Comentários
Lucio Posse Também me surpreende... faço mesma pergunta!
GostoResponder19 h
Benedito Mamidji Ainda bem que eu não o elegi
Marlino Mubai Ele tem razao, temos sim direito de escolher o nosso future. Ele e o nosso presente
GostoResponder18 h
Benedito Mamidji Eu pensei que os moçambicanos tivessem escolhido o seu futuro ao escolhe-lo como presidente. Ele que faça por merecer a escolha, ao invés de continuar a falar bonito e a contradizer-se.
GostoResponder17 h
Marlino Mubai Conhece a expressao ku yendlekana?
GostoResponder117 h
Lucio Posse Marlino Mubai, se virmos bem, Nyusi é o futuro dos moçambicanos, uma vez que ele foi "eleito" no passado... agora, ao dizer isto ele está dizer que se mostrou um fracassado e está propor aos moçambicanos uma nova oportunidade de escolha... só não sei dizer se haverá abertura para uma escolha de verdade.
GostoResponder17 hEditado
Yussuf Adam o pasado ja foi, o futuro ainda nao veio e o presente e o que temos... Precisamosd e paz, inclusao, educacao e saude publicos, uso racional dos nossos recursos e que os crimes nao fiquem impunes.
GostoResponder114 h
Benedito Mamidji Mas para isso o parlamento terá que tomar o seu devido lugar como casa do povo onde as decisões sobre o nosso futuro são discutidas em transparência - enquanto esse espaço for o Comité Central da Frelimo ou a sua comissão política continuaremos a ter que suportar a hipocrisia e irresponsabilidade dos pseudo-políticos desse país.
GostoResponder13 hEditado
Lucio Posse Sim, é o presente que nós interessa. Presente este que já foi futuro (período de campanha eleitoral, votação e tomada de posse), então ele é o futuro que se tornou presente. Ele é que tem o dever de garantir isto que o Professor Yussuf Adam disse. Se Nyusi aparece com estes discursos está abdicar da sua responsabilidade e fugir do compromisso que assumiu. Sobre o parlamento, infelizmente, é mais um espaço do partido no poder de tão fraca que é a oposição! Já repararam que no contexto de crise política-militar e económica, a oposição só (se não estou errado) usou o parlamento para pedir esclarecimento. O que é bom, mas não houvesse nenhuma (se não estou errado) aparição pública com mais firmeza a falar do assunto.
GostoResponder6 h
Marlino Mubai By the way, em que contexto ele disse isto? Eu sempre defendi o fortalecimento de instituicoes e nao de homens fortes (strong man). O futuro esta nas nossas maos sim. Nos e que sentimos fome, andamos no my love, etc
GostoResponder3 h
Lucio Posse Marlino Mubai, isto é que deveria acontecer... Mas infelizmente o cenário é o oposto, "há um fortalecimento do homem", sobretudo no período guebuziano, o exemplo disto foi a operacionalização da "presidência aberta". Mais do que um instrumento de gestão do governo serviu de mecanismos de fortificação da figura de Guebuza. Na actual governação, ao invés da fortificação das instituições do Estado bem como da pessoa (na pior das hipóteses) tem se observado uma maior fortificação e centralização na Frelimo.
GostoResponder2 hEditado
Lucio Posse Talvez seja isto que esteja a fazer com que seja difícil perceber o Nyusi. Isto se tivermos em conta o seu historial político. O que faz com que não tenha capacidade nem para fortificar as instituições nem a sua a figura...
GostoResponder2 h
Marlino Mubai Problema de Mocambique e que os politicos ainda nao descubriram que a via mais facil de manter o poder e governando bem. Carlos Tembe, Daviz, M Araujo e, talvez Calisto Cossa sao exemplos disso.
Jossias Ramos
Jossias Ramos EU LEIO COM MUITO GOSTO E ATENCAO OS COMENTARIOS DESTE MAIS VELHO (L.L.). ADMIRO O BASTANTE.
17 h
Eliminar
El Patriota
El Patriota De facto.
17 h
Eliminar
Antonio A. S. Kawaria
Antonio A. S. Kawaria De facto é esse o problema. Em sociedades sérias a forte reação que obriga mudanças vem da sociedade, de cidadãos conscientes.
27 h
Eliminar
Homer Wolf
Homer Wolf Infelizmente... Triste porém, é que sequer uma ténua chama de fosforo se avista ao fundo do túnel.
Olho para os mais jovens de ontem (os Katuphas / ex.), tornados os mais velhos de hoje, todos rochonchudos e "resignados" às mordomias que o status-quo lhes propocionam - dali é melhor esquecer. Tento fazer uma Viage...m imaginária ao futuro, mas, para meu desespero, constato que as "flores" murcharam há bué...

Temo que, tão já, deste mato nâo sairá coelho

87 h
Eliminar
Ariel Sonto
Ariel Sonto Heheheh... Essa tua Viage...m...
35 h
Eliminar
Homer Wolf
Homer Wolf É uma miragem...
25 h
Eliminar
Nelson Junior
Nelson Junior Oh Caro Sr,Wolf...Meu amigavel Bom Dia...Infelzmzntz sao esses jovens de ontem( esses Katupas e mais outros) que no passado eram a esparança do País,porem,hoje com o poder nas maos transformaram-se em autenticos lambebotas,futeis e inuteis...e é ainda mais triste notar de que o Nyusi e tantos ministros pertencem à gloriosa geraçao de 8 de Março,geraçao esta que levantou o País nos momentos dificeis....Estes jovens de ontem,hoje tem o poder nas maos mas,comportam-se da mesma maneira como os "velhos" da frelimo...Realmente é muito muito triste e arrepiante...cairam no luxo e na boa vida,e esqueceram-se daqueles principios de 8 Março;...Servir o povo!
24 h
Eliminar
Nelson Junior
Nelson Junior Ps!...O Nyusi e os seus ministros ministros estao no Governo ha quase 1 ano e meio...e nao fizeram nada de concreto....limitam-se simplesmente em lindos discursos e em promessas irrealizaveis....Chagaram ao ponto de tentar de enganar o povo Moçambicano,com essas dividas fantasmas...no fundo ,roubaram tanto dineiro....
24 h
Eliminar
Mário Xavier
Mário Xavier Não poderia estar mais de acordo, Rafael Ricardo Dias Machalela!
26 h
Eliminar
Armandinho Caula
Armandinho Caula Bem dito.
16 h
Eliminar
Euclides Flavio
Euclides Flavio Em regras de Gestalt, o todo representa a soma das partes. Porém, temos o problema de pensar que a solução dos nossos problemas está sob monopólio e domínio de um grupo (Frelimo). É preciso pensar todos segmentos sócias, fora e dentro dos partidos. Devemos pensar uma fórmula mais abragente e representativa. Pois, a Frelimo sempre se mostrou narcisista e egoísta na resolução dos problemas. Em problemas técnicos sempre aranja soluções políticas nos seus comitês. Digam me vocês o que trouxe o ultimo encontro que reflete a vida dos moçambicanos? Moçambique deve ser pensado e construído fora de horizontes políticos e ideológicos.
14 hEditado
Eliminar
Nelson Junior
Nelson Junior Oh caro Senhor,nao tente de nao fazer uma analise filosofica e demagoga..a realidade é simples: a culpa é totalmnete da frelimo e do governo da frelimo-os outros segmentos da sociedade nao tem foça e poder de enfrentar a frelimo...e quando alguem da socidade quer enfrentar a Frelimo/ Governo é assassinado....e os assassinos nunca sao presos....veja a realidade real
14 h
Eliminar
Nelson Junior
Nelson Junior corecçao; nao tente de fazer uma analise filsofica...queria dizer-sorry
14 h
Eliminar
Euclides Flavio
Euclides Flavio Porque tanta agressão nesta manha de Domingo?
1. O Sr diz que a minha análise é filosófica. Não era suposto pedir me para lhe explicar a enssencia do meu argumento em outras palavras? Porque me julga sem entender o que pretendo dizer?

14 h
Eliminar
Nelson Junior
Nelson Junior Sorry,if I got it wrong...sorry!...I was just trying to crarify one point: Frelimo has a power to make things better...sorry
Eliminar
Bobby Kenedy
Bobby Kenedy Nelson Junior , não acredito que a frelimo tem poder de mudar as coisas, pois durante esse tempo vamos conhecendo uma frelimo mas preocupada com ela mesmo, mudam os dirigentes mas não se muda as atitudes, precisa-se de uma Frelimo que coloca o povo em primeiro, que coloca a bem estar comum em primeiro, não uma Frelimo que deixa o povo com uma dívida eterna e sem nenhum esclarecimento.. .
14 h
Eliminar
Nelson Junior
Nelson Junior Carissimo meu,esta Frelimo de hoje ja nao é um Partido politico mas sim uma organizaçao de individuos gananciosos,arrogantes que so pensam em se enriquecerem...acredite ou nao,a frelimo querendo pode restaurar uma paz permanente e "sistemar" a economia...ela tem know how e meios...o problema é que a frelimo "perdeu-se" e associou-se com o crime organizado....é triste
14 h
Eliminar
Hamilton Chambela
Hamilton Chambela Compartilho da mesma linha de pensamento
Eliminar
Vassili Vassiliev
Vassili Vassiliev No alvo!
Isaac Mabuie
Isaac Mabuie Assino por baixo
117 h
Eliminar
Sergio Saveca
Sergio Saveca Se nao estas safisfeito como mocambicano vai viver no Zimbabwe
316 h
Eliminar
Sancho Alfredo
Sancho Alfredo Kkkkkk, hei wa kazata tatana.
Eliminar
Samuel Badaga
Samuel Badaga A nossa justiça infelizmente já está #corrompida, há conflitos de interesses.
Na minha opinião todos os Ministérios, cidadãos em geral face a situação do país são chamados a colaborar, deve_se fazer algo para que situações dessa natureza não volte acontecer. Nós precisamos de nos unir e agirmos de tal forma que o governo sinta _ se precionado.
.
.
Fim

216 h
Eliminar
Sergio Saveca
Sergio Saveca e o k achas transformarmos o nosso pais como SIRIA OU EGIPTO?
Eliminar
Hassan Osman
Hassan Osman O Bom Senso dos que permitiram que esta Sujeira tivesse acontecido deveriam assumir a responsabilidade de fazer repôr o que foi desviado para que gerações e gerações não paguem por aquilo que não beneficiaram, quer eles quer mesmo Nós!
116 h
Eliminar
Georgino Mariano Tsongole
Georgino Mariano Tsongole Kikikiki. Jovem da Renamo tem expectativas de mudanças vindas de uma reunião da FRELIMO. Vocês envergonham pha. Era Partido e não Governo, tal como se a Renamo fizer seu Encontro de que envergadura, a FRELIMO não mete o bico. Os da FRELIMO É QUE PODEM FAZER ISSO. A vós, cabe convidar DHL a fazer o I Congresso da Renamo.
415 h
Eliminar
Isaura Gabriel
Isaura Gabriel Zefanias,vc.e de onde? Nacionalidade,e que escreves parece um estrangeiro recem chegado.
315 h
Eliminar
Aurélio Simao
Aurélio Simao Sem apoiar o Zefania so queria dizer que a frelimo é o governo sim ninguém duvida
Eliminar
Armezito Sebastião Mafanhane
Armezito Sebastião Mafanhane Como vai prende-lo estes bandidos? pq sao colega da proficao ele tambem tem assoes neste saque
Eliminar
Aurélio Simao
Aurélio Simao Talves é PCE
Eliminar
Aurélio Simao
Aurélio Simao Talves é PCE da EMATUM
Eliminar
Estevao Zefanias Chauque
Estevao Zefanias Chauque Foi só um encontro para angariação de patos e atuns.....
Eliminar
Julio Lacitela
Julio Lacitela As dividas da EMATUM e PRONDICUS foram contraidas pela RENAMO. Que ela pague sim!!! Yahhh
Eliminar
Inacio Ernesto Nzonga
Inacio Ernesto Nzonga frelimo em frelimo nunca e nunca mesmo vai mudar; aquelo em encontro normal como faz os regioso nada muda quanto a deus; a guerra vai continuar os generais vai continuar a recebr os 80000 mil dos mortos; assembleia nao vai nada mudar vomos asssistir ping pong de sempre
Eliminar
Giselda Laitela Laitela
Giselda Laitela Laitela Existem assuntos que não Animam comentar, pk qto mais comenta mais nervoso fica, pior não muda nada, lamento apenas a situação de vítima que nos encontramos.
28 h
Eliminar
Jose Maria
Jose Maria Nao ha como evitar essa vida,sair d pais n eh solucao voce tem carimbo d pais

Prender alguem nada resolve ok todos sao do mesmo tipo melhor eh fazer de comtas k nada esta acontecer

Eliminar
Manito Nixon
Manito Nixon PENSAMENTO ARCAICO...DE J.MARIA..!!
Eliminar
Manito Nixon
Manito Nixon ONDE ANDA O GRANDE ACTOR DO ;; PAPAI XI PFUNHA CUMA.....!!!! AINDA ESTAMOS A PFUNHAR..!!
Eliminar
Francisco Alexandre
Francisco Alexandre É PATRAÕ DE PATOS E O GOMATI TAMBÉM ESTA NA MAFIA
25 h
Eliminar
Helidio Moises Cumbane
Helidio Moises Cumbane Muito bem Zefanias
Eliminar
Richard Magumane
Richard Magumane Sabe, a falta de boa governação ( transparência) isso será uma das causas pra violência política. Concordo consigo. É chato.
Eliminar
Jr Chauque
Jr Chauque Sergio Saveca falar ias bonito calado. Depois vamos dizer que há liberdade de expressão. .....enquanto não sabemos usar . triste
Há moçambicanos que não lê mp3. ....Para não entender este post

Eliminar
Jr Chauque
Jr Chauque Gostei do post Parabéns Zefanias Augusto Namburete
Eliminar
Moises Salvador Mulhovo
Moises Salvador Mulhovo Forca Senhor Zefanias mais gostaria de parar com as teorias irmos na pratica porq temos um numero sufiente que ja esgotaram da palhacada que ansolam os mocambicanos., eu tenho maxima certeza que no nosso pais ha falta da politica.
Eliminar
Moises Salvador Mulhovo
Moises Salvador Mulhovo E para de falar de religioso porq pode perder a confianca dos seguidores
Eliminar
Manuel Severino Xavier
Manuel Severino Xavier Ha comentarios de nojo neste poste. Acho que o Partido FRELIMO fez a sua parte ao realizar a reuniao do comite Central. Isto mostra que e uma gormacao politica comprometida com a causa dos mocambicanos. Se existem pessoas que nao gostaram da reuniao eu penso que melhor se dirigem onde esta o vosso velho caduco que sobpensa em matar cidadao alegando que e um partido porquanto que e uma organizacao de terrorismo. Encorajo o Comite Central Da Frelimo a ficar na vangarda dos mocambicanos
Eliminar
Moty Farida
Moty Farida Devem mostrar solidariedade entre eles e arcarem com a divida dos colegas e libertarem nos


Sem comentários:

Windows Live Messenger + Facebook