sábado, 9 de abril de 2016

Ao Nuno Dala: As prisões a mando de JES não significam o fim da luta - Fernando Vumby


A justiça morreu assassinada pela politica – Raul Diniz

Luanda - Os que tentam promover o desordenamento politico-administrativo e social banindo as liberdades democráticas alcançadas com sacrifício, dor, e derramamento de sangue arrogam-se hoje, sem pudor, como detentores da ética, mas, serão execrados amanhã. Não existem dúvidas a esse respeito, pois, assim reza a história do passado recente da Angola colonial, que se traduz no expectante processo dos 50 onde o regime colonial fascista foi de uma forma irreversível fulminado politicamente.

Fonte: Club-k.net
Á EXEMPLO DA COSTA DO MARFIM, QUE TEM HOJE UM EX-PRESIDENTE DA REPUBLICA, A SER JULGADO CRIMINALMENTE NO TRIBUNAL INTERNACIONAL DE HAIA, ASSIM TEM SIDO EM TORNO DOS PAÍSES DITATORIAIS OMO ANGOLA É.
Após o assassinato da justiça, a politica suicidou-se e a democracia enlutou-se profundamente, levando a reboque o inefável estado de direito delirante para o abismo.

JOSÉ EDUARDO DOS SANTOS E SEUS PARES PASSARAM 37 ANOS A CONSPURCAR O PAÍS E A VIDA DOS E AS LIBERDADES DO POVO FORAM QUARTEJADAS, ELES ESMURRARAM A LEI E CUSPIRAM PARA NA CONSTITUIÇÃO, ASSENHORARAM-SE ILEGITIMAMENTE DOS RECURSOS NATURAIS E DE TODA RIQUEZA DO POVO PARA PROVEITO PRÓPRIO E DOS SEUS.
A politica morreu, assassinaram a democracia em Angola. O oraculo da politica é espinhoso, não existe legalidade democrática nem legitimidade politica onde impere a corrupção, peculato, nepotismo farsas eleitorais julgamentos fraudulentos, lavagem de dinheiro, perseguições, prisões e assassinados de cidadãos indefesos.

NÃO SE PODE COERCIVAMENTE MANIETAR NEM COIBIR ETERNAMENTE UM POVO DE OBTER LIVREMENTE JUSTIÇA.
José Eduardo dos Santos está a forçar a barra a corda esta demasiado esticada e a qualquer momento ela pode rebentar, ainda que assim aconteça, ela não rebentará dessa vez do lado mais fraco. JES e cúmplices tudo têm feito para aterrorizar o povo com invulgar impiedade, porem, essa atitude de nada serviria, pois, dessa vez, ainda que caia chuva de sangue do céu o povo estará munido de guarda chuvas para se proteger, e certamente usá-los-á como arma de defesa contra as injuriosas injustiças.

A MAIS DE DOIS MIL ANOS CICERO NA ANTIGA ROMA JÁ ADVERTIA TODOS A SEREM SERVOS DA LEI PARA QUE ELA FOSSE JUSTA.
A dois mil anos atrás, Cicero já afirmava no senado Romano, que todos somos servos da lei para ser livre. A dignidade da justiça angolana tem sido selvaticamente vilipendiada e sistematicamente sequestrada pelo poder politico controlado pelo ditador José Eduardo dos Santos.

O REGIME TEM PROCRASTINADO O FORTALECIMENTO QUALITATIVO DA JUSTIÇA, A FULANIZAÇÃO E A REAL SUBMISSÃO DO PODER JUDICIAL A VONTADE EXPRESSA DA CASA DE SEGURANÇA DO PR, TEM-SE REVELADO O FACTOR IMPEDITIVO DE SUA IMEDIATA AFIRMAÇÃO COMO PODER DE EQUILÍBRIO INSTITUCIONAL.
O problema da política neste momento eu diria é a falta de alternativa. Não tem para onde se possa correr. Isso é um desastre. Numa sociedade democrática, a política é um gênero de primeira necessidade. A política morreu. Essa afirmação não contém nem se circunscreve nenhum sentimento de exagero mal elaborado, mas ela está gravemente enferma. “É preciso mudar a politica domestica", inclusive o país precisa mudar urgentemente de vida.

NÃO HÁ DEMOCRACIA SEM LIBERDADE DO PENSAMENTO, NEM PODERÁ HAVER UM ESTADO DE DIREITO DEMOCRÁTICO SEM A AUTENTICIDADE DE MOVIMENTAÇÃO LIVRE DA POLITICA.
A declaração da UNITA face á condenação dos jovens ativistas deixou de boca aberta a maior patê da sociedade politica inteligente ativa, não é que os burocratas do partido do galo negro saíram à rua para afirmar estupidamente, diga-se de passagem, que a solução da crise e das condenações dos ativistas políticos passa pelas eleições de 2018.

ISAÍAS SAMAKUVA COMO POLITICO É UMA AUTENTICA FRAUDE IDÊNTICA A ELEITORAL
A sociedade angolana acordou triste e o país está a viver momentos de tremor e escuridão. Não se pode mais de maneira alguma ignorar o regime que vigora e Angola, tudo tem que ser feito para que o brinde resultante da manobra fraudulenta, programada pelas hostes da casa de segurança do velho carcamano arrogante seja desfeita.

MPLA E A UNITA APESAR DE PARECEREM DIFERENTES SÃO CLONES INCONFUNDÍVEIS
Se não se nota agora vai ser limpinho-limpinho que daqui por mais um ano, no máximo, quando se concretizar a noção da UNITA continuar a querer ser governo sem sacrifício nenhum da sua direção. Samakuva anda por ali, na UNITA indiferente as constantes contestações, que cresce a cada dia.

A UNITA E O MPLA TÊM O MESMO PROFESSOR, O JES. PODEM ATÉ TODOS TIRAR UMA ENORME FOTOGRAFIA PARA A POSTERIDADE QUANDO AMBOS OS PARTIDOS SEREM LEMBRADOS QUANDO FOREM SEPULTADOS O SEUS RESTOS MORTAIS.
A UNITA é ou pode ser pior ou melhor que o MPLA? Isso pouco interessa, o que todos sabem é que ambos são partidos irmãos siameses. Os javardos são clones, apesar de parecerem diferentes. Ambos enterraram a democracia e nem lhe fizeram o funeral, por isso aquele cheiro nauseabundo. O que na verdade eles querem é no mínimo fazer parte do arco da governação e ter um poder maior: serem governantes e ampliar as suas vantagens, dos familiares e amigos, da seita.

NÃO EXISTE NENHUMA DIFERENÇA COMPORTAMENTAL ENTRE AS DUAS SIGLAS POLITICAS, AMBAS RASTEJAM NO SOBRE O MESMO VOMITO E ENCONTRAM-SE NUM ESTADO EVOLUÍDO DE DECADÊNCIA MORAL.
A Morte do MPLA não será melhor que a da UNITA, lastimavelmente ambos sucumbirão por motivos idênticos, a irrefletida ganancia e a ambição desmedida de ambos são a obtenção do poder pelo poder.
 
O LONGE É UM LUGAR SEM NOME. NÃO O CONHECEMOS. NÃO EXISTE. NÃO NOS COMOVE. NÃO MOBILIZA O FLUXO DE NOTÍCIAS. FALA-SE DURANTE OS INSTANTES INICIAIS E DEPOIS É COMO SE O NADA CONSTITUÍSSE O QUOTIDIANO DAQUELA GENTE DE QUEM NADA SABEMOS. NÃO SABEMOS COMO RIEM. NÃO SABEMOS COMO BEIJAM OS FILHOS.
Os angolanos nada sabem sobre a vida do ditador vitalício e de sua família, não sabem como amam. Não sabem como dançam apenas o povo sabe como são postos a dançar uma musica nada estimulante e imprestável. Igualmente nada se sabe o que pensa e faz a UNITA e o seu incontestável líder vitalício Isaías Samakuva. Não se sabe nada dos homens, das mulheres, das crianças que compõem esse estranho séquito de bandalhos, na verdade o povo não os conhece minimamente.

EM ANGOLA OU EM OUTRO PAÍS, NINGUÉM COMPREENDE O QUE NÃO CONHECE. COMO VIVER OS SEUS DESGOSTOS, E/OU A DOR DAQUELES QUE LHES AFETA SE A SUA ORIGEM GENEALÓGICA É-LHES TOTALMENTE DESCONHECIDA!
 A ignorância é um lugar muito distante. Quem governa e vive longe do povo e da verdade são pessoas insanamente perigosas, pois apenas a si mesmas ouvem. Para elas, podem morrer 70, 100, 200 será o mesmo que morrerem 5, 10, ou 20 a fome, falar em liberdade para eles significa diminuir o seu espaço de influencia, a intriga é a arma nuclear a usar para adquirir status junto do chefe perneta.

ATÉ PARA MORRER É DIFÍCIL, TRAZ PROBLEMAS MORRER EM ANGOLA, O REGIME CRIOU MECANISMOS PARA O POBRE MORRER EM COMPLETA INDIGÊNCIA, SEM DEUS E SEM JESUS.
A contabilidade das mortes n hospital Maria Pia ou em outros lugares, para JES e seus sicários é o mesmo que fazer deambulantes citações sobre pornográfica. Mas não há maior pornografia moral do que deixarmo-nos enredar naquela voraz máquina noticiosa que faz perceber como não somos iguais. Nem na morte. Porque a morte dos pobres é melhor que a deles.


Alemanha - Pois essa tua forma ( radical ) de luta vincada pela greve de fome exige um alto grau de heroísmo , pois é a tua própria vida que está em risco e pelos teus direitos não te importas perde-la. Respeito !!!
Fonte: Fórum Livre Opinião & Justiça
O meu respeito acima de tudo pela tua atitude revolucionária e de teus companheiros que provam que a prisão não significa o fim da luta e nem dos princípios que defendemos e que afinal é possível mesmo lá dentro das masmorras manter o combate acesso e permanecerem unidos.

A tua greve de fome já tem êxito porque chegou ao conhecimento da opinião publica nacional estando a sensibilizar os angolanos e fomentar a mobilização popular em torno dos teus /nossos objetivos.

Como ex preso político do regime sob gestão na altura do outro assassino Agostinho Neto sei o quanto é duro e horrível suportar todo o tipo de tortura selvagem de gente bem treinada especialmente para fazer do sofrimento de presos políticos suas fontes de inspiração.

ENQUANTO O MUNDO NÃO QUER SABER DA CORRUPÇÃO QUE MATA TANTA CRIANÇA DE UMA SÓ VEZ EM ANGOLA !!

E quanto mas das greves de fome feitas por gente presa um pouco por quase todo o país por não concordarem com o regime sob gestão do maior assassino da atualidade de nome José Eduardo Dos Santos .
O que se lê com frequência e para arrepio dos angolanos é que cada vez mais há organizações que de defensoras dos Direitos Humanos se vão transformando em amigas fingidas ou não , do carrasco angolano , seu regime bárbaro e das nossas riquezas .
Vai completar 30 dias que Nuno Dalas entrou em greve de fome para exigir principalmente a libertação dos seus cartões de créditos aprisionados tal como ele pela ditadura
Onde estão afinal as pressões internacionais e os gestos de solidariedade para com estes jovens que sofrem tanto por serem o que são e agirem diferente dos outros ?
Precisamos de ajuda internacional principalmente de países como os Estados Unidos da América para que possamos alcançar uma saída pacifica da crise política que Angola atravessa e libertação imediata dos nossos jovens , pois é bom que o mundo saiba que nosso pedido é democrático e sensato..
O Ditador angolano José Eduardo Dos Santos deveria entender que do outro lado da perseguição política que ele move contra os jovens particularmente , existe o lado humanitário que deve ser respeitado e levado em consideração.
Embora não foi noticiado em Angola quanto sei o ditador angolano recusou-se recentemente á receber uma comissão constituita por jovens residentes na Diáspora e não tenho problemas em dizer que foram instruídos por mim , para tentarem uma audiência com o mesmo para lhe fazer sentir a nossa preocupação em relação a questão dos presos políticos.
Vou continuar ...
Fórum Livre Opinião & Justiça

Fernando Vumby

Sem comentários:

Windows Live Messenger + Facebook