segunda-feira, 28 de março de 2016

Mais um albino morto em Tsangano (Tete)

Os raptos e assassinatos de albinos continuam em Moçambique ante ineficácia das autoridades policiais e até certo ponto com a sua cumplicidade. Informações de Tete, concretamente no Posto Aministrativo de Mtengo wa Mbalame, dão conta que na Páscoa foi raptado e morto um albino que em vida respondia pelo nome de Maninho, na aldeia de Sani, povoação de Kachenya. O Pânico instalou-se entre os poucos albinos que vivem na zona. Ao que o MTQ apurou, o rapaz fazia negócio de recargas de telemóveis para sustentar a mãe com quem vivia desde que o pai (conhecido por Betha) lhes abandonou encontrando-se actualmente casado em Tete. Pessoas contactadas pelo nosso correspondente apontam a existência de agentes policiais que estão a colaborar com os bandidos neste crime. Recorde-se que no mês passado um agente da Polícia foi linchado em Moatize quando tentava raptar um albino numa escola pública, algo que a Polícia acabou admitindo pois parte dos raptores tinha-se refugiado na esquadra local e a população para lá foi a fim fazer justiça com as próprias mãos. A nossa fonte está no local e logo que tivermos mais informações iremos actualizar.  

Sem comentários:

Windows Live Messenger + Facebook