quinta-feira, 10 de março de 2016

FADM MATAM CIVIS EM HONDE – BÁRUÈ (video)

video
As mesmas sevícias que as FADM inflingiram as populações de Tete estão sendo feitas em Manica, com a particularidade de que a população daqui nem pode ser visitada por ONGs para reportarem o terror que o Governo de Nyusi está a cometer. Várias pessoas desesperam e as mortes, raptos e violações são uma constante. O Video resume um pouco do que é feito um pouco por todo o lado «Foram 64 militares da Frelimo, bateram a porta do secretário para lhes mostrar homens da Renamo. Balearam a senhora que caiu com o filho  e o enterro já foi realizado», dizem os residentes.

FDS incendeiam residencias e baleiam mortalmente duas pessoas em Honde


A população de Honde, no Distrito de Bárue, província de Manica, acusa as Forças Governamentais de terem assassinado a queima Roupa duas pessoas e incendiado residências naquela parcela do país. De acordo com os populares, cerca de 60 militares invadiram a residência do secretário do Bairro, exigindo que lhes mostrassem os Homens Armados da Renamo.
“Estávamos a dormir quando fomos surpreendidos com tiros de bazuca e, a minha mãe informou ao meu pai que fora a situação estava mal. Do nada vimos vários soldados da Frelimo, eram cerca de 64 soldados. Pegaram meu pai lhe deixaram cair e, o obrigaram a lhes mostrar os Homens Armados da Renamo para preservar a sua vida.
A minha tia foi baleada e caiu junto com seu filho”, disse uma testemunha citado pela TVCB.
“Os que dispararam aqui, são os homens da Frelimo. Ouvi que queriam saber onde é que estavam os homens armados da Renamo”, disse uma outra testemunha.
Importa referir, que o funeral das duas vítimas mortais já foi realizado.

Lembre-se desta notícia do dia 09-03-2016

Informações em poder do MTQ, vindas de Honde, distrito de Báruè, na província de Manica, dão conta de que as Forças Armadas e de Defesa de Moçambique chegaram a uma aldeia onde iniciaram a atear fogo sobre algumas casas. Uma fonte militar que nos falou na condição de anonimato e que fez parte do grupo, afiançou-nos que numa das casas em que os moradores não abriram a porta, foram queimadas duas pessoas vivas, uma mãe e respectiva filha. Quando os homens da Renamo se aperceberam do que se estava a acontecer, acorreram ao local e houve troca de tiros que resultaram na fuga dos homens da FADM que deixaram para trás cinco casas queimadas e um rastro de terror. Ainda não temos a confirmação oficial e contamos, como sempre, com as actualizações. 
MTQ

Sem comentários:

Windows Live Messenger + Facebook