terça-feira, 1 de março de 2016

Ex-responsável da ONU acusado de assédio sexual

Hoje às 14:39
A polícia indiana que acusou o ex-dirigente do painel de peritos da ONU para as alterações climáticas Rajendra Pachauri de assédio sexual, na sequência de uma queixa de uma antiga colega do perito.
 
STEFAN WERMUTH/REUTERS
Rajendra Pachauri, de 75 anos, está acusado de quatro crimes
A polícia apresentou as acusações contra Rajendra Pachauri num tribunal de Nova Deli, esta terça-feira, mais de um ano depois da mulher, com cerca de 29 anos, ter apresentado a queixa.
Segundo a mulher, o perito enviou-lhe textos e mensagens de correio eletrónico ('emails') inapropriados.
"Entregámos hoje a ata de acusações e o tribunal vai decidir quando irá começar a ouvir as partes", disse um responsável pela investigação do caso, Virender Dalal, em declarações à agência noticiosa francesa AFP.
A polícia acusou Rajendra Pachauri, de 75 anos, de quatro crimes, incluindo agressão sexual, assédio e intimidação criminal, segundo o advogado da queixosa.
"A polícia entregou no tribunal uma ata de acusações com cerca de 1.400 páginas", afirmou o advogado Prashant Mendiratta, também citado pela AFP.
"Vamos precisar de tempo para analisar todo o documento, mas afirma que foram encontradas evidências suficientes para provar algo", acrescentou o mesmo advogado.
Rajendra Pachauri, que está em liberdade após o pagamento de uma fiança, negou as acusações de assédio sexual e afirmou que o seu telemóvel e os seus 'emails' foram pirateados.
Em fevereiro do ano passado, Pachauri demitiu-se da presidência do painel Intergovernamental sobre Alterações Climáticas (IPCC) devido a estas acusações de assédio sexual. Desde então, a polícia de Nova Deli estava a investigar o caso.
O perito dirigia o IPCC - painel intergovernamental das Nações Unidas que junta peritos da área das alterações climáticas, do qual 195 países são membros - desde 2002.
Em 2015, a funcionária em questão, cujo nome não pode ser divulgado por motivos legais, apresentou a demissão do Instituto de Energia e Recursos, com sede em Nova Deli.

Sem comentários:

Windows Live Messenger + Facebook