domingo, 27 de março de 2016

Dhlakama promete reagir politicamente à apreensão de armas


Perdiz garante que a PRM apoderou-se de 285 mil meticais 

O presidente da Renamo, Afonso Dhlakama, vai reagir politicamente à apreensão de armas na sede do partido e em duas das suas residências na cidade de Maputo.
Num comunicado lido esta tarde pelo chefe de departamento de Defesa, Ossufo Momad, a Renamo classifica de “invasão e arrombamento” a operação da polícia e diz que a posse de armas é um direito protegido pelo Acordo Geral de Paz.  
Além de material bélico, a Renamo diz que as autoridades apreenderam mais de 200 mil meticais, um computador portátil e detiveram quatro pessoas.

Sem comentários:

Windows Live Messenger + Facebook