sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

União Europeia procura “lavar roupa que sujou”


Comments

1
Manambua said...
Os europeus infelizmente ultimamente nâo deixam de meter a "pata na poça"! Senâo vejamos: tanto na Primeira como na Segunda Guerras Mundiais, teve que ser o amigo americano e em certa medida o urso soviético (na WWII) a desenrascar o europeu. Nas guerras balcanicas outravez os américas ao resgate. Europa hà muito que nâo sabe o que quer, nâo encontra um rumbo fixo e cada naçâo puxa a brasa à sua sardinha. Resultado? Ninguém confia na política exterior europeia e Moçambique nâo foge à regra. Tanto a Frelimo, sempre protegida pela UE por razôes económicas mas desconfiada porque qualquer giro da situaçào provocaria o lógico abandono do apoio europeu. A Renamo sabe disso e tudo faz para mostrar ao "interesseiro e egoísta" europeu que joga no cavalo errado, a inepta e incompetente Frelimo. Mais uma vez a Europa observa, impotente e apática o desenrolar das coisas a ver para que lado virar-se. Erro porque todo o mundo já sabe que os europeus sâo acima de tudo, egoístas, interesseiros, vira-casacas e mentirosos. Nâo sâo de fiar portanto nunca terâo um papel importante e decisivo em Africa. Isso acabou hà muito, quando durante a crise do canal do Suez, os americanos mostraram ao Mundo que a Europa estava velha e cansada e acima de tudo comodamente instalada na sua velha poltrona de potência colonial acabada.
2
umBhalane said...
I
CONTEXTUALIZANDO
Quer dizer, colocar devidamente dentro do próprio contexto.

" NATURALIDADE

Europeu, me dizem.
Eivam-me de literatura e doutrina
européias
e europeu me chamam.

Não sei se o que escrevo tem raiz de algum
pensamento europeu.
É provável... Não. É certo,
mas africano sou.
Pulsa-me o coração ao ritmo dolente
desta luz e deste quebranto.
Trago no sangue uma amplidão
de coordenadas geográficas e mar Índico.
Rosas não me dizem nada,
caso-me mais à agrura das micaias
e ao silêncio longo e roxo das tardes
com gritos de aves estranhas.

Chamais-me europeu? Pronto, calo-me.
Mas dentro de mim há savanas de aridez
e planuras sem fim
com longos rios langues e sinuosos,
uma fita de fumo vertical,
um negro e uma viola estalando."

RUI KNOPFLI

Vou ver se consigo esvrever o II!


É BOM ACORDAR DE VEZ.
FUNGULANI MASSO.


LEMBREM BEM

QUEM NÃO LUTA, PERDE SEMPRE
A LUTA É CONTÍNUA

Sem comentários:

Windows Live Messenger + Facebook